Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pensamento da semana

por Pedro Correia, em 23.06.19

Ninguém de extrema-direita se confessa de extrema-direita, ninguém de extrema-esquerda se confessa de extrema-esquerda. Os extremos tocam-se.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante toda a semana


56 comentários

Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 17.06.2019 às 00:13

Ninguém confessa, porque ninguém sabe onde fica.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 09:46

Precisam de pedir uma bússola ao Pai Natal.
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 17.06.2019 às 10:28

Há quem prefira o desnorte, a qualquer poiso.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 10:48

Esses também têm bom remédio: só precisam de pedir ao Pai Natal uma bússola invertida.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.06.2019 às 09:25

Também raras pessoas dizem que são ricas ou pobres. Todas se dizem da classe média.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 09:45

Dantes diziam-se "remediadas". Delicioso eufemismo, bem à portuguesa.
Imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 17.06.2019 às 11:15

Seria como ir à igreja confessar os pecados ao padre para purificar a alma e após sair de alma lavada , voltar a fazer tudo o que sabe errado, uma e outra vez.
Para quê confessar algo que não pratica? Ideais são muito bonitos, mas a realidade nem por isso.
Os extremos tocam -se sim , sobretudo no que toca a intransigência, prepotência e fananismo, Pedro. Não há bússola que lhes valha.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 14:07

É isso, Dulce, é isso.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.06.2019 às 12:09

Desde que a extrema-esquerda conseguiu impingir-se com vestes de 'remediados de esquerda', verdadeiramente no extremo só há direita, e mora çogo a seguir ao padrão abrilesco.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 14:11

Se reparar bem, extrema-esquerda e extrema-direita estão em sintonia na maior parte das matérias. Como bem se comprova nas votações no Parlamento Europeu.
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 17.06.2019 às 15:24

Diria estarem em sintonia na maior parte das misérias.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 18:30

Começando pela eurofobia e prosseguindo na russofilia.
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 19:15

Pedro, soube disto?

https://youtu.be/Wwgx0DwhPiY

Silêncio total, ou quase, por cá....
Sem imagem de perfil

De Miguel a 17.06.2019 às 13:20

Eu sou mais pessimista. O caso genérico é o daqueles que pretensamente moderados, uma vez no poder, facilmente tocam os extremos. Quanto maior o poder (político ou económico), mais certo é isto acontecer. A História está cheia de exemplos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 14:12

Bem observado.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.06.2019 às 16:05

Ora bem

Os 252 mil milhões de euros de dívida publica é algo extremo.
Estranho que o jornalismo não use a palavra Extremista para designar os Partidos que o quiseram.

Controlo da linguagem...

lucklucky
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 18:31

Os extremos gritam: "Não pagamos!"
Em uníssono.
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 18:31

Versão de:

O poder corrompe. O poder absoluto corrompe absolutamente
Imagem de perfil

De Corvo a 17.06.2019 às 14:58

São estes incongruentes e nunca por demais insondáveis mistérios da natureza humana, que por vezes me fazem quedar como um desses filósofos, bêbedo, alto e magro, doente e pálido meditando nas tristes vicissitudes da existência como se daí já não haja nada a aproveitar, ou nem valha a pena.
A Maria Dulce, afigura-se-me, assim como que a modos ter desvendado, fugazmente, o enigma com a referência à confissão, mas a névoa persiste.
Pode ser que com um pouco de sorte não tenhamos a supra graça do aparecimento do Vento, que através da Bíblica Palavra não nos dissipe as trevas do obscurantismo e a luz imerja.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 18:34

Os extremos tocam-se. E por vezes cutucam-se.
Imagem de perfil

De Corvo a 17.06.2019 às 19:23

Emerja, obviamente.
imergidos estamos o suficiente.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.06.2019 às 09:28

Eu também acho que é em sueco porque não se encontra no dicionário de verbos portugueses.
Sem imagem de perfil

De J. Lopes a 17.06.2019 às 21:57

"imerja"
Esta palavra é em sueco?
Imagem de perfil

De Corvo a 18.06.2019 às 00:18

Em bom português.
Flexão de imergir, do verbo imergir conjugado no Imperativo Afirmativo.
Imerge tu.
Imerja ele/ ela/você.
Cujo significado do verbo é afundar, aprofundar, diluir.


Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.06.2019 às 14:18

"Imerja ele/ ela/você."
Acredito em si. Os dicionários de verbos estão errados ou eu não soube consultá-los. Vou tentar contactar os autores e editores para me esclarecer.
Agradeço o seu esforço
O meu nome é vulgar e desinteressante (João) mas tenho a ideia fixa do rigor gramatical e detesto o Acordo Ortográfico. Manias!
Imagem de perfil

De Corvo a 18.06.2019 às 20:35

Não me deve agradecimentos nenhuns porque não me esforcei para nada
Limitei-me a falar no verbo para quem o desconhecia.
Se alguém se esforçou e esforça, é precisamente o caro João cujas certezas tardam a emergir.
Este verbo, emergir deve conhecer, não?
Pois o outro é o contrário deste.
Que a jeito de analogia, a muito nossa indelével Lily já esclareceu o mundo.
Estar vivo é o contrário de estar morto.
Ou foi ao contrário? Estar morto é o contrário de estar vivo.
Enfim; serve na mesma e para todas as interpretações, que para o caso não me parece fazer grande, nem pequena, significativa diferença.
Sem imagem de perfil

De João a 19.06.2019 às 10:26

Não me expliquei bem. Acontece-me com frequência.
O meu problema não é esse. Ele consiste no facto de nenhum dicionário de verbos registar as palavras "emerja" ou "imerja". Verifique. Só aparecem nos dicionários de sueco. Mas há muitos dicionários errados ou incompletos. Deve ser esse o caso pois eu acredito mais em si do que nos dicionários.
Imagem de perfil

De Corvo a 19.06.2019 às 17:41

Explicou sim, bem. Não leve a peito, estava na brincadeira.
Sobre o verbo imergir.
https://dicionario.priberam.org/Conjugar/imergir
Se colocar na pesquisa verbo emergir, também lhe aparece.

Um abraço.
Sem imagem de perfil

De João a 19.06.2019 às 18:34

Tem razão. O priberam eu não tinha consultado. Nos que consultei só encontrava a forma emirja (e imirja). Além disso as formas emerja (ou imerja) soavam-me muito mal. Daí pensar que não existiam. Será que as formas emerja (e imerja) serão essencialmente brasileiras?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.06.2019 às 15:33

A humana, e eterna, condição...


JSP
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 18:36

Há extremar e extremar, há ir e voltar...
Imagem de perfil

De Corvo a 18.06.2019 às 01:11

E há porfiar e teimar, há jogar e nunca ganhar.
Obviamente só entendível pela verde nação.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 18.06.2019 às 09:52

Jogar sem batotar.
Algo jamais entendível pela rubra nação.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 17.06.2019 às 17:43

agora não entram comentários?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 17.06.2019 às 18:34

Quer mais ainda?
Neste momento, só aqui, já conto 22.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 17.06.2019 às 18:51

Oh! Gostava de ter sido eu a autora de tão belo e acertado "pinsamento" (como diria a Hermínia Silva numa cena inesquecível de um dos nossos clássicos do cinema)
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.06.2019 às 20:34

O povo é que não sabe votar, tem de ser "instruído" pelos "liberais" de turno.

WW
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 07:59

O povo? O povo tem sentimento de classe?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.06.2019 às 10:18

Não , não tem !
As pessoas hoje em dia sobretudo as mais novas e também algumas menos novas pensam que os bens materiais e outros não materiais (os mais importantes) vêem nas caixas de cereais como bónus.
Os "liberais" que nos trouxeram até este ponto de relativização de valores e noções básicas de convivência pensavam que chegar ao objectivo final sem luta mas estão a ser confrontados e ainda bem e a solução deles é instilar o medo , sempre o medo mas talvez não sejam bem sucedidos.

WW
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 14:43

WW, o mundo nunca foi melhor, ou pior. Os valores morais são instrumentos de controlo para que os simples acreditem na justiça de um sistema social de dominância, que sempre foi desigual.

O presente é um passado sofisticado. Nada mais, nada menos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.06.2019 às 15:58

Não partilho dessa visão, muito pelo contrário, o que não falta são exemplos que contradizem essa visão, caso contrário a humanidade teria ficado atascada nas cavernas.
Temos de pensar que a nossa maior força é conseguir pensar e depois agir , não podemos estar resignados a viver desta forma relativista em relação a tudo.

WW
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 16:52

Progredirmos atrás dos criadores de valores, dos que decidem avançar para lá do bem e do mal. Somos herdeiros dos destruidores de mundos.
Imagem de perfil

De Vorph Valknut a 19.06.2019 às 16:54

Os insatisfeitos com o espaço das cavernas, simbólicas, são os que ousam amarrotar as regras postas de guarda à entrada de qualquer buraco.

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D