Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Rentrée

por Isabel Mouzinho, em 31.08.15

E pronto. Com a chegada de Setembro, vem também a rentrée em toda a sua plenitude. Tem que dizer-se assim mesmo, em francês, porque não há na língua portuguesa nenhuma palavra capaz de transmitir de forma tão forte e abrangente a infinidade de sentidos que ela encerra.

Gosto muito desta época em que tudo tem o sabor do recomeço, não com a alegria berrante e renovadora da Primavera, mas com os cheiros e as cores do Outono, na melancolia do fim de férias, misturada  com o entusiasmo do que principia outra vez e promete ser diferente, ou até talvez melhor.

Para mim, a vida toda, a rentrée significou quase sempre, acima de tudo, regressar à escola. E sempre foi em Setembro e não em Janeiro que senti que  começava mais um ano. Época de cadernos a cheirar a novo e de canetas por estrear, de novos projectos e de inconfessadas intenções, de algazarra e de esperança, da cabeça cheia de ideias para pôr em prática e da vontade de regressar a um mundo sempre igual e ao mesmo tempo sempre diverso, tão complexo quanto apaixonante.

Por variadíssimas razões, este ano traz consigo maior expectativa, e uma novidade que o torna um pouco mais novo que os outros. Por isso, desta vez, o conhecido e o incerto aliam-se  de forma ainda mais peculiar, o que me provoca um ligeiro friozinho na barriga, mescla de medo e de vontade em doses quase iguais, mil possibilidades em aberto, apesar de saber que haverá bom e mau, positivo e negativo, como sempre há em tudo, em todo o lado. Por ora, concentro-me nos dias por viver de um ano inteirinho em que espero conseguir misturar com natural simplicidade o que tem que ser feito e o prazer da sua realização, esquecendo por momentos, pelo menos, tudo o que também me limita, inquieta, preocupa. Ninguém disse que vai ser fácil. Mas acho que vai ser bom.

Autoria e outros dados (tags, etc)


10 comentários

Imagem de perfil

De Sérgio de Almeida Correia a 01.09.2015 às 03:30

Então um bom ano, Isabel, cheio de boas realizações.
Imagem de perfil

De Isabel Mouzinho a 01.09.2015 às 09:13

Muito obrigada, Sérgio. Boa rentrée também para ti. :)
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.09.2015 às 08:40

Seja o que for, faço desde já votos para que seja muito bom.
(E gosto de ver bem escrita a palavra "rentrée", que há dois dias vi travestida de "reéntre", durante larguíssimos minutos, num canal de televisão português).
Imagem de perfil

De Isabel Mouzinho a 01.09.2015 às 09:19

Vai ser, com certeza, Pedro. É que querer é já meio caminho andado.

(A rentrée aparece muitas vezes mal escrita e mais ainda mal dita. Vão sendo cada vez mais raros os jornalistas - e não só - que sabem francês decentemente).

Obrigada. Beijinho
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 01.09.2015 às 09:36

Passamos a vida a tentar por a vida em ordem e encontrar uma ordem para tudo.
Há muito tempo, 7 de Outubro marcava o fim e o começo.
Com o passar dos anos, o enquadramento europeu antecipou para Setembro as saídas e as entradas ou reentradas na realidade deixada em suspenso.
Comigo, demorou anos a encaixar o tetris dos meus dias, de modo a conseguir- lhes alguma qualidade.
Com Setembro chega a calma, o descanso, a paz. Quando todos voltam, eu vou; vou em busca do sossego e do sol. Para confusão e noite, bastou pouco menos que três meses de exaustão.
De certo modo, também posso dizer que Setembro é um começo.
Imagem de perfil

De Isabel Mouzinho a 01.09.2015 às 23:12

Também não me importava nada de partir agora, quando todos voltam. Mas o caminho que escolhi não me dá alternativa: só posso ter férias em Agosto, como (quase) toda a gente e esse é talvez o seu maior inconveniente.
Há sempre novos começos nas nossas vidas, sejam eles quais forem, Dulce. E eu acho que isso é bom. :)
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 01.09.2015 às 09:40

Por variadíssimas razões, este ano traz consigo maior expectativa, e uma novidade que o torna um pouco mais novo que os outros.

Por que razões?
Imagem de perfil

De Isabel Mouzinho a 01.09.2015 às 23:14

Não tem nada nada a ver com as eleições, nem nada disso. Serão razões puramente pessoais: não mudo de profissão, mas faço nela uma mudança, que é também a concretização de um sonho. Daí a expectativa...
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 02.09.2015 às 12:37

Então se é assim, espero que a realidade supere as melhores expectativas :)
Imagem de perfil

De Isabel Mouzinho a 08.09.2015 às 00:22

Também espero isso, Teresa. Obrigada.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D