Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pensamento da semana

por Sérgio de Almeida Correia, em 20.09.20

Cada um tirará as suas conclusões acerca da presença do primeiro ministro na comissão de honra de Luís Filipe Vieira, mas aproveitamos a oportunidade para assegurar que esta candidatura será sempre pela separação escrupulosa entre a política e o futebol", diz um dos candidatos à presidência do Sport Lisboa e Benfica.

O primeiro-ministro já está a levar no toutiço, como aliás seria de esperar. E é bem dado.

Já não vou pelo caminho do Novo Banco, que estamos todos a pagar, pelos processos judiciais, que até hoje deram zero, ou pela clubite, que de uma forma ou de outra, até no desprezo, a todos nos afecta.

Nem sequer me agarro à mais do que indecorosa "recontratação" do treinador Jorge Jesus, por valores absolutamente incompatíveis com a qualidade de vida da maioria dos portugueses, com a carga fiscal que suportam à conta da mais do que enraizada má escolha de governantes e dirigentes e da incapacidade das lideranças políticas, e com o prestígio e a história da instituição.

Mas ainda que assim não fosse, pergunto se é razoável um primeiro-ministro andar metido em comissões de candidatura de "gajos da bola". Sim, de "gajos da bola".

Bastava ouvir o Seara a fazer a sua defesa para se ficar com uma ideia da argolada. 

Não chegava já lá estar o Medina, que até é presidente da Câmara. Como não era suficiente um apoio discreto, distante, não comprometido, que não afectasse o desempenho da função, a liderança do partido e não suscitasse mais anti-corpos do que aqueles que neste momento geram as suas aparições.

Era ainda preciso vestir uns calções e atirar-se de cabeça para a pilha dos pneus para o desconchavo ser absoluto.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante esta semana


8 comentários

Perfil Facebook

De Marques Aarão a 14.09.2020 às 06:43

Há muito mais, mas depois disto dar-lhe antena é perder tempo com personagem tão desclassificada.
Mais ou menos assim:
-Nem em rodada de copos numa taberna um ministro deixa de o ser-
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 14.09.2020 às 16:41

"Loucos precisam-se, ou de como a política morreu" ...
Sem imagem de perfil

De Francisco Almeida a 15.09.2020 às 11:04

António Costa já está a recolher o que semeou mas Medina parece-me que ainda não.
Tanto quanto julgo saber, quer Vieira através das suas empresas quer o próprio Benfica estiveram e presumivelmente estarão envolvidos em empreendimentos imobiliários cuja aprovação "ultima ratio" depende de Medina.
Nesse particular, diria que a responsabilidade de Medina é maior ou pelo menos mais directa do que a do primeiro-ministro.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.09.2020 às 15:49


... laivos de "pequeno ditador", que o PM vem mostrando há vários meses. Veja-se por exemplo:
- o apoio que deu ao futuro candidato Marcelo Rebelo de Sousa, sem nunca ter sequer previamente ouvido os órgãos do partido a que pertence;
- o modo como trata as suas ministras, a da Justiça, a da Saúde, a da Previdência, a da Agricultura, etc. que são meras mensageiras daquilo que o Chefe dita, etc. etc..
Concluo que ele se convenceu que poderia apoiar LFVieira sem qualquer tipo de incompatibilidade... ou então, por que não dizê-lo, é uma atitude deliberada, distraindo a opinião pública com "coisas secundárias", a fim de que não seja atacado no que é principal, não sei, pergunto?!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 16.09.2020 às 00:43

Ou seria só para fazer pouco caso de Ana Gomes ?! ao Benfica ainda apoio..."
Estatelou-se ao comprido...
Sem imagem de perfil

De Francisco Almeida a 17.09.2020 às 14:47

Marcelo disse que ia falar do assunto com Costa na 5ª feira e Costa é retirado da lista horas antes.
Ana Gomes disse que Costa sair da lista "era o mínimo" e Costa sai da lista no dia seguinte.

Novo post precisa-se urgentemente.
Sem imagem de perfil

De Bea a 17.09.2020 às 23:58

Há gente que não se enxerga. Mas que essa gente seja primeiro ministro...por esta, confesso, eu não esperava. Envergonha-me.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.09.2020 às 07:55

Desde há muitos anos o Benfica governa Portugal. Até Durão Barroso aceitou o apoio de Vilarinho. Santana Lopes idem. Dois sportinguistas.
Isto é que está mal a trampa do futebol mandar em Portugal.
Costa Jamais.
Ana Gomes, sim, já é tempo de uma mulher chegar à presidência.
MRS esta cansado de chegar a tudo, até para ajudar o Costa.

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D