Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tomem nota: amanhã, às 18.30

por Pedro Correia, em 09.05.18

Convite Delito_27 abril-page-0 - Cópia.jpg

 

A sessão de lançamento do livro DELITO DE OPINIÃO realiza-se esta quinta-feira, pelas 18.30, na Livraria Almedina, situada no segundo piso do edifício Atrium Saldanha (Praça Duque de Saldanha), em Lisboa.

A obra será apresentada pelo escritor e jornalista Tiago Salazar.

Esperamos lá por vós.

Eu estarei meia hora mais cedo, no átrio central do edifício (junto ao piano), para autografar os exemplares de todos os leitores que contribuíram para esta iniciativa e possam ali comparecer. Aos restantes, a quem foi prometida uma dedicatória personalizada, terei todo o gosto de fazê-lo noutra ocasião - mesmo fora da capital - em local e data a combinar.

E a todos renovo os agradecimentos, em meu nome e dos restantes autores. Este livro é nosso. Mas é também vosso.


21 comentários

Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 07.05.2018 às 10:47

Que autores é que estarão presentes?
Sem imagem de perfil

De Herr Von Kälhau a 07.05.2018 às 13:26

Casanova, Bocaccio, Sade, Isidore Lucien Ducasse....e mais alguns, dependendo das prateleiras!
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 07.05.2018 às 19:07

Imagem de perfil

De Sarin a 07.05.2018 às 20:57

Até nisso, o olvido!
Anaïs Nin, de greve?!
Joyce Mansour, excomungada?!

Karo Teofrastus, não o supunha capaz de assim marginalizar escritoras 🧐


Imagem de perfil

De Pedro Correia a 08.05.2018 às 09:18

Calma. Safo estará também. Desta não se safa.
Imagem de perfil

De Sarin a 08.05.2018 às 09:20

😂 Estiveram muito bem, ambos os dois. 😂
Sem imagem de perfil

De Octávio dos Santos a 07.05.2018 às 13:05

Pedro, gostaria de estar presente, mas tal não deverá ser possível... apesar de, na quinta-feira, estar em Lisboa, da parte da tarde, mas para um compromisso marcado para as 17.30, que não sei quanto tempo durará, e num local a alguma (considerável) distância da Livraria Almedina do Atrium Saldanha - onde, aliás, foi onde decorreu a apresentação, em 2006, do meu (e do meu amigo Luís Ferreira Lopes) livro «Os Novos Descobrimentos».

Porém, suponho que estarão a considerar fazer outras apresentações... se sim, algum delas poderá ser, por exemplo, na Feira do Livro?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 08.05.2018 às 09:19

É bem possível, Octávio. Depende em larga medida do nosso editor.
Imagem de perfil

De Sarin a 08.05.2018 às 09:21

🍷🌻
Sem imagem de perfil

De Octávio dos Santos a 08.05.2018 às 15:27

Devo especificar, e até mesmo corrigir, a sugestão que dei, Pedro, no meu comentário anterior: na Feira do Livro de Lisboa não é necessário, claro, haver uma apresentação para se proceder a autógrafos. Se quiserem e puderem fazê-lo, aconselho-o vivamente, e falo por experiência própria: uma das memórias «literárias» mais gratificantes que guardo é da FdL de 2008, em que estive com quase todos os meus co-autores - incluindo o saudoso João Aguiar - de «A República Nunca Existiu!», à sombra das árvores, em amena cavaqueira... E em que, se mais ninguém vier pedir assinaturas, sempre se pode escrevê-las nos exemplares uns dos outros... ;-)
Sem imagem de perfil

De Herr Von Kälhau a 07.05.2018 às 17:13

Pedro, eu a essa hora tenho fisioterapia!

Sem imagem de perfil

De Cristna M. a 07.05.2018 às 21:21

nesse caso, tem a falta justificada; é anexar declaração.
Sem imagem de perfil

De Bea a 07.05.2018 às 21:11

E que corra tudo bem.
Tem razão, os livros são dos autores e também dos leitores.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 08.05.2018 às 09:20

É um pouco como os blogues também.
Sem imagem de perfil

De Bea a 08.05.2018 às 09:39

mas só um pouco. Na minha óptica um blogue -ou alguns - não tem como condição necessária o leitor. Mas um livro sem leitores é incompleto em demasia. E o bem do livro vem-lhe do leitor; é ele que o actualiza e nunca dá por definitivo e encerrado.
Sem imagem de perfil

De Herr Von Kälhau a 08.05.2018 às 16:00

E há livros míticos cuja mística lhe provem de permanecerem para sempre fechados.

Diria, ainda mais:

Um livro cheira tanto pior quanto mais desfolhado...lixo
Sem imagem de perfil

De Bea a 08.05.2018 às 19:16

Digo-lhe que nem toda a gente pensa assim. Vi com estes que a terra há-de comer, Lobo Antunes a cheirar antigos livros seus - desses muito folheados, mas não ainda desfolhados -; e pareceu-me deliciado com o perfume. Além disso, numa crónica sobre Torga, chamou à colação o cheiro que emanava dos seus livros e que designou, salvo erro, de "cheiro a floresta" mas eu chamava apenas "cheiro a madeira". Fazíamos a aquisição na Feira do Livro numa barraca onde os vendedores eram transmontanos vestidos a rigor e com olhar de fraga. E nenhum juíz ou professor, ou mesmo rei, será capaz de igualar o seu orgulho digno. E depois seguíamos para casa onde os abríamos folha a folha. Tão docemente misteriosos os livros de Torga.
Sem imagem de perfil

De Herr Von Kälhau a 08.05.2018 às 23:12

Os Diários....serão irrepetíveis!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.05.2018 às 22:36

Recebi ontem o meu exemplar :)
Com pena minha não poderei assistir a essa apresentação.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 10.05.2018 às 09:46

Claro que seria fantástico conhecer os autores presentes na Almedina e ter o meu exeplar ( que já li de ponta a ponta) autografado pelos presentes, mas não é de todopossível.
Vou estar a acompanhar uma cirurgia que seria para amanhã e foi antecipada.
Terá que ficar para a Feira do Livro ? (assim espero)

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D