Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pensamento da Semana

por Bandeira, em 01.04.18

O golfe é a prova acabada de que o Homem é incapaz de andar umas centenas de metros sem dar com um pau em qualquer coisa.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante toda a semana


26 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 10:53

É o instinto de caçador.
Desde os primórdios.
E contra isso, não há feminismo que nos valha.
João de Brito
Imagem de perfil

De Bandeira a 26.03.2018 às 12:11

Dizem que escalar montanhas, surfar ondas de 20 metros ou correr maratonas permite-nos sublimar instintos que, de outra forma, talvez fizessem de nós assassinos em série. Eu mesmo, de vez em quando, ignoro o elevador e subo ao meu terceiro andar a pé
Sem imagem de perfil

De Vlad a 26.03.2018 às 12:40

O fantástico da sublimação de instintos é a sua flexibilidade, via cultura.
A competição e a luta pelo reconhecimento, dentro da matilha, pode ser manifestável no campo de batalha, caso a sociedade faça da derrota do inimigo uma virtude, ou na ciência, e na ajuda ao outro, caso a sociedade decida serem estes os mais virtuosos comportamentos. Aproveitando os instintos - ganhar ao outro - temos a capacidade de decidirmos quem nós queremos que o "outro" seja - uma montanha, um vírus, um bloco de mármore de Carrara, ou outro igual a nós.


Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 12:03

E os juvenis, que ao andar na rua, pelos passeios, vão dando pontapés em tudo, pedras, paus, caricas?
António Cabral
Imagem de perfil

De Bandeira a 26.03.2018 às 12:32

Já tenho visto juvenis a aprender golfe, e ainda nem têm barriguinha. Ao que chegaremos? Ao que chegaremos?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 12:40

Mais tarde, jogarão golfe.
Sentir-se-ão muito mais realizados.
Porque o golfe, para além do pau, tem bolas e buracos.
Muito mais satisfatório.
João de Brito
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.03.2018 às 16:29

Mas no golfe são as bolas que entram!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.04.2018 às 12:05

Só mesmo um Emborcador poderia fazer uma observação destas.
João de Brito
Imagem de perfil

De Bandeira a 26.03.2018 às 19:16

Faz sentido. Não tinha visto a coisa por esse ângulo mais, digamos assim, agudo.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 12:05

E os adultos, que para não tropeçarem em caixotes os levam para casa?
António Cabral
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 17:29

Neste caso, é por uma boa causa. Não há dinheiro que pague o prazer de fazer um birdie com um put de 12 metros... Fazer um hole-in-one não tem preço. Por outro lado, nunca ouvi nenhuma bola de golfe queixar-se a não ser das más pancadas.
Imagem de perfil

De Bandeira a 26.03.2018 às 19:17

Se bem que (dizem-me) um número considerável de bolas tenta, se não fugir, pelo menos esconder-se.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.03.2018 às 23:12

A ideia é escondê-las no buraco. Mas de vez em quando algumas escondem-se muito bem, ou pior, vão tomar banho...
Imagem de perfil

De Bandeira a 28.03.2018 às 12:37

Desconfio de que é jogador, pelo conhecimento e pelo ‘fair-play’. Olhe se eu me tinha metido com outras modalidades (nas quais, dizem-me, as bolas de golfe também têm o seu uso)...
Sem imagem de perfil

De Tangente Secante a 31.03.2018 às 16:17

"O golfe é a prova acabada de que(...)", à semelhança de outras imparidades na repartição de lucros e prejuízos entre a coisa pública e a privada, também a seca, mesmo que severa, não é para todos!
Sem imagem de perfil

De Manuel Alves a 27.03.2018 às 00:01

" sem dar com um pau em qualquer coisa." Erro!! Não é o artigo indefinido mas sim o definido que deve figurar.
Imagem de perfil

De Bandeira a 28.03.2018 às 12:39

Ah! Malandrice, mas didáctica.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 27.03.2018 às 03:42

Damo-nos agora muito bem,arrimados um no outro,salvando-nos das covinhas camarárias,dos cócós canídeos.
Tiudózio
Imagem de perfil

De Bandeira a 28.03.2018 às 12:41

‘Arrimados’!—não lia o termo há anos. Podemos por fim ressuscitar o Camilo.
Sem imagem de perfil

De amendes a 27.03.2018 às 12:54

Pau direito não tem respeito...
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 27.03.2018 às 22:43

O Homem e muitas mulheres, que o golf é como o gin tónico, vai dominando PAUlatinamente as nossas preferências recreativas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.03.2018 às 10:56

"PAUlatinamente" PAU LATINAMENTE
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 28.03.2018 às 11:31

Não concordo muito... recreações latinas lembram coliseus, touradas... pouco da pasmaceira do golf... nem abtranquiludade do verde, nem paus, nem bolas, nem buracos, só histeria.... bem, há a tomatina...
Imagem de perfil

De Bandeira a 28.03.2018 às 12:42

Fico sempre contente quando a conversa deriva para a Antiguidade Clássica :-)
Sem imagem de perfil

De V. a 29.03.2018 às 09:58

A prova acabada de que a snobeira e ter a mania de que se é um grande gestor só lá vai à paulada

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D