Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Delito de Opinião

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 27.05.22

22303014_TrZ4U.jpeg

No dia 27 de Maio celebra-se O Dia do Protector Solar

"Na medida certa, o sol é fundamental para a manutenção da saúde física e mental. O sol melhora o humor e contribui para a prevenção de doenças como a depressão, por exemplo. Isto porque a exposição aos raios solares auxilia a produção de endorfina e serotonina, conhecidas como as hormonas da felicidade. Todos sabemos que o protector solar é importante para evitar queimaduras, manchas e principalmente o cancro de pele em longas permanências sob a luz solar. Mas é um facto que o corpo humano precisa do sol. 

Os protectores atenuam a transmissão da radiação UV na pele. O factor de protecção solar é determinado com base na razão entre as quantidades de radiação UV necessárias para que ocorra a queimadura solar, com protector e sem protector. É importante saber que este efeito de protecção não aumenta linearmente com o FPS. Por exemplo, um FPS de 10 reduz em cerca de 90% a radiação UVB, um FPS de 20 em cerca de 95% e um FPS de 30 reduzirá adicionalmente apenas um pouco mais.

Tendo em atenção os danos causados pela radiação UVA, recomenda-se a verificação da existência de filtros UVA no produto. De qualquer modo, o protector não deve ser usado para prolongar o tempo de exposição, mas para limitar os danos resultantes da exposição ao sol. Por isso os protectores se aplicam em zonas não cobertas pela roupa, especialmente em áreas sensíveis, como o nariz, o pescoço, os ombros ou o peito dos pés."

Não tenho ideia de, quando era pequena, me besuntarem com cremes na praia. Talvez pelos meus 6 ou 7 anos já usássemos creme Nivea, nos ombros, nas bochechas e na testa. Não gosto de protectores solares. É um horror estar-se na praia feita croquete, peganhenta e com areia. Por isso, quando retorno das férias de Verão, parece que ainda nem cheguei a ir. Mas sabendo o que se sabe sobre os efeitos nocivos das radiações solares, tive sempre muito cuidado com as crianças e creio que este tipo de prevenção é importante. 

O meu pai era adorador do sol e o meu marido também. Para eles, é imperativo voltar das férias na praia com um bronzeado saudável, usando litros de protectores solares. Nem um centímetro de área exposta fica desprotegida. Requer muita paciência, já que o corpo humano é espaçoso e perde-se um tempo de lazer precioso. 

A protecção solar que me deu mesmo gozo usar foi uma uma camada de argila verde que se dizia com propriedades medicinais e que havia à disposição de quem pretendesse usar, na Praia de Porto de Mós, em Lagos, quando passávamos dois meses das férias de Verão acampados no Parque de Turismo.

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 26.05.22

22301953_6mc53.jpeg

Hoje celebra-se a Quinta-Feira da Ascensão  

"40 dias após a solenidade da Páscoa, celebramos a solenidade da Ascensão do Senhor

Nesta solenidade, a Igreja convida-nos a termos os olhos voltados para o céu, nossa Pátria definitiva. Como tão bem diz São Paulo: “Vós que ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas do alto, onde está Cristo (Col 3,1)”. Em nossa profissão de fé, rezamos que Jesus “subiu aos céus e está sentado à direita do Pai”. Por isso, na Ascensão, celebramos Jesus dando por completa a sua missão. Ele veio do Pai, revelou-nos o rosto Misericordioso do Pai, ensinou-nos a amar o Pai e a fazer em tudo a Sua Vontade. Ele cumpriu até o fim a missão que o Pai lhe confiou. Agora Ele volta para o Pai, após ter-nos ensinado a percorrer o caminho que nos levará de volta para Deus, e Ele próprio se faz ao caminho – “ninguém vai ao Pai, senão por mim” (Jo 14,6). Por isso, seguindo Jesus, que é o Caminho, a Verdade e Vida, chegaremos ao coração do Pai; sendo assim, como bem rezamos na liturgia: “A Ascensão do Senhor já é a nossa vitória”. Mas o caminho que leva de volta à glória do Pai passa pela cruz, pela capacidade da entrega da vida: “Quando eu for elevado na terra, atrairei todos a mim” (Jo 12,32) – a elevação de Jesus na cruz significa e anuncia a sua elevação ao céu."

A Ascensão de Cristo é o coroamento da sua Ressurreição. Quem acredita em Deus e acredita em Cristo, crê no divino e nos ensinamentos do homem. E tem fé.


22301955_mW3tU.jpeg

Dia 26 de  Maio celebra-se a Quinta Feira da Espiga 

"A Quinta-Feira da Espiga simboliza a excelência das forças da natureza, assumindo de forma clara os auspícios da Primavera. Designa-se como Ascensão, remetendo para a festividade religiosa, ou Espiga adquirindo um carácter pagão e intrinsecamente ligado ao ciclo da natureza. É nesta data que se comemora o “dia da espiga” ou “quinta – feira da espiga”, que as pessoas vão para o campo apanhar espigas de vários cereais e flores campestres para formar um ramo, designado de espiga. Tradicionalmente, o ramo deve ser guardado algures dentro de casa e só poderá ser substituído por um novo no dia da espiga do ano seguinte. As diversas plantas que compõem o ramo têm um valor simbólico profano e religioso:
 
Espiga = pão
Malmequer = ouro e prata
Papoila = amor e vida
Alecrim ou rosmaninho = saúde e força
Raminho de oliveira = azeite e paz
 
Este hábito, mais comum no centro e sul de Portugal, pode ter nascido de um antigo ritual cristão de bênção aos primeiros frutos. No entanto, pela sua forte ligação com a natureza, julga-se poder recuar ainda mais no tempo e ligá-lo a antigas tradições pagãs associadas às festas da deusa Flora (deusa das flores na mitologia romana) que se realizavam por esta altura do ano."
 
Festa pagã associada à deusa romana, foi como tantas outras absorvida pelo Cristianismo, sendo celebrada no mesmo dia em que se celebra a Ascensão de Cristo. 
Ter um ramo de espiga significava " pão e prosperidade".
Fui muitas vezes, quando era miúda, com a minha Tia Adelaide pelos campos da Outurela apanhar espiga, com as "raparigas" da idade dela, tudo velhotas alegres e cantadeiras.
 
" Combinámos ir à espiga
Quinta feira da Ascensão
Combinámos ir à espiga
Quinta feira da Ascenção
Combinámos , mas não fui
Assim em combinação 
Era a meias o farnel
Davas o vinho eu o pão
Mas se quebraram as meias
E foi-se a combinação 
Mas se quebraram as meias
E foi-se a combinação 
Agora até tu te zangas
Mangas, fazes caras feias
Agora até tu te zangas
Mangas, fazes caras feias
Mangas da combinação 
E mangas das próprias meias
Mangas da combinação 
E mangas das próprias meias"

 

Em casa fazíamos e atávamos os molhinhos e cada uma levava o seu. Enquanto a Tia Adelaide foi viva, nunca me faltou espiga em casa. Depois desapareceu durante um tempo e agora a tradição foi reavivada e até já se vendem aos molhos nas grandes superfícies comerciais. 

Como perverter a Liberdade em demasiados actos

Maria Dulce Fernandes, 25.05.22

22304024_WVtEa.jpeg

A perversão da Segunda Emenda

Virgínia Tech University

Columbine Highschool

Clevland Elementary School

Marjory Stoneman Douglas High School

Thurston Highschool

Sandy Hook Elementary School 

Northern Illinois University

Santa Fe High School 

Califórnia University 

Robb Elementary School 

 

De entre centenas de tiroteios por ano que são notícia nos Estados Unidos, grande percentagem acontece em escolas e universidades. Em 2021, registaram-se 61 incidentes com armas de fogo, tendo os tiroteios causado 103 mortos e 140 feridos. Estes números referem-se a mass shootings, como os acima referidos.

Enquanto os lobbies das armas de fogo continuarem a lucrar milhões, as crianças assassinadas serão apenas apontamentos colaterais na tabela de vendas.

https://sicnoticias.pt/mundo/pelo-menos-14-criancas-mortas-em-tiroteio-numa-escola-primaria-no-texas-eua/

(Foto Google )

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 25.05.22


51eee7586160f2b1e1372370ca8b7c3a.jpg

Hoje celebra-se O Dia Mundial de África

"Desde 1972, por decisão da ONU, assinala-se o Dia de África (inicialmente nomeado Dia da Libertação de África) a 25 de Maio. Foi neste dia, em 1963, que os líderes dos Estados africanos descolonizados, reunidos em Adis Abeba, na Etiópia, criaram a Organização de Unidade Africana (OUA), que centrou a sua acção na promoção da descolonização do resto do continente e no apoio à resolução de conflitos regionais subsequentes. Em 2002, a OUA foi substituída pela União Africana, mas a celebração manteve-se.

A data é celebrada em todo o mundo e em especial nos países de África e nas comunidades africanas e de afro-descendentes espalhadas por outros continentes. Continua a assinalar a luta pela independência do continente africano, contra a colonização e o regime do apartheid, mas também projecta a ambição de um continente mais unido, justo e desenvolvido."

África foi o berço e continua a ser a fonte de tudo. Das guerras, da fome, das doenças. Não conheço África. Marrocos e Cabo Verde são estâncias turísticas dos europeus, por isso não contam muito para adquirir conhecimentos de um continente tão vasto. Conheço a África do Sul pelo que o Sr.Henriques contava. Conheço Moçambique pelas palavras do meu padrinho que viveu uma vida em Vila Pery. Conheço Angola, pelo que o meu irmão de Luanda me fala. Conheço a RCA pelo que o meu genro conta das pessoas e das coisas. Em suma, não conheço África, apenas a paixão de quem lá vive e a nostalgia de que lá viveu.

 

transferir.jpeg.jpg

No dia 25 de Maio celebra-se O Dia Mundial da Tiróide

"Comemora-se hoje o Dia Mundial da Tiróide, que visa promover o conhecimento sobre esta glândula e a possibilidade de doença.

Estima-se que um milhão de portugueses sofra de distúrbios da tiróide, embora ainda exista grande desconhecimento das doenças associadas a esta glândula, bem como da forma como se manifestam. Falta de concentração, falta de motivação, dificuldades para engravidar ou obstipação podem ser originadas pela tiróide, mas facilmente confundidas com outras doenças.

As doenças da tiróide mais conhecidas são o hipertiroidismo e o hipotiroidismo, com maior prevalência junto das mulheres".

Problemas na tiróide são mais complicados de resolver do que parece. Agora o despiste é mais frequente. Antigamente faltas de cálcio, temperatura corporal, hipertensão, controle de peso, flutuações de humor, etc., eram atribuídos a uma série de problemas individuais,  quando agora se sabe que a pode ser a tiróide a fonte de ínúmeras complicações como estas.

 

transferir.jpeg-1.jpg

A 25 de Maio celebra-se O Dia Internacional das Crianças Desaparecidas

"O Dia  Internacional das Crianças Desaparecidas é celebrado hoje. A data foi escolhida pelo facto de, a 25 de Maio de 1979, Ethan Patz, criança de seis anos residente em Nova Iorque, ter desaparecido sem nunca ter sido encontrada. Nos anos seguintes os pais, familiares e amigos reuniram-se sempre na data do seu desaparecimento.
Em 1983, o Presidente dos EUA, Ronald Reagan, decidiu dedicar este dia a todas as crianças desaparecidas. Em 1986 o dia 25 de Maio adquiriu uma dimensão internacional. Em Portugal foi assinalado pela primeira vez em 2004, por iniciativa do Instituto de Apoio à Criança, de forma a sensibilizar a comunidade para este flagelo.
O objectivo é encorajar a população e a comunicação social a reflectir sobre todas as crianças que foram dadas como desaparecidas, espalhar mensagens de esperança e solidariedade no plano internacional para os pais e restantes famílias, e levar as autoridades a reflectir na prevenção, em colaboração com as entidades responsáveis pela Educação, pela Justiça e pela Segurança, como refere o Instituto de Apoio à Criança.
Em Portugal desaparecem diariamente, em média, duas crianças ou jovens até aos 18 anos. A maioria é recuperada mas infelizmente não são todos."

Quando oiço ou leio sobre crianças desaparecidas vem-me sempre à ideia a foto do Rui Pedro e a angústia daquela mãe. Consigo senti-la mas estou longe de imaginar sequer o que lhe vai dentro do peito. Há mais de 20 anos que espera o filho sem notícias mas com esperança. Que Deus a ajude a suportar a dor.

 

22301189_Hz5kw.jpeg

No dia 25 de Maio celebra-se O Dia Nacional do Guarda Florestal

"A Guarda Nacional Republicana comemora hoje o Dia do Guarda Florestal, garantindo a devida solenidade e dignidade de que são plenamente merecedores todos os elementos desta carreira profissional, reforçando a sua imagem institucional. Os Guardas Florestais foram integrados na Guarda Nacional Republicana em 2006, sendo considerados órgãos de polícia criminal que visam proteger o nosso património florestal e a riqueza cinegética e piscícola. São um recurso essencial para o cumprimento das missões que, por sua vez, foram transferidas para a GNR, carreando o conhecimento consolidado, especialmente na investigação das causas de incêndios florestais.

Para a GNR, a reconstituição e o reforço da carreira de guarda florestal reforça o seu compromisso no exercício das suas responsabilidades de conservação e protecção da natureza e do ambiente, potenciando a experiência e conhecimentos do dispositivo especializado nestas matérias de extrema relevância para o país."

Se é para haver menos fogos, venham eles. Venham muitos para vigiar e fazer cumprir as normas de conservação e limpeza do nosso património florestal. Queremos verde onde era verde. Terra queimada já basta no hemiciclo.

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 24.05.22

ciejd.png

No dia 24 de Maio celebra-se  O Dia Europeu dos Parques Naturais

"O Dia Europeu dos Parques Naturais tem lugar cativo a 24 de Maio de cada ano, em virtude da criação dos primeiros Parques Nacionais da Europa, na Suécia, em 1909. Este dia celebra as Áreas Protegidas em toda a Europa, procurando chamar a atenção para o bem-estar que o contacto com a natureza propicia ao ser humano. Parques e zonas verdes são locais que devolvem o indivíduo à sua condição mais pura e autêntica.

O tema de 2021 do Dia Europeu dos Parques Naturais é "Parques Naturais - A próxima geração", dado o período difícil que o ano de 2020 trouxe às áreas verdes europeias. A comemoração deste dia serve igualmente para a inclusão dos Parques e das Áreas Protegidas nas discussões sobre o futuro de uma Europa mais segura, verde e sustentável.

Foi proclamado em 1999 pela Federação da Natureza e Parques Nacionais da Europa (EUROPARC)."

Adoro caminhar pela Natureza. Dos muitos parque e reservas naturais em Portugal, conheço melhor a Peneda-Gerês, Sintra-Cascais, Arrábida e a Ria Formosa.

Fora de Portugal, fiz uma incursão pelo Saxon Switzerland National Park, na República Checa. Um dia de hiking, 4 estação do ano, maravilhas espactaculares e morte declarada das minhas pernas. 

O meu lema " Conhecer é a caminhar" está cada vez mais difícil de conseguir.

22301167_V2RoL.jpeg

Um dos itens na minha lista é fazer o Caminho de Santiago a partir de Braga. 2024 é o ano estudado, planeado, desejado. Resta conseguir.

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 23.05.22

22300435_zWdUH.jpeg

No dia 23 de Maio comemora-se O Dia Mundial da Tartaruga

"Nesta data comemora-se o Dia Mundial das Tartarugas, espécie em vias de extinção devido às alterações climáticas que se têm feito sentir nos últimos tempos. Nos últimos 50 anos, o número de espécies animais que vivem no nosso planeta teve uma queda abrupta de 40%. O número de animais marinhos caiu igualmente em 40% e os animais de água doce em 75%. O Dia Mundial da Tartaruga serve para consciencializar a população sobre a importância deste animal para o ambiente e para sensibilizá-la sobre as consequências dos seus actos nos habitats de espécies animais, como a tartaruga ou o cágado, que estão a desaparecer em todo o mundo, de forma muito repentina.

O Dia Mundial da Tartaruga foi criado em 1980 pela AmericanTortoise Rescue, organização voluntária e sem fins lucrativos dos Estados Unidos, que luta diariamente para a preservação desta espécie. Passados 20 anos, esta data foi celebrada pela primeira vez a nível mundial, tendo sido divulgada por grupos e organizações não governamentais de protecção ambiental. Sabia que as tartarugas são um dos animais mais antigos do mundo? Existem há mais de 200 milhões de anos! Podem chegar aos 120 anos, mas, devido ao aquecimento global, à destruição de habitats, da indústria alimentar exótica e do contrabando e comércio animal, esta espécie tem desaparecido muito rapidamente, chegando apenas aos 20 anos de idade. Inclusive, biólogos e outros peritos acreditam que as tartarugas desaparecerão do planeta nos próximos 50 anos, sendo o principal predador o homem."

Se pudesse escolher entre ser lebre ou tartaruga, não hesitava. Tem de se ser mais inteligente e sábia para viver tanto tempo. Tive um cágado, o Omar Lombrando. Andava pela casa à noite tic, tic, tic, as portas a abrirem-se sozinhas qual filme de terror. Era o máximo! Comia da nossa mão. Hibernava sempre em locais que não conseguíamos descobrir. Um ano não voltou. Revirámos a casa toda, mas nada. Poderá ter entrado num saco de cascas e ter ido para o lixo? Foi a única e consternada explicação que encontrámos na altura.

 

22300436_mqtRN.png

Hoje comemora-se O Dia Internacional Pelo Fim da Fístula Obstétrica. 

"O Dia Internacional do Fim da Fístula Obstétrica é celebrado anualmente a 23 de Maio, como forma de destacar as principais causas desta complicação do trabalho de parto.

Embora qualquer mulher possa padecer de fístulas, tal é mais frequente no continente africano, onde o parto em casa e a falta de acesso a cuidados obstétricos e de saúde em geral é uma realidade. A falta de meios leva a que as vítimas mantenham esta condição por anos, levando ao seu isolamento social e agravamento da pobreza.

O Dia Internacional do Fim da Fístula Obstétrica foi proclamado através da Resolução 67/147 adoptada na Assembleia Geral das Nações Unidas, a 20 de Dezembro de 2012."

É fácil falar e dizer que nos tempos das nossas mães, avós e bisavós as mulheres tinham filhos, tinham-nos em casa, algumas com apoio de parteiras especializadas, mas a grande maioria apenas com a companhia e apoio de mulheres da família e vizinhas, cuja especialidade era apenas a de já terem dado à luz. Não havia esta frescura toda de marcação de parto, anestesia, médico, enfermeira e dezenas de aparelhos de suporte.

Graças a Deus que houve evolução. Há sete anos as coisas podiam ter corrido muito mal no pós-parto da minha filha, cuja atonia uterina se manifestou uma semana após a alta hospitalar. Não foi em casa, nem sem acompanhamento, nem num país do terceiro mundo, e valeu-lhe apenas a rapidez com que foi intervencionada e ter recuperado os níveis de hemoglobina em pouco mais de uma semana de internamento. A verdade é que os problemas resultantes de parto continuam a ser grande causa de mortalidade feminina, raiando os 12% em Portugal.

 

22300438_z4yzY.jpeg

A 23 de Maio celebra-se O Dia Nacional da Segurança Infantil

"Para um crescimento saudável é necessário vivenciar, experimentar, criar em liberdade e de forma espontânea. 

É importante brincar ao ar livre, na natureza, andar a pé, de bicicleta, com o mínimo de restrições possível. Para isso é fundamental que os espaços e os ambientes sejam estimulantes e cheios de oportunidades, mas onde os riscos sejam saudáveis e possíveis de gerir. Segurança não é estar fechado numa “redoma”, é garantir que todas as crianças crescem e brincam livremente, de forma segura e autónoma.

É nisso que a APSI acredita. É por isso que a APSI promove, desde 2017, o Dia Nacional da Segurança Infantil."

Antigamente não havia parques infantis. Brincava-se na rua com pauzinhos, pedrinhas e folhas. Eu tinha sorte. A minha mãe era costureira e tinha sempre trapinhos brilhantes e coloridos .

Quando o "Grande Circo Torralvo" instalava a sua tenda nas terras junto à Igreja da Memória ou junto ao mercado de Algés, era sempre uma festa. Também era um reboliço lá em casa, porque trapezistas, contorcionistas, palhaços, domadores, etc, levavam seus trajes de palco para a minha mãe reparar ou traziam tecidos caleidoscópicos para se fazerem roupagens novas. Eu adorava ser o modelo de prova dos fatos das crianças.

Brincar na rua era simples, bom, saudável e seguro. O primeiro parque infantil onde fui com o meu pai e o meu irmão foi o do Alvito. Tinha um avião e tudo. Mas brincar na rua era bem melhor.

( Fotos do Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 22.05.22

22300410_6hYTU.jpeg

A 22 de Maio celebra-se O Dia da Biodiversidade 

"O Dia Internacional da Biodiversidade é celebrado no dia 22 de Maio e visa alertar a população para a necessidade e a importância da preservação da diversidade biológica. Esta comemoração foi proclamada pelas Nações Unidas em 1992."

Construímos selvas de pedra. Poluímos e atulhamos os mares e os céus estão carregados de lixo e toxicidade,  extinguimos espécies quase todos os dias. A conscencialização para a preservação já vem tarde e não acredito que colha frutos enquanto houver interesses que falem mais alto do que a destruição de ecossistemas inteiros.


22300411_ONts4.png

No dia 22 de Maio celebra-se O Dia do Autor Português 

"O Dia do Autor Português comemora-se anualmente a 22 de Maio. Neste dia são homenageados todos os autores portugueses das diferentes áreas artísticas. Este dia assinala igualmente o aniversário da Sociedade Portuguesa de Autores.

Vivemos numa sociedade materialista e individualista, que nem sempre reconhece os seus valores. Os autores, produtores de ideias, muitas vezes não recebem o crédito que merecem.

Foi com o objectivo de homenagear o autor português e destacar a sua importância no desenvolvimento da cultura e do bem-estar da comunidade que, desde 1982, se assinala este dia."

No que toca à literatura, os clássicos portugueses são de longe os meus favoritos. Para comemorar esta efeméride, fui procurar o "Frei Luís de Sousa". Já perdi a conta às vezes que o li, mas vou reler porque gosto de Garrett e porque o filme de 1950 contribuiu para a minha identidade.

 

22300412_KfKaC.png

Hoje celebra-se O Dia do Abraço

"O abraço é uma demonstração de carinho, afecto ou amizade que está presente em todas as culturas. Normalmente, pressupõe alguma intimidade, mas algumas culturas são mais "abraçadeiras" do que outras."

Abrace alguém. O carinho não tem custo, pode ser contagioso, mas é necessário. 

Nunca foi muito beijoqueira ou abraçadeira, mas ficar privada do convívio humano, principalmente o dos meus netos por mais de um mês, operou o milagre do abraço e do beijinho. Ora dá cá um e a seguir o outro!

Um grande abraço para todos os autores, leitores e comentadores do Delito de Opinião!

  (Fotos do Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 21.05.22


21813876_hu80l.png

No dia 21 de Maio celebra-se O Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento

"Hoje comemora-se o Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento, uma iniciativa que celebra não só a riqueza das culturas mundiais, mas também o papel essencial do diálogo intercultural para alcançar a paz e o desenvolvimento sustentável. 
A Assembleia Geral das Nações Unidas declarou pela primeira vez este Dia em 2002, após a adopção pela UNESCO da Declaração Universal sobre Diversidade Cultural de 2001, reconhecendo a necessidade de "melhorar o potencial da cultura como meio para alcançar a prosperidade, o desenvolvimento sustentável e a coexistência pacífica global".
 
Diálogo é a palavra na ribalta dos últimos dias. É preciso haver diálogo! Concordo a mil por cento. Mas então desconstruamos a palavra diálogo: diá - que significa dualidade / através de, e logos - que significa palavra. Juntos, entende duas pessoas a falar. Quando alguém fala sozinho e o outro apenas se impõe, creio que estamos a falar não de diálogo, mas de monólogo para as paredes. Mas a verdade é que não é apenas preciso haver diálogo, é  imperativo.
 

22300384_hq4AU.jpeg

No dia 21 de Maio celebra-se O Dia Mundial do Whisky
 

"O Dia Mundial do Whisky celebra-se todos os anos no terceiro sábado de Maio. Este dia resume-se a parar para se sentar junto a uma mesa em boa companhia e apreciar um copo da água da vida que é o whisky. Esta é a razão para se celebrar o dia internacional do whisky sempre aos sábados, com calma e moderação"

Ora aqui está uma celebração importante, que me faz lamentar profundamente a minha interdição ao consumo de álcool. Ainda sou do tempo em que, depois de jantar e com as piquenas já deitadas, nos sentávamos na sala a ler, a ver TV, com uma musiquinha calma de fundo e a bebericar um Rye que o tio Raul tinha trazido do Canadá. Tempos diferentes, bem mais atribulados, mas que trazem uma saudade imensa.

 

22300385_Oiwb3.jpeg

Hoje celebra-se O Dia Internacional do Chá
 

"Hoje, 21 de Maio, é o Dia Internacional do Chá. Este produto milenar contribui para a saúde, a cultura e o desenvolvimento socioeconómico de vários países e regiões. Cultivado em diversas áreas do mundo, o chá é uma fonte de renda para mais de 13 milhões de pequenos produtores, que concentram 60% da produção mundial da bebida. A data foi escolhida pela Assembleia Geral da ONU como uma oportunidade de celebrar também os benefícios do chá e do meio ambiente.

Neste Dia Internacional, as celebrações relembram o processo que a bebida leva desde os campos de plantação até à mesa do consumidor."

A seguir ao café, que por estas bandas anda de novo a raiar a imoderação, o chá é provavelmente o produto que tenho em casa em maior quantidade e que acompanha as minhas noites. Quente ou frio, sempre sem açúcar, no sofá ou numa espreguiçadeira de praia. 

22300388_NT430.jpeg

 No dia 21 de Maio celebra-se O Dia Nacional da Luta Contra a Obesidade

"O Dia Nacional de Luta Contra a Obesidade é celebrado no penúltimo sábado de Maio. Este dia visa sensibilizar a população para o problema da obesidade e das doenças associadas, assim como das implicações da obesidade na saúde humana. A data pretende ainda promover a prática de exercício físico, de forma a prevenir o aumento da obesidade, em especial a infantil e juvenil, assim como incentivar hábitos alimentares saudáveis.

Considerada pela Organização Mundial de Saúde como a "epidemia do século XXI", a obesidade é uma doença crónica de armazenamento excessivo de gordura corporal. Encarada como um dos maiores problemas de saúde pública mundial, é a segunda causa de morte passível de prevenção, logo a seguir ao tabagismo. Em Portugal, foi reconhecida oficialmente como doença crónica em 2004. Foi também neste ano que se celebrou pela primeira vez esta data."

Reconheço que os meus dez quilos extra são um transtorno, principalmente quando o tempo aquece e o corpo destila e não se quer mover. Mas já não luto. A balança está no armário e eu estou em paz.

(Fotos do Google e Sapo)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 20.05.22

dia-do-europeu-do-mar03.png

A 20 de Abril celebra-se O Dia Europeu do Mar

"O Dia Europeu do Mar celebra-se todos os anos nesta data. 

Esta iniciativa visa consciencializar as pessoas para oportunidades e desafios que o mar traz nas áreas de inovação, investigação e cooperação. Por outro lado, pretende-se destacar a importância da preservação ambiental e da biodiversidade dos mares. É ainda uma oportunidade para as comunidades que vivem junto ao mar mostrarem o seu contributo.

Este dia foi criado pela Declaração Tripartida Comum (da Comissão Europeia, do Conselho Europeu e do Parlamento Europeu) que estabelece o Dia Europeu do Mar, a 20 de Maio de 2008."

Portugal é terra de mar. O mar dominou a vida dos habitantes deste pequeno rectângulo desde sempre. Os mais importantes colonizadores chegaram por mar, os mais importantes feitos da nossa história foi por mar que se lançaram, o mais importante para as gentes daqui foi sempre o mar, porque o mar é vida e sustento. O mar tem um fascínio próprio. É belo e aterrador e por isso desafiante. Vencer o mar era vencer o medo.

 

22299995_mhTzA.jpeg

Hoje celebra-se em Portugal O Dia da Marinha

"​O Dia da Marinha celebra-se a 20 de Maio desde 1998, em homenagem ao grande feito de Vasco da Gama (c.1469-1524). Trata-se do dia em que a sua pioneira armada, que pela primeira vez na história ligou, por via marítima, a Europa ao Oriente, chegou a Calecute, na Índia, em 1498.

Até 1998 o Dia da Marinha era celebrado a 8 de Julho, data da partida da armada de Vasco da Gama de Lisboa, em 1497. Com esta alteração, pretendeu-se dar ênfase ao cumprimento do objectivo perseguido durante décadas, o descobrimento do caminho marítimo para a Índia.

O Dia da Marinha celebra-se em cada ano numa localidade costeira portuguesa para estreitar os laços entre a população portuguesa e a sua Marinha, através de uma agenda que integra diversos eventos."

Marinheiros que nós fomos. Audazes pioneiros, os tais das cascas de noz que galopavam ondas e incertezas, que navegaram todos os mares e deram novos mundos ao mundo. 

Marinheiros que nós fomos, orgulhosos, empreendedores, conquistadores, mercadores, propagadores da fé nas velas da Cruz de Cristo.

Fomos heróis.

 

22299997_ZWUrZ.jpeg

No Dia 20 de Abril celebra-se  O Dia da Abelha

"O Dia Mundial da Abelha celebra-se todos os anos a 20 de Maio. Este dia homenageia o aniversário de Anton Janša, pioneiro nas modernas técnicas de apicultura do século XVIII.

Esta data comemora a importância dos seres polinizadores e procura sensibilizar-nos para as ameaças que as abelhas enfrentam. Pretende-se valorizar a sua importância para o equilíbrio do ecossistema, para a conservação da biodiversidade e o desenvolvimento sustentável.

A ONU estima que as várias espécies de abelha enfrentam hoje um risco 100 a 1000 vezes superior de extinção devido ao impacto humano na natureza.

O Dia Mundial da Abelha foi proclamado pela Resolução 72/211 adotada na Assembleia Geral da ONU de 20 de Dezembro de 2017."

Sem polinização não há sustento. Os efeitos agrotóxicos têm encurtado consideravelmente o tempo de vida dos insectos polinizadores e tornam as obreiras menos activas, o que tem impacto negativo nas colónias.

É um facto comprovado que várias espécies de abelhas têm desaparecido nas últimas décadas principalmente na Europa. Estes acontecimentos devem-se à presença de espécies invasoras como a vespa asiática, mas a causa primeira  serão as actividades humanas.

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 19.05.22

22299263_2AOdd.jpeg

Hoje celebra-se O Dia Mundial do Médico de Família

"Os Médicos de Família e os Cuidados de Saúde Primários devem ter um papel central nos sistemas e serviços de saúde. Nunca, como hoje esta afirmação foi tão verdadeira. A pandemia que vivemos veio reforçar ainda mais a nossa importância enquanto gestores do percurso do doente e dos recursos de saúde disponíveis, tendo por base uma relação de proximidade e de abordagem individualizada que só os Médicos de Família conseguem ter.

Neste contexto difícil que atravessamos, a Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar assinala e comemora mais uma vez o Dia Mundial do Médico de Família, em parceria com a WONCA – Organização Mundial dos Médicos de Família, este ano sob o lema “Construir o futuro com os Médicos de Família: Ser Médico de Família e ser Feliz!”.

Há precisamente vinte e dois anos que não sei o que é um Médico de Família. Acredito-o um ser mitológico que faz aparições fugazes nos centros de saúde da área da residência, mas que nunca tem vaga para ver os utentes que aguardam horas em filas ao sabor das intempéries, tentando alcançar diariamente a almejada senha que lhes permitirá por fim uma consulta com o seu médico atribuído ou um substituto, caso não tenha sido agraciado com o dito clínico familiar. Há mais de quarenta anos que uso e abuso do sistema alternativo de saúde, ou seja, tenho seguro de empresa. Mas, porque há sempre um mas, com a pandemia da Covid19, nem os hospitais e clínicas particulares que trabalham com as seguradoras conseguem marcar consultas e exames em tempo útil, senão vejamos  por exemplo, uma consulta de neurologia-memória: em todas as capelinhas dos sistemas alternativos, a consulta cuja taxa moderadora também nos sai do bolso e não é pouco, tem um tempo de espera de oito meses. Quando chegar a altura, seguramente que já me esqueci.

 

22299291_Wqtuf.jpeg

A 19 de Maio celebra-se O Dia de Santo Ivo, o Santo Padroeiro dos Advogados

"A Ordem dos Advogados felicita todos os Advogados neste dia pelo seu papel na defesa dos direitos, liberdades e garantias.

Recordamos que a 19 de Maio se celebra o dia de Santo Ivo, o padroeiro dos Advogados. Santo Ivo, Ives Hélory, juiz, padre e advogado, recorda-nos que o direito foi concebido para o bem das pessoas e dos povos em geral, e que a sua função essencial consiste em salvaguardar a dignidade inalienável do indivíduo em cada uma das fases da sua existência, desde a concepção até à morte. A vida e obra de Santo Ivo são um bom exemplo e, sem dúvida, um modelo a seguir para todos os que procuram honrar a nobre profissão de advogado."

Felizmente nunca precisei verdadeiramente dos serviços de um advogado, mas será que quem viu Better Call Saul poderá fazer uma pequena ideia?

'Um matemático, um físico e um advogado vão a uma entrevista para um emprego!
O entrevistador pergunta:
- Quanto é três vezes sete?
O matemático responde:
- Bem, considerando que três é um número inteiro e bla bla bla... 21!
O físico diz:
- Imaginemos que três é um corpo e bla bla bla... 21!
O advogado fecha as cortinas, tranca a porta do escritório, aproxima-se devagar do entrevistador, olha para os lados e diz baixinho:
- Quanto quer que seja?'

Sete de uma vez!

Maria Dulce Fernandes, 18.05.22

1441995906346.jpg

A noite exalava calor, maresia e compostura orgânica, dos gatos que a Madame Louca rebentava contra a parede da quinta, mal farejava uma nova ninhada, indiferente a insultos e ameças de quem a achava uma pessoa odiosa e desumana. 

Meio vestida, meio despida, vagueava eu pela casa quente sozinha, indolente e entediada. Até os livros emanavam um calor salobro e enjoativo. 

Os meus pais tinham ido ver uma revista ao Maria Vitória. Os rapazes tinham saído, um com os amigos, o outro para jogar à bola na rua com a miudagem do costume. Ouviam-se da varanda "Chuta! Passa! Coxo! Mãos de Manteiga! Corre! Golo!"

Recostei-me no abrasador sofá de pele e deixei-me levar pela lassidão que o tédio arrasta. Dormitava.

Acordei com o grito rouco da campainha da porta. Corri ao intercomunicador e uma voz infantil e assustada gritava: "Vem rápido que o filho da Jorgete vai matar o teu irmão." O quê? Vem ajudá-lo depressa, que ele está escondido debaixo da furgoneta do pitrolino."

Enfiei um vestido ou um casaco e uns chinelos, desço a escada a correr e saio do prédio como se estivesse com a vida em  atraso.  

A rua estava inteirinha à janela. À volta da furgoneta do pitrolino estavam duas ou três velhotas e o Carlos Calmeirão com uma marreta numa das manápulas e uma bola debaixo do braço. "Malandro, partiste-me duas pernadas ao limoeiro! Levas uma sova. Não passa de hoje!"

"Deixa os miúdos, Carlos, tem juízo, são crianças!", gritavam as vizinhas. "Esta já não a vêem mais", dizia o  homenzarrão ufano, mostrando a bola nova que o miúdo ganhara de presente de Natal. "Sai daí, malandro! Vais apanhar nem que eu fique aqui  a noite toda."

Tremiam-me as pernas como se a temperatura, por magia, se tivesse tornado glacial. Respirei fundo. Ouvi algo estranho, um som abafado meio gutural, como se saído das entranhas da terra. "Posso saber o que se passa aqui?" Falei, acho que fui eu quem falou aquilo, porque o Carlos Calmeirão olhou para mim irritado e disse: "Este patife hoje vai apanhar. Vá para casa, isto não é coisa para as mulheres se meterem."

Não sei bem o que me deu. Ainda hoje estou para saber como consegui empurrar o Calmeirão e dizer ao meu irmão para sair debaixo da furgoneta. "Ele bate-me, mana!" "Não bate, que eu não deixo." "Ai não? Vamos lá ver se não lhe bato." "Então toque-lhe só que eu quero ver. Vá, toque-lhe lá, que vai ver o que lhe acontece."

O miúdo saiu do esconderijo a tremer e ficou atrás de mim. "Dê-me a bola se faz favor. Não é sua!"

Já com a bola na mão agarrei o meu irmão por um braço e levei-o para casa. Tremia tanto, mas tanto que nem sei como subi as escadas sem me ir abaixo das pernas, mas creio, ou tenho mesmo a certeza, que fiz o último patamar a gatinhar. Se o Carlos Calmeirão lhe batesse eu fazia o quê? Nada! O que podia eu contra um tipo que fazia dois de mim? Não sei como, nunca saberei, mas funcionou!

A verdade é que durante todo o tempo que morei com os meus pais até casar, o Carlos Calmeirão baixava os olhos sempre que passava por mim.

Lembrei-me deste episódio das minhas recordações mais delirantes quando lia à minha neta a história do Alfaiate Valente: "Matei sete duma vez!" Senti-me Indómita, indomável, inevitável... mesmo que se tivesse tratado apenas de moscas como as que me zurziam na garganta, me derretiam as pernas e me empurravam na direcção daquele adamastor.

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 18.05.22

transferir.jpeg-9.jpg

Hoje celebra-se O Dia Mundial da Vacina Contra a SIDA.

"Assinala-se no dia 18 de Maio o “Dia de Consciência da Vacina do HIV” ou “Dia Mundial da Vacina Contra a SIDA”, instituído com o objectivo de promover a urgência da vacina de prevenção à infecção da SIDA, que se encontra até aos nossos dias a ser descoberta, o que exige avultados recursos para apostar nas novas tecnologias.
O primeiro Dia Mundial da Vacina contra a SIDA foi assinalado em 1998, com o propósito de promover uma profunda reflexão sobre a ausência de uma vacina após décadas de estudo, mas também reconhecer o trabalho desenvolvido a nível mundial por todos os voluntários, profissionais de saúde e cientistas que não medem esforços para minimizar a dor e o sofrimento de milhares de portadores de SIDA ao redor do mundo.
A efeméride procura enfatizar o esforço de todos aqueles que trabalham em conjunto para encontrar uma resposta eficaz contra o VIH/ SIDA em forma de vacina, bem como o reforço dos níveis de sensibilização sobre a importância da prevenção, enquanto continuam os estudos para a definitiva descoberta de uma vacina eficaz contra a SIDA, que é prevenível."
 
Quarenta anos depois do aparecimento dos primeiros casos do chamado "cancro dos homossexuais", a SIDA ainda não tem tratamento efectivo que erradique a imunodeficiência adquirida. De qualquer modo o avanço da medicina permitiu que os infectados consigam ter uma vida normal, com alguma qualidade e sem a sombra constante da sentença de morte dos primeiros anos.
1992. O Saraiva era um rapaz vivaço de imensos olhos azuis, maneiro e baixinho, com grande bazófia, grandes apetites e performances fora de série, segundo o próprio apregoava. Passava as noites nos bares do Cais do Sodré, de onde saía invariavelmente acompanhado. Um dia desmaiou no trabalho. Dias depois soube que tinha sido contemplado com a tal "doença dos gays". Nem podia acreditar, ele o típico machão! Só podia ser engano. Mas não era engano e o Saraiva começou a sentir a doença e a exclusão. Foi vítima do preconceito que o medo incute em quem não sabe, porque nada é mais destrutivo do que o terror que traz o desconhecido. Fez todos os tratamentos conhecidos à altura e cada um lhe tomava um pouco de si. Fui com a Aurora visitá-lo à ala das doenças infectocontagiosas do Hospital Egas Moniz. Aquela sala tinha seis camas. Todos os seis pacientes pareciam saídos de um filme sobre a libertação dos campos de concentração. Pele, osso e chagas. O Saraiva tentou esboçar um sorriso e falar, mas não conseguiu emitir qualquer som. Segurou as nossas mãos com os olhos fechados. Quando saímos, chovia. Deixámo-nos à chuva, a Aurora e eu e chorámos. Fomos até à casa da minha mãe tentar comer uma sopa quentinha, mas não desceu. Combinámos juntar uns quantos amigos e voltarmos lá para tentar animá-lo.
O Saraiva morreu três dias depois.
 
 

22299152_znUzA.jpeg

A 18 de Maio celebra-se O Dia Internacional dos Museus

"​​​​​​​O Dia Internacional dos Museus, celebra-se no dia 18 de maio de 2022, e o International Council of Museums (ICOM) já divulgou o tema da próxima edição: O Poder dos Museus​. Neste dia pretende-se explorar o potencial dos museus para trazer mudanças positivas ao mundo. 
Os museus têm o poder de transformar o mundo à nossa volta. Como lugares incomparáveis de descoberta, mostram-nos o nosso passado e abrem as nossas mentes para novas ideias — dois passos essenciais para construir um futuro melhor.
- O poder de alcançar a sustentabilidade: Os museus são parceiros estratégicos na implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas. Enquanto intervenientes fundamentais nas suas comunidades locais, contribuem para uma grande variedade de objetivos, que incluem a promoção da economia social e de curto-circuito e a divulgação de informações científicas sobre os desafios ambientais.
- O poder da inovação em matéria de digitalização e acessibilidade: Os museus tornaram-se locais com jogos inovadores onde as novas tecnologias podem ser desenvolvidas e aplicadas à vida quotidiana. A inovação​​​ digital pode tornar os museus mais acessíveis e envolventes, ajudando o público a compreender conceitos complexos e matizados.
- O poder da construção comunitária através da educação: Através das suas coleções e programas, o que é essencial na construção da comunidade. Ao defenderem os valores democráticos e ao proporcionarem oportunidades de aprendizagem ao longo da vida a todos, contribuem para a formação de uma sociedade civil informada e empenhada."
 
Na minha família temos todos uma grande paixão por museus, pelo interesse, conhecimento e maravilhas que nos proporcionam. Em todas as nossas visitas nacionais e estrangeiras, os museus são de visita obrigatória.
Tenho um par catita de historiadores com mestrados em museologia e pós-graduações na área, que nos mantêm actualizados e curiosos.
Os museus são poderosos centros de conhecimento com os mais diversos métodos de aproximação aos conteúdos,  que levam os visitantes em experiências inolvidáveis. Cá por coisas minhas, sou super-fã do Museu do Ar e do novíssimo Quake, centro interactivo onde se vive quase "ao vivo e a cores" o terramoto de 1755 e se aprende muito sobre a filosofia geológica destes desastres naturais.
 
(Fotos do Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 17.05.22

A equidade é um conceito bizarro, porque é difícil encontrar na prática. Até as efemérides diárias não obedecem a qualquer tipo de moderação. Senão vejamos: muitos são os dias em que pouco ou nada se celebra, um santo, uma doença,  nada que se possa espremer, esticar ou moldar de forma a ter um mínimo de interesse. Outros dias há, como o dia de hoje, em que se celebra tudo mais um par de botas.

Deixo as habituais descrições e algumas considerações que para mim e para a minha experiência de vida têm relevância. 

 

22298474_ZGaNZ.jpeg

Hoje celebra-se O Dia Mundial da Internet e O Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade da Informação

"A data visa fazer uma reflexão sobre as potencialidades e desafios das novas tecnologias na vida dos cidadãos. Foi estabelecida pela ONU em Janeiro de 2006 e é também conhecida como Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação.

A internet teve origem no decurso da Segunda Guerra Mundial, nos finais dos anos 60, tendo como objectivo criar um canal de comunicação específico para os serviços militares norte-americanos.

O advento da internet originou uma grande mudança no dia-a-dia das pessoas, na forma como comunicam entre si, como procuram e recebem informação, compram bens e serviços, entre muitas outras acções do quotidiano.

Frequentemente a internet origina diferentes tipos de discussões públicas, que resultam do facto de muitos dos seus conteúdos não serem verdadeiros ou de não se encontrar devidamente atribuída a autoria de um determinado conteúdo, como por exemplo, a utilização de imagens e de textos. A partilha de conteúdos sem autorização dos autores é outro tema que levanta polémica na internet."

O meu primeiro contacto com a informática, foi através do meu irmão, que tinha um part-time na Unisoft e que me ensinou os rudimentos do DOS. Passados mais de quarenta anos, ainda me recordo de muitos comandos e algumas vezes constato que a informática evoluiu tremendamente, mas o básico fundamental se mantém inalterado. No princípio tinha uma caixinha azul da telepac, com andamento caracol, que fazia crr-crrrr crr-crrrr seguido de uns apitos estranhos e que me ligava ao mundo. As aventuras pela aldeia global vinham com a conta do telefone e  meses havia em que o entusiasmo era grandemente penalizado. Com o advento do Windows, classificado pelos entendidos como SO para estúpidos, fiquei a sentir-me em casa. Ainda hoje sou a única pessoa da minha família mais chegada capaz de formatar um disco rígido, instalar o SO, configurar, criar partições, etc. "à mão", ou seja sem ter o apoio da "net" ligada.Todos os dias me fascina tudo o que consigo fazer com um pequeno aparelho que cabe na palma da mão.

 

22298471_prZ3c.jpeg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Mundial da Hipertensão 

"O Dia Mundial da Hipertensão é celebrado anualmente a 17 de Maio para promover a consciencialização pública sobre o perigo desta doença, como a prevenir e controlar.

O que é a hipertensão arterial? A tensão arterial é a força exercida pelo sangue nas paredes das artérias. A tensão arterial elevada significa que o sangue está a exercer demasiada força contra as artérias, o que constitui um factor de risco para muitas doenças, tais como enfarte cardíaco, AVC (trombose) e insuficiência renal. Estima-se que, em Portugal, 42% da população tem hipertensão arterial e que 32% do total dos óbitos se devem a doenças cardiovasculares."

Eu sou hipertensa. De grau de risco elevado, como o eram os meus pais e os meus avós. É a hereditariedade no seu pleno, para o bom e para o mau. Para ser franca, não cumpro à risca todos os procedimentos que me poderiam garantir uma vida mais longa e mais saudável. Ninguém gosta de se sentir manietado por limitações, mas tem de haver bom senso porque por vezes as consequências podem ser devastadoras. O meu pior inimigo sou eu própria, principalmente no que toca a alimentação, mas vai ter que ser como quando deixei de fumar. Todos os dias ao acordar e dizia para comigo  "hoje não  fumo". Funcionou.

 

22298469_RDgnn.jpeg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Mundial da Pastelaria

"O Dia Mundial da Pastelaria, conhecido internacionalmente por “World Baking Day”, comemora-se a 17 de Maio. Criado por um grupo de pessoas apaixonadas por bolos, rapidamente ganhou adeptos um pouco por todo o mundo, tornando-se celebração internacional. Visa celebrar a alegria de juntar família e amigos para degustar deliciosos bolos e pastéis."

E depois da hipertensão, apresento os principais causadores de todos os meus infortúnios, que contam também com o colesterol alto e o excesso de peso.  Para mim é o chocolate. Tudo o que possa ser feito com chocolate, até mole de chocolate com frango.

 

Iogurte-natural-caseiro-e1522849757458-1.jpg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Mundial do Iogurte

"Dado os benefícios que o iogurte tem para a saúde, estabeleceu-se em 2005 que todos os anos no dia 17 de Maio de comemora O Dia do Iogurte, do turco yoğurt, que significa tornar denso. É uma forma de leite em que o açúcar (lactose) foi transformado em ácido láctico, por fermentação bacteriana. É um líquido espesso, branco e levemente ácido. O iogurte é um alimento que tem origem nos Balcãs e, tal como outros produtos derivados do leite fermentado, como o leben árabe, o koumis russo, o jugurt turco ou o kefir caucasiano, remonta há milhares de anos. A sua comercialização, no entanto, teve início a partir da constatação feita pelo médico russo Ilya Ilyich Mechnikov, premiado com o Nobel da Medicina em 1908."

E no fim de tanta lambareirice, uma semana a saladas e iogurte, com mau feitio e apetites frustrados. Saladas com iogurte, frutas com iogurte, cereais com iogurte e o organismo agradece. Eu já nem por isso.

 

22298463_i01yH.jpeg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Internacional da Reciclagem

"Hoje assinala-se o dia Internacional da Reciclagem. Este dia foi instituído pela UNESCO para despertar na sociedade a necessidade de se reflectir sobre as questões ambientais e o consumismo.

Entende-se por reciclagem o processo de transformação de materiais usados em novos produtos, o que permite, utilizar de forma mais racional os recursos naturais, reduzir o consumo de energia e reduzir a poluição do meio ambiente. É por isso um processo fundamental no ciclo de sustentabilidade do planeta. Todos os dias cada português produz em média 1,32 kg de lixo, contribuindo para uma produção anual de 4,75 milhões de toneladas de resíduos contribuindo para uma produção anual de 4,75 milhões de toneladas de resíduos urbanos. Actualmente só 16,5% dos resíduos produzidos são encaminhados para os ecopontos."

O meu marido foi o primeiro reciclador lá de casa, construindo receptáculos para a separação dos lixos, quando ainda não eram vendidos em qualquer grande ou pequena superfície comercial. Sempre fomos muito críticos quanto às alterações ambientais principalmente a mais notória nas grandes cidades, a construção desenfreada sem obedecer a qualquer PDM e sem as infraestruturas necessárias ao grande crescimento de certas zonas da Grande Lisboa. Tentámos desde cedo que a nossa pegada ecológica fosse leve porque acreditamos que a salvação do planeta começa em cada pessoa.

character-illustration-people-holding-lgbt-supportNo dia 17 de Maio celebra-se O Dia Internacional Contra a Homofobia, a Transformação e a Bifobia

"Vivemos em uma época de mudanças sociais rápidas. Lésbicas, gays, bissexuais e pessoas trans atingem novas fronteiras e celebram conquistas notáveis. Apesar desta transformação, a discriminação e a violência continuam a visar a comunidade LGBTI+. Não podemos tolerar a escolha selectiva de direitos numa sociedade moderna – uma sociedade onde a diversidade é celebrada; uma sociedade onde todos, não importa onde vivam ou quem amem, sejam capazes de viver em paz e em segurança; uma sociedade em que todos possam contribuir para a saúde e o bem-estar de sua comunidade. Nós podemos fazer desta sociedade uma realidade, mas vamos precisar da solidariedade global. Fizemos isso quando lutámos contra o apartheid, e ganhámos! Ao celebrarmos o Dia Internacional contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia, todas e todos são convocados para se unirem ao movimento pela justiça social, igualdade e equidade de modo que todas as pessoas possam viver com respeito e dignidade."

Todos diferentes, todos iguais deveria ser um dogma social. Cada um com os seus direitos respeitados e cumprindo ciosamente os seus deveres. Lamentavelmente nem sempre quem quer igualdade de direitos respeita os direitos dos outros. Posso mesmo afirmar por experiência própria, que qualquer coisa por mais insignificante que pareça dá logo azo a ameaças veladas e de queixas-crime e outros disparates do género, fazendo com que os verdadeiros intolerantes sejam os autoproclamados intolerados. É feio e muito triste.

 

22298454_3nhz6.jpeg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Internacional das Linhas Telefónicas de Ajuda à Criança

  • 116 000 Linha da Criança Desaparecida 
  • 116 111 Linha SOS Criança

"No âmbito da estratégia europeia para defender os direitos das crianças a União Europeia propôs a criação de um número telefónico comum europeu para a comunicação do desaparecimento de crianças e outro para as crianças pedirem auxílio. Através do princípio «um número – um serviço» procurou assegurar que o mesmo serviço seja sempre associado ao mesmo número em toda a União Europeia. 
Definindo o mesmo número de emergência torna mais simples a obtenção de ajuda por parte das crianças e pais em dificuldade, quer no seu país, quer em outro Estado-Membro da União Europeia, quando ocorra por exemplo o desaparecimento de uma criança durante as férias com a família."

É sempre importante que as crianças se sintam protegidas e amadas. Nós os humanos somos a mais frágil de todas as espécies, pelo muito tempo que decorre até termos autonomia. São hediondas as histórias de maus tratos e piores abusos a que os homens sujeitam as suas crias. O medo é o factor principal para a disseminação desta praga social, por isso qualquer tipo de conscencialização e apoio é sempre bem-vindo.

 

dia-vesak.jpg

No dia 17 de Maio celebra-se O Dia Vesak

"O Dia Vesak, também conhecido como o "Dia da Lua Cheia", é comemorado anualmente a 17 de Maio, sendo considerado o dia mais sagrado para os budistas pois corresponde à data de nascimento, chegada a um estádio de iluminação e morte de Siddhartha Gautama, designado Buda. É assim um marco para a religião budista, uma das mais antigas e com milhões de seguidores em todo o mundo." A mensagem de paz, compaixão e dedicação à humanidade que Buda transmitiu, encontra-se reconhecida na Resolução 54/115 da Organização das Nações Unidas"

O Budismo é seguramente a religião mais pura e desinteressada que conheço. É uma religião de paz. 

"Em nossas vidas, a mudança é inevitável. A perda é inevitável. A felicidade reside na nossa adaptabilidade em sobreviver a tudo de ruim." - Buda

"As palavras têm o poder de ferir e de sarar. Quando elas são boas, têm o poder de mudar o mundo." - Buda

 

(Fotos do Google)

Salem revisitada?

Maria Dulce Fernandes, 16.05.22

Ficou provado que em Salem a histeria colectiva proveio do pão, cuja farinha usada na sua confecção ganhou um tipo particular de fungo ou bolor com características alucinogénias. 

Estudado o fenómeno ad nauseam e aproveitado pela comunidade hippie dos anos 60 e 70 e mais tarde pelas grandes farmacêuticas para tratar doenças como a depressão,  regressa agora em grande estilo, provocando delírios de insanidade onde menos se esperaria. Será do pão? Será do vinho? Será alucinação colectiva, loucura ou medo?

Religião seguramente não é.

22299426_2DlZA.jpeg

"A igreja russa abençoa as armas que o exército russo utiliza para matar ucranianos. Até abençoaram um míssil apelidado de Satanás."

Rasputine deve estar a rodopiar no enxofre e a rir que nem um perdido.

(Foto Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 16.05.22

22297652_GFaEr.jpeg

No dia 16 de Maio celebra-se O Dia Internacional da Luz

"O Dia Internacional da Luz celebra-se anualmente e procura realçar a importância fundamental que a luz representa no nosso dia a dia, a todos os níveis, estando na origem da própria vida através da fotossíntese.

Este dia celebra o papel vital que a luz desempenha na ciência, na cultura, na arte, na educação e no desenvolvimento sustentável, assim como em áreas tão diversas como a medicina, a ciência, as comunicações e a energia.

Por entre várias culturas, a luz é tida como um símbolo universal de vida, de inclusão e de renovação em oposição à escuridão, que representa a ignorância e a intolerância.

A data foi instaurada de forma a coincidir com o nascimento de Theodore Maiman, engenheiro e físico que realizou a primeira e bem sucedida operação a laser."

"No princípio era o verbo, e o verbo estava com Deus, e Deus era o verbo. E Deus disse “faça-se luz”, e a luz fez-se, e Deus viu que era bom."

E com a luz em forma de energia, Deus criou os céus e os corpos celestes. Deus criou a Terra, criou os mares, criou as plantas e os seres que viviam nos mares, nos rios e nos lagos e ensinou-os a buscar a luz, a energia que dá a vida e se chama Deus. Sempre em busca do criador e da luz, aventuraram-se em terra e adaptaram-se. Disse-lhes Deus: "Crescei e multiplicai-vos" e assim foi como Deus quis. Aos primeiros seres com capacidade de entendimento e dominância, chamou-lhes Deus homens e deixou-os crescer,  progredir e mandar na terra.

Então os homens aprenderam o fogo e fizeram luz e, à semelhança do criador, construíram países e conquistaram terras e fizeram guerras, tudo à luz dos mandamentos do seu Deus, que interpretaram e interpretarão sempre a seu belo prazer, de acordo com as circunstâncias e as suas vontades e desejos. 

E a luz tornou-se vital e também poder e destruição.

 

22297654_dbqN2.jpeg

No dia 16 de Maio celebra-se O Dia Internacional da Convivência Pacífica

"O Dia Internacional da Convivência Pacífica celebra-se anualmente nesta data.

Este dia defende o desejo de viver e agir em conjunto, unidos nas diferenças e na diversidade, a fim de construir um mundo sustentável de paz, solidariedade e harmonia.

Deste modo, para que haja vida em união pela paz, incentiva-se a aceitação das divergências entre seres humanos e a capacidade de ouvir, reconhecer, respeitar e apreciar quem nos rodeia.

Foi instituído na resolução 72/130 da Assembleia Geral das Nações Unidas, e reforça a importância de viver num contexto de não-violência, sem discriminação religiosa ou cultural e do diálogo entre os povos."

Alguns membros do Conselho Permanente, devem seguramente ter tirado férias no dia em que esta resolução foi aprovada. 

É notório que para os que desconhecem "a importância de viver num contexto de não-violência, sem discriminação religiosa ou cultural e do diálogo entre os povos" e para quem os apoia, que deveriam ter a sua afiliação, permanente ou não, terminada, porque a imunidade não deve ser parcial e  muito menos inimputável. 

 

(Fotos  Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 15.05.22

transferir.jpeg-7.jpg

Hoje celebra-se O Dia Internacional da Família

"A data foi escolhida pela Assembleia Geral da ONU, que proclamou o dia 15 de Maio como o Dia Internacional da Família.

A celebração do Dia Internacional da Família visaentre outros objectivos, destacar:

  • a importância da família na estrutura do núcleo familiar e o seu relevo na base da educação infantil;
  • reforçar a mensagem de união, amor, respeito e compreensão necessárias para o bom relacionamento de todos os elementos que compõem a família;
  • chamar a atenção da população para a importância da família como núcleo vital da sociedade e para seus direitos e responsabilidades;
  • sensibilizar e promover o conhecimento relacionado com as questões sociais, económicas e demográficas que afetam a família.

O primeiro Dia Internacional da Família foi celebrado em 1994."

Nada importa mais do que a família. Nascemos e crescemos num seio familiar. Aprendemos a ser gente com a família, seguindo os seus usos e costumes. Ser gente é saber viver em sociedade, ter noção de que a liberdade que a democracia nos providencia tem regras e com base no respeito pelas instituições e pelas pessoas, construirmo-nos como indivíduos com as qualidades e defeitos inerentes a qualquer ser humano, que singra na vida dependendo grandemente das suas escolhas e motivações.

A família é o núcleo. É em casa que se aprendem os valores fundamentais, que passam de geração em geração, pois todos nascem dependentes da família, vivem com a família em dependência e precisam da família à beira do fim. Primeiro damos-lhe raízes. Depois damos-lhes asas. Finalmente damos-lhes segurança  e conforto.

"Paz e harmonia: eis a verdadeira riqueza de uma família." - Benjamim Franklin, seguramente a pensar nas provações das famílias ucranianas. 

Cresci numa família tradicional. Tal como os nossos bisavós, os nossos avós e os nossos pais antes de nós, eu e os meus irmãos aprendemos o valor do trabalho, da educação,  da responsabilidade e do respeito.  Não nos faltou coisa alguma, mas sempre tivemos a noção de que tudo o que os nossos pais nos deram foi fruto de muito trabalho. Tenho orgulho em verificar que passámos estes valores aos nossos filhos e estamos empenhados em participar activamente na formação dos nossos netos para que também possam ter uma vida boa, pautada pelos valores centenários que têm guiado a nossa família através de muitas gerações. 

 

transferir.jpeg-8.jpg

No dia 15 de Maio celebra-se também  O Dia do Objector de Consciência 

 

"A objecção de consciência é um direito fundamental dos/as cidadãos/ãs previsto constitucionalmente, e que permite a isenção do cumprimento do serviço militar quando obrigatório, substituindo-o pela prestação de um serviço cívico de natureza exclusivamente civil, igualmente obrigatório.

Pode requerer o reconhecimento do estatuto de objector de consciência de serviço militar o/a cidadão/ã que, estando sujeito/a a obrigações militares, não as pretende cumprir por convicção de que, por razões de ordem religiosa, moral, humanística ou filosófica, não lhe é legítimo usar de meios violentos de qualquer natureza, contra o seu semelhante, quer se trate de defesa nacional, colectiva ou pessoal."

Na realidade, quease todos nós por cá somos de algum modo objectores de consciência, porque não achamos legítimo usar "de meios violentos de qualquer natureza, contra o seu semelhante, quer se trate de defesa nacional, colectiva ou pessoal."

Todos excepto os militantes e simpatizantes do PCP, os mentecaptos a quem as estações de TV pagam para comentar a guerra e toda a escumalha que lhes bebe as palavras e as traduz no lixo que se vê, que se ouve e que se lê.

 

(Fotos Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 14.05.22

portadaDMCJ.jpg

Neste 14 de Maio celebramos O Dia Mundial do Comércio Justo

"O Comércio Justo visa o pagamento adequado dos produtos aos produtores desfavorecidos e excluídos dos países em vias de desenvolvimento do Sul.
Os produtores e participantes do comércio justo – organizações não-governamentais sem fins lucrativos e importadores – acordam o preço justo previamente. Este inclui um prémio que permite aos mesmos produtores investir nos sistemas de produção, em melhores condições de trabalho e no respeito ambiental.
O importador compra parte da produção, possibilitando rendimentos mais elevados e a descoberta de novos mercados externos, para evitar a dependência de um só comprador. A relação contratual duradoura entre as partes garante a estabilidade dos rendimentos dos produtores e o planeamento da sua actividade a médio e longo prazo.
O Comércio Justo favorece ainda a criação de novos processos produtivos. São vários os produtos de Comércio Justo, desde têxteis, a artesanato, instrumentos musicais a produtos alimentares comuns em Portugal tais como café, arroz, chá, chocolate, cacau, especiarias e compotas."

Sustentabilidade e respeito pelas diversidades e pelos direitos humanos, principalmente agora que a recuperação económica dos estragos provocados a nível mundial pela pandemia, vão dificultar mais as interacções comerciais.

 

22296939_Wa2sq.jpeg

Comemoramos também a 14 de Maio O Dia Mundial das Aves Migratórias 

"O Dia Mundial das Aves Migratórias celebra-se duas vezes por ano, no segundo sábado de Maio e Outubro. 

O seu objectivo é destacar a necessidade de preservação destas aves e o seu habitat, assim como incrementar a consciencialização global sobre as ameaças que as afectam. Esta comemoração inspira pessoas e organizações em todo o mundo para o debate do tema da poluição do plástico e o seu nefasto efeito na vida das aves migratórias.

O Dia Mundial das Aves Migratórias celebra a ligação dos seres humanos com as mesmas, através do seu canto e dos seus voos que anualmente rasgam os nossos céus deslocando-se entre os seus ambientes de reprodução e de alimentação. Serve o mesmo para realçar a importância de trabalharmos juntos, além fronteiras, para as proteger.

As duas datas foram proclamadas como Dia Mundial das Aves Migratórias em 2006 pelo Secretariado do Acordo sobre Conservação de Aves Aquáticas Migratórias da África-Eurásia em colaboração com o Secretariado da Convenção sobre Conservação das Aves Aquáticas Migradoras da África-Eurásia."

É sempre com algum arrebatamento que notamos a chegada das andorinhas, arautos da primavera e nidificadoras por excelência. 

Este ano a chegada da Primavera passou despercebida, mas não a migração das Aves-do-Estífalo-da-Tundra, hediondas criaturas aladas, carniceiras e destruidoras, que alimentavam os seus sequiosos vícios com a carne dos homens, mulheres e crianças dizimados à sua passagem.

Dizia-se que o seu poder e envergadura poderia tapar o sol e que as suas penas afiadas e feitas de aço destroçavam  impiedosamente tudo por onde passavam. O seu extermínio poderá ser trabalho de semideus, moroso e paciente, mas se pararem as cargas de flechas e lanças contra bestas de aço, as terras e as gentes nunca recuperarão a sua liberdade de ser e de dizer.

Que nunca mais alguém tenha ser um dano colateral numa investida migratória de predadores, monstros sanguinários cujos indefensáfeis ataques cegos não têm previsão , nem no espaço nem no tempo.

 

( Fotos Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 13.05.22

A 13 de Maio celebramos O Dia de Nossa Senhora de Fátima

22296898_omuEs.jpeg

"O Dia de Nossa Senhora de Fátima é comemorado a 13 de Maio. Nesta data, os católicos recordam a primeira das aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos - Jacinta, Francisco e Lúcia - que ocorreu em Fátima, em 1917.

História de Nossa Senhora de Fátima

As aparições de Fátima repetiram-se no dia 13 de cada mês até Outubro do mesmo ano. Nesses encontros, as crianças rezavam o rosário e recebiam revelações de Nossa Senhora. A notícia foi-se espalhando e cada vez mais peregrinos acorriam ao lugar, denominado Cova da Iria.

Nossa Senhora de Fátima é também conhecida como a "Santa dos Segredos", pois também teria revelado três segredos aos pastorinhos. Os dois primeiros referiam-se à Primeira Guerra Mundial e à Rússia. O terceiro, que deu origem a diversas especulações, aludia a um atentado a um pontífice. Acredita-se que a tentativa de assassinato do Papa João Paulo II, em 1981, tivesse relação com este segredo."

Como todos os que foram educados na fé, cresci com a religião, que fazia tanto ou mais parte do nosso dia a dia do que o b-a-ba ou o 1+1. Isto porque o conhecimento era importante até uma certa medida, já que tudo o mais que acontecia era obra de Deus. Muitos como eu que foram penalizados por não terem decorado convenientemente as orações com silêncios ajoelhados no gelo de lages centenárias, renegaram a idolatria dos templos e a antipatia dos ditos representantes de Deus na terra. A igreja pode ser um retiro de paz, pode ter uma arquitectura fabulosa, as imagens e as esculturas podem ser belíssimas, mas é só. A ubiquidade de Deus, sendo um facto, não precisa de uma igreja cheia de fundamentalismos bacocos, para Ele estar no meio de nós. 

Fátima tem para mim um estatuto especial. Não porque acredite em milagres, mas porque acredito. E a fé tem o condão de me trazer paz. Sinto-me bem em Fátima porque sim. Não me interessa se é um negócio e se os interesses da religião são canibalizados em prol do vil metal, mas Fátima é diferente de tudo. Choro porque sim. Demoro, penso nos que tenho e nos que perdi e agradeço. Depois é como se Deus sorrisse só para mim.

 

transferir.jpeg-6.jpg

Aos 13 de Maio, comemora-se também O Dia do Duende

"A origem do Dia do Duende é tão misteriosa como a criatura que lhe dá nome. Apesar de serem pequenos (são descritos como tendo entre 15 e 30 cm de altura), estes seres ganharam direito a um dia próprio com o passar dos anos, que se foi massificando graças à internet.

Acredita-se que estes seres da mitologia europeia possuem potes de ouro que devem ser oferecidos a quem tem a sorte de encontrar um duende. Para isso é preciso seguir o arco-íris. Segundo a lenda, o duende troca o pote de ouro pela sua liberdade.

Os duendes são descritos como seres minúsculos de cabeça em forma de cone, que atravessam paredes e pregam partidas aos humanos, nas suas casas, partindo e mudando objectos de sítio. Na cultura popular são representados com a cor verde, com um chapéu e um trevo de boa sorte na boca ou na roupa.

Uma sugestão para celebrar o Dia do Duende é criar o próprio pote de ouro, começando a poupar dinheiro num frasco, que só deve ser aberto no Dia do Duende do ano seguinte. Também pode colocar-se um duende em boneco no jardim, ou dentro de casa, ou então usar uma peça de roupa com a imagem de um duende

Segundos Yates, ele é uma espécie de dândi, vestido com um casaco vermelho com sete fileiras de botões e usa um chapéu armado."

Não sei se os duendes passaram de moda ou se apenas se resignaram a uma surda revolta e retirada estratégica,  pelo significado mais colorido dos raios de luz que marcaram por séculos o local do seu pote de ouro. Como deixou de haver quotas para seres mitológicos, ou pelo menos assim o dizem, regressaram aos verdes campos da Irlanda, com abastecimento de vinho e tabaco, uma última caneca de irish pint para o caminho e material para poderem confeccionar os dois pares de sapatos mágicos com que todos os anos põem os problemas a dar à sola.

"For each petal on the shamrock, this brings a wish your way: Good health, good luck, and happiness for today and every day."  (Irish saying)

(Fotos do Google)

Hoje é dia de

Maria Dulce Fernandes, 12.05.22

transferir.png

Comemora-se a 12 de Maio O Dia Internacional do Enfermeiro

"Este dia visa homenagear todos os enfermeiros do mundo e relembrar a sua importância na prestação de cuidados de saúde. É o dia do calendário em que todos os enfermeiros do mundo estão de parabéns, sendo que eles celebram a vida e a enfermagem todos os dias do calendário.

O Dia Internacional do Enfermeiro foi criado pelo Conselho Internacional de Enfermeiros, que todos os anos elege um tema para a celebração. A data foi escolhida por assinalar o aniversário do nascimento de Florence Nightingale, considerada a fundadora da enfermagem moderna."

Curioso que se comemore o Dia Internacional do Enfermeiro e não O Dia Internacional do Enfermeiro e da Enfermeira, porque até há cerca de pouco mais de meio século, em enfermagem encontrávamos apenas profissionais do sexo feminino.

Também nunca compreendi o porquê das enfermeiras terem má fama em diversos aspectos, sendo o principal deles a dureza e pouca humanidade com que tratavam os pacientes. Não tenho motivos para me queixar. Dos dois únicos internamentos a que fui submetida, tinha mais em que pensar do que na bondade das enfermeiras. Tinha de fazer nascer uma criança . Não se usavam epidurais ou outras anestesias e o acto de amor que é o nascimento é revestido de grande violência para ambos os intervenientes. 

A minha cunhada é enfermeira, óptima pessoa e excelente profissional. A cunhada da minha filha, idem. A D. Clara, enfermeira chefe no HDE, foi fundamental na recuperação do meu irmão e da minha filha em horas duras e dramáticas. Só conheço uma enfermeira detestável: a manipuladora Ratched em "Voando sobre um ninho de Cucos ".

Durante a pandemia, estes profissionais de saúde mostraram quem na realidade curou, devota e incansavelmente, este país. Verificamos com alguma tristeza que os louvores e os agradecimentos foram efémeros e insuficientes, enquanto as dificuldades seguiram redobradas.

IMG-20200512-WA0055.jpg

O primeiro enfermeiro homem que conheci foi o Sr. Celestino. Engraçado dandy, sempre com um palhinha e uma chalaça, sempre pronto a ajudar. Salvou-me vezes sem conta, tantas quantas os meus pais saíram á noite e me deixaram encarregue dos rapazes, que fizeram das maiores patifarias, desde cabeças partidas a bolas de plasticina pelo nariz acima. Completamente em pânico, agarrava-os por um braço e íamos à correr a casa do Tininho, que cosia, desentupia, desinfectava os safados de modo a que quando os pais regressavam os encontravam quais anjinhos na terra dos sonhos, enquanto eu, a filha crescida e responsável, lia placidamente um livro com um sorriso de Mona Lisa e o coração aos trambolhões. 

Diz o Talmude que quem salva uma vida, salva o mundo inteiro. O Talmude é sábio.