Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Só lá faltou o Barbas

por Pedro Correia, em 09.09.16

JRN.RE.27467-140422[1].jpg

 

A TVI inaugurou esta semana um novo "formato": a entrevista sem contraditório. Anteontem, no seu canal de notícias, esta estação televisiva teve como convidado especial o presidente do Benfica. Durante uma hora e cinco minutos.

José Alberto Carvalho estava lá, em pé, a assistir com um sorrriso embevecido. Mas a entrevista foi conduzida por três adeptos do clube dos encarnados: Domingos Amaral, Pedro Ribeiro e Diamantino Miranda. Sentados ao lado do presidente da agremiação a que pertencem.

Nenhum deles integra os quadros da TVI, tanto quanto sei. E não faltam jornalistas por lá que bem poderiam exercer aquela função. Mas a direcção editorial optou por este original formato, que levou o ex-jogador encarnado Diamantino a dar o pontapé de saída com estas comoventes palavras: "Luís Filipe Vieira é conhecido, entre os benfiquistas e não só, como um dos presidentes - senão o único - que tem demonstrado um grande respeito pelos actuais jogadores e pelos antigos jogadores. E eu posso prová-lo."

Estava dado o tom à nova modalidade: a entrevista puxa-saco. Aguardo agora com interesse as futuras entrevistas da TVI 24. Quando lá tiver o presidente do Sporting, um painel de adeptos leoninos prontos a questionar Bruno de Carvalho. Quando lá for o líder do PSD, um trio de militantes sociais-democratas. Quando lá for o primeiro-ministro, só correligionários de António Costa.

Paz e sossego, conversa mole, solo de violino, manteiga no pão, mais sorrisos embevecidos: infotainment no seu melhor. Espero que da próxima vez seja também dado tempo de antena ao Barbas: porque não há-de ser ele um dos "entrevistadores" de Vieira? Se for preciso até lhe passam carteira profissional de jornalista.

Autoria e outros dados (tags, etc)


62 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 09.09.2016 às 20:28

Cara Isabel,
Não sei como consegue interpretar pessoas por suposições já que não é por aquilo que escrevo seguramente.
As entrevistas na TVI não devem ser para adeptos do Benfica nem do Sporting devem ser para os espetadores. Para os Benfiquistas devem ser na BTV e para os Sportinguistas devem ser no canal do clube.
Posto isto espero que se tenha sentido esclarecida com as promessas que são uma cópia do que foi prometido em 2012.
Eu gostava de ser esclarecido em contas que não batem certo e em questões de investigação que acontecem em Espanha com o Valência e com questões que acontecem no Paraguai, também gostava de saber porque o activo intangível do Benfica são 170M€ enquanto o do Sporting é de 22M€, não sei se sabe o que isso significa a nível de capitais próprios mas no caso de não saber uma busca no Google deve esclarecer. Gosto de saber no Benfica e no meu clube, por esse facto já dei exemplos de perguntas que pelo que escreveu não gosta que sejam colocadas ao seu presidente mas eu gosto que coloquem ao meu. A Isabel já esqueceu o Vale e Azevedo mas com o seu pensamento ele volta a aparecer.
Sem imagem de perfil

De Isabel a 10.09.2016 às 01:07

Caro Anónimo,

Ou não leu o meu comentário ou não percebeu. Sugiro uma releitura.
Lamentavelmente o Anónimo desconhece tanto as promessas de 2012 como os assuntos que questiona no seu comentário acima em 2016. Podia dizer-lhe para procurar no Google a definição de "activos intangíveis" e "capitais próprios" e que faça uma análise do relatório e contas dos vários clubes portugueses...mas se não percebeu/não leu o meu comentário que é tão simples, como iria perceber e analisar tais conceitos? Assim, limito-me a desejar-lhe um excelente fim de semana.
Sem imagem de perfil

De Miguel Ribeiro a 10.09.2016 às 08:44

Bom dia Isabel,

Em relação ao seu comentário e a perceber o que escreve só retenho a ideia que o seu entusiasmo pelo LFV/Benfica é igual aos labregos a ver o playboy.
Convenhamos que é um argumente que realmente não entendo nem domino e como tal desejo-lhe um bom fim de semana.
Sem imagem de perfil

De Isabel a 10.09.2016 às 10:31

É só classe!
Isso que acabou de fazer chama-se argumentação ad hominem, basicamente como não tem argumentos ataca o argumentador...e de forma reles, diga-se de passagem.
Felizmente os meus pais não me educaram assim mas a vida ensinou-me que chamamos sempre aos outros (principalmente àqueles que não conhecemos e nunca vimos) aquilo que mais tememos que nos chamem a nós.

Sugiro-lhe ainda que reflita na diferença entre "entrevista" e "debate".
Sem imagem de perfil

De Miguel Ribeiro a 10.09.2016 às 11:17

Classe é dizer que um economista não sabe o que são activos ou capitais próprios?

Isabel eu não quero mesmo conversar sobre senhoras nuas e clubites, pareceu-me que o tema era jornalismo, mas vou procurar no Google devo ter percebido mal.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D