Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Venezuela: Estado da Arte

por Diogo Noivo, em 21.07.17

"Es totalmente falso que en Venezuela haya una lucha entre izquierda revolucionaria y derecha fascista; el régimen venezolano está enfrentado a una coalición de fuerzas esencialmente de centro que incluye a partidos, líderes, organizaciones sociales e intelectuales de izquierda que creen en la democracia y el mercado. Lo que está en juego en Venezuela es el futuro del centrismo político en Latinoamérica, porque en esta ocasión, las fuerzas democráticas no son compañeros de viaje de extremistas ni de derecha, ni de izquierda. La derrota del extremismo abre la posibilidad de alcanzar una mayor madurez democrática en el continente."

 

"El supuesto marxista era que la Revolución Bolivariana lograría el desarrollo de las fuerzas productivas, pero, al igual que en Cuba, lo que hubo fue destrucción de las fuerzas productivas. Los bolivarianos hicieron retroceder la producción de petróleo y despilfarraron los ingresos más altos que ha tenido Venezuela en toda su historia."

 

Joaquín Villalobos, "Lo que queda de Venezuela", El País - 21.07.2017

Autoria e outros dados (tags, etc)


6 comentários

Imagem de perfil

De Pedro Correia a 21.07.2017 às 16:15

À consideração dos colaboracionistas locais da ditadura venezuelana- incluindo o líder parlamentar do PCP e a candidata da CDU à Câmara Municipal do Porto. Numa altura em que se assinala a 98.ª vítima mortal desde o início da rebelião cívica nesse país em condições brutalmente desiguais: de um lado, cidadãos desarmados; do outro, a polícia de choque, as milícias "bolivarianas" e a própria tropa - todos armados até aos dentes e com ordens para atirar a matar.
http://www.milenio.com/internacional/venezuela-marchas-bloqueos-fallecidos-nicolas_maduro-milenio-noticias_0_996500674.html
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 21.07.2017 às 18:01

las fuerzas democráticas

Mas o facto é que Maduro subiu ao poder democraticamente, em eleições que ninguém contestou.

É um facto que nos últimos tempos ele não tem governado nada democraticamente. Mas as eleições foram todas democráticas.

Pessoalmente, tenho as minhas dúvidas que, se a atual oposição chegasse ao poder, conseguisse ser mais democrática do que o bolivarismo.

Segundo li algures, foi Chávez quem deu direito de voto aos índios venezuelanos, que antes não dispunham dele. Não sei se é verdade.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 22.07.2017 às 11:15

Bom vê-lo por cá, Luís Lavoura. Andou desaparecido durante os incêndios em Pedrógão Grande. Andou a combater as chamas? Bom, também andou desaparecido nos dias após o assalto a Tancos. Mas daqui não vou inferir nada...

O "subir ao poder democraticamente" tem muito por onde pegar. Assumo, portanto, que, para si, um acto eleitoral medianamente livre é suficiente para demonstrar a existência de um Estado de Direito Democrático. É isso, certo?
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 24.07.2017 às 09:43

um acto eleitoral medianamente livre é suficiente para demonstrar a existência de um Estado de Direito Democrático

Eu não disse tal coisa. Não coloque palavras na minha boca. Limite-se a responder àquilo que eu efetivamente escrevi: "Maduro subiu ao poder democraticamente, em eleições que ninguém contestou", "as eleições foram todas democráticas", "foi Chávez quem deu direito de voto aos índios venezuelanos, que antes não dispunham dele".
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 21.07.2017 às 21:42

Mas alguém ainda acredita nessa patranha de esquerda e direita? Vejam o que se passsa na Nigéria com a Shell!! Antes da Chavez a Venezuela contava já com um histórico de corrupção com dirigentes pró americanos. E o mesmo na Argentina Bolívia, Guatemala e Cuba. São as Corporações, estúpido! !
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 22.07.2017 às 00:14

Actualização: CEM mortos, segundo a procuradoria-geral da República venezuelana.
https://www.martinoticias.com/a/fiscalia-venezuela-100-muertos-protestas-maduro/149457.html

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D