Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pensamento da semana

por Pedro Correia, em 28.04.19

 

Todas as pessoas são dignas de respeito, mas o mesmo não se aplica a todas as opiniões que emitem.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante toda a semana


73 comentários

Imagem de perfil

De Pedro Correia a 22.04.2019 às 19:18

Somos cada vez mais desatentos aos gestos. Aos pequenos gestos, cheios de grande significado.
E muitos de nós andamos também desatentos aos símbolos. Ontem, por exemplo, muita gente não reparou ou não quis reparar no que aconteceu no Sri Lanka.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 22.04.2019 às 19:51

pois... a Taprobana.
falava eu, porém, de gestos óbvios, de alguma forma definitivos; que não dão espaço para sentir respeito por quem os tem.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 22.04.2019 às 20:48

Quanto aos gestos, poder-se-á o mesmo que digo das palavras: todas as pessoas são intrinsecamente dignas de respeito, mas nem todos os seus gestos gozam dessa prerrogativa essencial.
Por exemplo, o gesto de Pilatos ao lavar as mãos, indiferente à condenação de um justo.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 22.04.2019 às 20:59

et voilà, A questão:
há gestos (opiniões, talvez) que definem a pessoa.
ora vai daí... o (des)respeito por.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 22.04.2019 às 22:31

Como salienta um leitor ali mais acima, "todos os seres humanos são dignos de respeito é um postulado especial". Por ser um dos pilares da nossa civilização.
Uma espécie de linha fronteiriça. Que nos separa da barbárie. Quando essa linha se atravessa, há um caminho sem retorno.

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D