Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Um país sem corruptos

por Pedro Correia, em 19.11.19

thumbnail_20191119_100643-1[1].jpg

 

A 27 de Março de 2007, o Diário de Notícias saía para as bancas com esta manchete: «Portugal só tem oito presos condenados por corrupção.»

Passaram 12 anos, muita coisa mudou no País. Mas interrogo-me se neste capítulo concreto terá havido a mudança que se impunha. Sou capaz de apostar que não. Como se este canto mais ocidental da Europa, pelo efeito de alguma varinha de condão, fosse imune a tal delito que ameaça corroer as democracias um pouco por todo o continente.

Se um jornal dedicasse hoje novamente atenção a este assunto, talvez concluísse que estamos na mesma - ou ainda pior. E haveria assim motivo para nova manchete, semelhante à que reproduzo aqui. Na expectativa de que os actos dos políticos se adequassem às palavras que costumam proferir em campanhas eleitorais e a corrupção deixasse de parecer um crime impune.

 

ADENDA: Hoje, em Sevilha, o tribunal condenou por corrupção dois antigos presidentes do PSOE que lideraram o Executivo da Andaluzia. Manuel Chaves e José Antonio Griñan, os condenados, foram também ministros do Governo central - e Chaves chegou a vice-presidente do Executivo, com Zapatero. A sentença condena igualmente a antiga ministra socialista do Fomento, Magdalena Álvarez. Foi o maior processo por corrupção aberto até hoje em Espanha.


38 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 11:12

Bom dia Pedro Correia
Comungo da sua opinião.
Pessoalmente, creio que quem escreveu no passado deve saber perfeitamente o que se passa hoje.
12 anos passados, com um certo silêncio, é capaz de ser elucidativo do estado disto tudo.
António Cabral
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 13:38

As notícias levantam muita poeira antes, meu caro. Mas depois, quando a poeira assenta, as notícias eclipsam-se.

O combate à corrupção deve ser implacável do princípio ao fim. Não apenas para encher manchetes, fornecidas pelas vias habituais, para dar a ilusão ao País de que o combate a este crime é muito eficaz.

Entre o alarido inicial as condenações efectivas vai um abismo. Era assim no passado, continua a ser assim agora.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 19.11.2019 às 15:31

O combate à corrupção deve ser implacável

Isso é algo que toda a gente diz, mas ninguém sabe concretamente como fazer esse combate implacável, a não ser aqueles que sugerem que se condene pessoas com base em "provas indiretas" ou então que se criminalize o "enriquecimento ilícito". Ou seja, pessoas que pretendem que se inverta o ónus da prova.

Eu faria somente uma sugestão: já que na Alemanha se condenou pessoas por terem sido corrompidas na venda de submarinos a Portugal, procure-se em Portugal quem as corrompeu. Que eu saiba, o Ministério Público português escusou-se a fazer essa busca...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 18:01

Na Alemanha existe a figura de "colaboração premiada" com as autoridades judiciais. Como aliás sucede em Espanha, França, Reino Unido, Holanda, Itália e na generalidade dos países europeus.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 19.11.2019 às 18:06

Ora bem, eis aqui uma sugestão concreta e útil que o Pedro Correia faz para o "combate implacável".
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 18:23

Sugestão sua. Foi você que apontou a Alemanha como exemplo.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 21:00

Como sabe, é preciso não esquecer as notícias que não chegaram a ser porque foram censuradas!

The show must go on!
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 19.11.2019 às 11:28

O problema é que a corrupção é um crime muito difícil de provar.
A não ser que se use um conceito abrangente de "prova indireta", como alguns pretendem usar para condenar Sócrates.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 13:41

Sócrates, tanto quanto sei, não necessita de advogado. Já tem defensor, pago em numerário com o dinheiro do amigo.
Imagem de perfil

De C.S. a 19.11.2019 às 12:08

A corrupção é um dos grandes defeitos do nosso país. E acredito que é um dos motivos pelo qual muita gente não vai às urnas votar.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 13:43

Enquanto não houver um combate implacável à corrução cada vez mais gente se divorciará da política, Cátia.
A luta contra este crime devia ser um desígnio nacional.
Infelizmente foram raros os partidos que inscreveram esta prioridade nos programas apresentados aos portugueses nas eleições do mês passado. Alguns foram até totalmente omissos nesta matéria.
Imagem de perfil

De C.S. a 19.11.2019 às 17:41

Não inscreveram porque não há interesse ou porque ao fazê-lo estariam a cair numa hipocrisia imensa, certamente. É triste esta realidade.
Sempre achei que ocupar um cargo político deveria ser encarado como um trabalho missionário, o objetivo deveria passar sempre por fazer um bem maior, mas não é o que acontece. Claro que eu estou a escrever sobre o assunto de uma forma muito simplista, naïf até, mas no fundo, deveria ser esse o motivo principal.
Há impunidade para a corrupção neste nosso cantinho e parece que quanto maior é o crime, maior é a capacidade de chutar para canto.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 17:48

Precisamente ao contrário do que acontece em Espanha, Cátia. Como acabo de anotar, em adenda, um ex-vice-primeiro-ministro e dois ex-ministros acabam de ser condenados por corrupção. E lembro que até um cunhado do Rei está preso pelo mesmo crime.
Que diferença...
Imagem de perfil

De C.S. a 19.11.2019 às 19:15

E já aqui ao lado, não é? Tínhamos tanto a aprender com os vizinhos, que não são perfeitos, mas que nos ganham em tanto.
E para espanto de tantos portugueses, até tiveram a ousadia de levar a tribunal e condenar o Ronaldo.
Temos um país que tem o sistema de saúde, educação e segurança a ruir, mas parece que ninguém quer ver. Todos assobiam para o lado.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 23:08

Não posso estar mais de acordo, Cátia.
Sem imagem de perfil

De Corrector autom a 20.11.2019 às 03:33

A corrupção é um dos grandes defeitos do n̶o̶s̶s̶o̶ ̶p̶a̶í̶s̶ ser humano.



Não tem de quê.
Sem imagem de perfil

De Corrector automático a 20.11.2019 às 09:50

A corrupção é um dos grandes defeitos do n̶o̶s̶s̶o̶ ̶p̶a̶í̶s̶ Ser Humano.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 13:30

A maior parte da corrupção é legal.
Voto em no partido X se me der coisas grátis é corrupção ou não?



lucklucky
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 13:43

Não percebi. Fala concretamente em quê?
Sem imagem de perfil

De Lelo Mão Rápida a 19.11.2019 às 18:39

Ai senhrr Pedrro Corrrreia ele deve estarr a falarr do rrendimento social de rreinserrsao que é uma coisa tão boa parra darr dinheirro a quem não quer tabalharr. Aqui em Setúbal eu e a minha trribo ou etnia ou lá como é que é estamos tão agrradados com o Costa, com a Catarrina e com o Jerronimo. Esperrro que não estampem a gerringonssa.
Votei neles parra terr coisas de grrassa.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 14:17

Temos o que merecemos.

Um governo socialista nunca dará resultado, nunca resultou em nenhum país.

A corrupção sempre existiu, mas com socialistas é sempre pior.

São neste momento barriga de aluguer dos comunistas, que graças ao 25 de Novembro não conseguiram atingir a "liberdade comunista".

No entanto com o beneplácito do PCP, graças ao major Melo Antunes, que garantiu a Cunhal a presença do PCP no futuro.

OS corruptos & maçons nunca deixaram cancelar o artigo da Constituição "..a caminho de uma sociedade socialista ....

O regime está mal cheiroso....

A.Vieira
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 14:59

Acontece que a corrupção não tem cor partidária.
Há corruptos de todos os partidos. Em cima, em baixo, à esquerda e à direita.
Sem imagem de perfil

De Anonimus a 19.11.2019 às 14:49

Cem corruptos. Pecando por defeito.

Quando ouvi um comentadeiro da bola falar que isto do jeitinho e do favor é perfeitamente normal... volta #44!!!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 14:58

Tudo farinha do mesmo saco.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 15:18

Corrupção (como dizem os brasileiros), e então aquele conceito 'esperto é ele', muito implantado na era cavaquista? Foi um fartar vilanagem.
Nos usa e noutros parecidos não há corrupção. Pudera quem poderá corromper faz parte da própria governação do país, assim os corruptores nem gastam dinheiro.
Por cá, seria como um governo com o santo primeiro ministro e o godinho ministro da indústria.


Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 17:57

Os brasileiros (em certas partes do Brasil) dizem "corrução".
Não tarda muito e também por cá se começará a dizer (e a escrever) assim.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 15:49

E já é de longa data
O poder da corrupção.
Se Afonso não paga ao Papa
Não havia esta Nação.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 17:15

Cumprimento-o pela verve poética.

(Mas faria bem em pedir às musas uma rima para Salgado.)
Imagem de perfil

De João Sousa a 19.11.2019 às 16:38

"O nosso país não é um país corrupto, os nossos políticos não são políticos corruptos, os nossos dirigentes não são dirigentes corruptos. Portugal não é um país corrupto" - disse em 2012 a escondedora-geral adjun... quero dizer, a procuradora-geral adjunta Cândida Almeida. Como é que podiam estar presos aqueles que, garantiu-nos a senhora, não existiam? Seria como exigir um casal de unicórnios no Jardim Zoológico...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 19.11.2019 às 17:17

Até porque, como acentuou um amigalhaço de tão insigne Doutora, «seja político, pedreiro, capitalista ou pobre, como princípio geral não há ninguém impune no País».
https://delitodeopiniao.blogs.sapo.pt/palavras-para-recordar-59-11132096


Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.11.2019 às 20:02

José Luís Ábalos ( ministro de Fomento e secretário de organização do PSOE) : " No es un caso del PSOE, sino de antíguos responsables públicos de la Junta"
Estes f.d.p. não têm um pingo de vergonha nas trombas - nem eles nem o sócio coletas.
Mas é de "famiglia" : aquém Caia a quadrilha afina pelo mesmo diapasão...


JSP

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D