Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Viagem ao Egipto (1).

por Luís Menezes Leitão, em 04.01.17

DSC00123.JPG 

Há imenso tempo que andava a planear uma viagem ao Egipto, que fui sucessivamente adiando devido às confusões em que infelizmente se conseguiu colocar o mundo árabe. Mas este ano jurei que seria a altura e nem um atentado no Cairo nas vésperas da viagem, a que se somou outro atentado em Istambul, cidade onde fiz escala por duas vezes, me fez dissuadir desse objectivo. Os terroristas não podem matar toda a gente, e a melhor atitude a tomar é não deixarmos que os atentados influenciem o nosso comportamento. A aposta foi ganha, uma vez que a viagem foi extremamente tranquila.

 

O Egipto é um autêntico museu a céu aberto, e quando julgamos que já vimos tudo o que nos poderia deslumbrar, somos surpreendidos com algo ainda mais grandioso. Na verdade, não há no mundo mediterrânico civilização mais perene do que a civilização egípcia. O Império Romano durou cerca de quinhentos anos, a Grécia Antiga cerca de mil anos, mas o antigo Egipto perdurou por mais de três mil anos. No Egipto o passado e o presente estão profundamente ligados, sendo impressionante a quantidade de testemunhos históricos que ainda hoje se continuam a descobrir. 

 

Curiosamente, a porta de entrada neste mundo mágico é uma cidade perfeitamente banal, o Cairo. Com uma população de cerca de oito milhões de habitantes, e uma área urbana de 23 milhões de pessoas, o Cairo é a maior cidade de África. Especialmente caótica em termos de trânsito, uma vez que nos explicaram que a regra ali é a de que quem tem pressa tem prioridade. Como resultado, os sinais vermelhos são considerados simples decorações de mau gosto. Por pouco não nos ocorreram vários acidentes, mas a perícia dos condutores, que encaram cada viagem como um rally urbano, evita consequências piores.

 

Em qualquer caso é irresistível o pitoresco do Cairo velho, especialmente um passeio nos seus mercados, com inúmeros comerciantes, que vendem exactamente as mesmas coisas, a tentar apanhar qualquer turista desprevenido.

DSC00251.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 04.01.2017 às 10:28

a regra ali é a de que quem tem pressa tem prioridade

Cá em Portugal essa também é a regra, pelo menos nas autoestradas. Se um carro aparece por detrás na fila da esquerda a toda a velocidade, os que estão à frente fazem todo o possível para passarem rapidamente para a fila da direita e deixarem o "acelera" passar. Mesmo com prejuízo próprio, desviam-se para deixar passar quem quer conduzir mais depressa.
Sem imagem de perfil

De Bordalo a 04.01.2017 às 13:15

E o cemitério dos vivos? E a cidade dos mortos? Os mortos e vivos, que não os das pirâmides?
Al'Arafa...

Imagem de perfil

De Luís Menezes Leitão a 05.01.2017 às 08:31

Não visitei Al Arafa, embora a tenha visto ao longe. Segundo me explicaram, é habitada por população egípcia que tinha sido expulsa da península do Sinai, após a conquista deste por Israel na guerra dos seis dias em 1967. Como não havia habitações no Cairo, os refugiados ocuparam os jazigos do cemitério e transformaram-nos em habitações próprias. Quando Israel devolveu a península do Sinai ao Egipto em 1982 os refugiados recusaram-se a regressar, dizendo que estavam melhor no Cairo e que não sairiam do cemitério, já que não tinham condições de obter habitação na cidade. E ainda hoje lá permanecem nesta ligação entre mortos e vivos, afinal tão presente no Egipto.
Sem imagem de perfil

De Vento a 04.01.2017 às 14:13

Fico a aguardar o próximo capitulo.

Fez bem em publicar esta sua aventura. Ela é pedagógica. Ajuda as pessoas a enfrentar o medo.
Já vi que também simpatiza com o Sporting. Presumo que seja o Luís com aquele verdinho a cobrir parte do corpo. O meu caro, de tão espigado que é em direcção ao céu, afugenta qualquer terrorista. Os tipos pensarão 50 mil vezes antes de se aproximar de si.
Há já uns tempos que uso uma camisola verde com tiras em preto. Festejo a esperança e também o luto que vou vivendo com o meu clube.

Aqui tem uma rapariga bem espigada em altura e com um talento incrível. Repare bem, é uma matadora!:
https://www.youtube.com/watch?v=yv6jiqVmmSI

Feliz Ano.
Imagem de perfil

De Luís Menezes Leitão a 05.01.2017 às 08:18

Eu a simpatizar com o Sporting? Lagarto, lagarto, lagarto. Usar uma camisola verde significa apenas usar uma camisola verde e nada mais.
Sem imagem de perfil

De cristina a 07.08.2017 às 04:02

Acabo de realizar a minha tão sonhada viagem ao Egito, em julho 2017. Muito interessante ver que passamos pelas mesmas coisas: receio de viajar devido aos atentados e viagem realizada tranquilamente.
O trânsito no Cairo realmente é coisa de louco: sem faixa para pedestres, poucos faróis,que ninguém respeita e cada um se vira como pode para atravessar as ruas. Também não vi nenhum acidente, mas vi vários "quase". Devem ter proteção dos faraós. Hahaha...

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D