Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Um Presidente diligente.

por Luís Menezes Leitão, em 20.08.19

Graças ao seu conhecimento profundo das questões de constitucionalidade e à forma diligente com que examina os diplomas que lhe são submetidos para publicação, o Presidente da República tem sempre concluído com enorme brilhantismo nunca haver nada em diploma algum que lhe suscite qualquer problema constitucional.


6 comentários

Imagem de perfil

De João Sousa a 20.08.2019 às 19:13

Uma gralha? O Marcelo é que me saiu uma bela gralha...
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 20.08.2019 às 19:15

São sobejamente conhecidas as partidas e o sentido de humor de Marcello, o Presidente Rei.

"Numa das vezes,Marcelo, ia matando de susto a avó. Meteu-se debaixo da cama da senhora para simular o tremor de terra e de tal maneira foi convincente que ela ia saindo pela porta fora em camisa de dormir."

"Gosta de festas, bebe as suas primeiras imperiais e tenta impressionar as miúdas com a moto Famel Pachancho que recebeu como prémio das boas notas."

Famel Pachancho:

https://www.google.com/search?q=famel+pachancho&client=ms-android-huawei-rev1&prmd=ivmn&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwiP-pTohpLkAhVD1hoKHXt2C-YQ_AUIGCgB&biw=360&bih=655#imgrc=u0jcx3uP_gnjCM
Sem imagem de perfil

De sampy a 20.08.2019 às 21:13

Por falar em pouca-vergonha, alguém ainda está lembrado das intervenções, dia sim, dia sim, do Tribunal Constitucional no tempo de Passos Coelho? É, parece que alguém descobriu o segredo para voltar a remeter aqueles juízes à sua insignificância...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.08.2019 às 00:58

Um "entertainer" menor, com público idem.
Mas enquanto forem financiando a casa de espectáculos...


JSP
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.08.2019 às 15:21

Pois esse é o problema !
Quando acabar o financiamento haverá sempre uma troika para os salvar , a eles , os entertainers...

WW
Sem imagem de perfil

De Vento a 21.08.2019 às 11:45

45 anos após a revolução dos cravos, Portugal atingiu o mais elevado grau de maturidade. Conseguiu-se estabelecer neste país uma verdadeira chinesice: Um país, dois sistemas.

O sistema, suportado pelas forças reaccionárias do PS e suas engrenagens, diz-nos que sua expressão estalinista teve como objectivo conseguido a vigência do capitalismo selvagem e a estabilização do neoliberalismo implementado pelos senhores de Bruxelas - Não digo senhoras, na medida em que as feministas, santas que são, nunca gostam de se ver envolvidas nos mecanismos que consentem e concertam. São finas, como Eva foi fina na desculpa dada pela aceitação da dentada na maçã oferecida -. A culpa é sempre de quem oferece e não de quem aceita. Em Portugal diz-se que a culpa morre solteira.

Vai daí, poder-se-á afirmar que o sistema são todas estas gralhas* que têm pousado nos mais diversos ramos da nação.

*Nota: Nome de várias aves da família dos corvídeos.
As gralhas diferem do corvo pelas belas cores que ostentam: azul de diversos tons mesclado com branco, creme ou preto.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D