Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Os Lopes planearam passar dez dias no Parque de Campismo da Nazaré no Verão de 2016. Entre diária, taxas, gás para o petromax, mais qualquer coisa para as bifanas e as acendalhas, um tanto para uma extravagância de ir jantar fora uma vez, combustível para a viagem e o mais que se lembraram, fizeram uma estimativa de gastos de 780€. Na verdade, acabaram por gastar 870€. Agora, como são gente previdente, os Lopes já fizeram um novo orçamento para as férias de 2017 que querem passar no mesmo sítio. No caso, o da Nazaré. São 830€ e nem mais um tostão, afirma o Lopes. Pois bem. Os Lopes prevêem gastar mais ou menos do que gastaram em 2016? Menos, dirão as pessoas normais. Mais, afirmará o génio que trata da propaganda do Ministério da Educação.


17 comentários

Sem imagem de perfil

De JAB a 01.11.2016 às 11:15

GENIAL!...
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:46

Obrigado, JAB.
Sem imagem de perfil

De fatima a 01.11.2016 às 15:09

De facto... lê-se e não se acredita... o Sr. Ministro é um génio!
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:47

Estou a ver as explicações do Ministro na SIC. Um espectáculo.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 01.11.2016 às 15:10

Se prevêem gastar menos, então isso é bom, quer dizer que poupam mais e que saem da sua zona de conforto.
Pelo mesmíssimo motivo, a direita deveria saudar a intenção do ministério da Educação de gastar em 2017 menos do que o que gastou em 2016.
Deveria saudá-la e aplaudi-la, não criticá-la.
Mas atualmente a direita converteu-se ao despesismo. Se o ministério pretende gastar menos, isso é sinal de que a educação será pior.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 01.11.2016 às 15:30

Então apontar a falha de cumprimento de promessas dos adversários é o mesmo que estar a favor dessa política que não cumprem?


------
Cortes agora são bons. Esqueceu-se da palavra austeridade?
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:49

Agora diz-se restrição Lucky.
Sem imagem de perfil

De Costa a 01.11.2016 às 17:38

É extraordinariamente simples: gastar menos, chamando-lhes gastar mais é mentir. É simples, é tudo. E você está farto de o saber.

Não é, em primeira análise, o montante gasto que está aqui em causa. Dentro de limites de decência, fazer mais e melhor por menos (se fosse o caso... coisa, no caso, merecendo as maiores dúvidas) - desde logo com o dinheiro dos nossos impostos - só pode ser algo bem-vindo. É a mentira propagandística, torcendo e retorcendo descaradamente factos e palavras até a tornar apresentável.

Apresentável, entenda-se, perante um povo embrutecido e estupidificado.

Como convém.

Costa
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:50

Exacto, Costa.
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:48

O que está em discussão é a manipulação dos números e dos dados.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 02.11.2016 às 09:16

No seu post não se entende tal coisa. Os Lopes não manipulam dados nem números.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.11.2016 às 18:42

Acontece que os maiores problemas da educação nem sequer são de natureza financeira.
João de Brito
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:51

É provável. Mas é certo que o chico-espertismo e a manipulação são.
Imagem de perfil

De cristof a 01.11.2016 às 19:31

Espero que o Coelho leia isto a ver se aprende como fazer oposição consequente , eficaz, perceptível e que não precisa de mapa ou desenho
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:52

O Passos Coelho tem uma estranha dificuldade de falar linguagem simples e directa, Cristof. E tem também alguma tendência para se rodear de más companhias.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.11.2016 às 20:23

mas o coelho sabe ler?
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.11.2016 às 20:53

Não sei. O Tiago Brandão sabe fazer contas?

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D