Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Palavras para recordar (27)

por Pedro Correia, em 18.09.17

Antonio_Costa_2014_(cropped)[1].jpg

  

ANTÓNIO COSTA

Jornal de Negócios, 4 de Julho de 2015

«A minha classificação sobre as agências de rating é que são lixo. Foi por isso que rescindi, aliás, o contrato com todas quando era presidente da Câmara de Lisboa. É uma gente que já demonstrou não ser minimamente credível, fiável.»

Autoria e outros dados (tags, etc)


13 comentários

Sem imagem de perfil

De rão arques a 18.09.2017 às 12:10

As duas caras deste lixo.
Sem imagem de perfil

De amendes a 18.09.2017 às 12:13

Eu bem que desconfiei:

A geringonça escondeu o lixo debaixo do tapete.

Mas louvo-lhes a habilidade: - Conseguiram fintá-las... Ou não fosse o Centeno ": O Ronaldo das Finanças!
....
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 18.09.2017 às 12:23

Qual é a dúvida?
Na crise subprime e por arrastamento da Banca Comercial, e mesmo no caso da ENRON, muitas instituições em vias de falir, por contabilidade imaginativa , feita por empresas de Auditoria insuspeitas, tinham classificação triplo AAA. Aliás a dívida dos EUA deveria ser lixo, o que prova que as agências de rating como o BM e o FMI são agências que trabalham como forma de pressão ilegítima para implementar políticas antidemocráticas em nome de um modelo económico que deu provas de estar acabado....Não, não defendo o socialismo de estado. Nem tão pouco o socialismo da Corporação em que os prejuízos são socializados.
Sem imagem de perfil

De Alain Bick a 18.09.2017 às 14:56

continua a emborcar demasiada zurrapa em vez de vinho de qualidade
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 18.09.2017 às 16:02

Antes emborcar que fazer Bickos
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 18.09.2017 às 16:05

https://www.theguardian.com/business/2017/jan/14/moodys-864m-penalty-for-ratings-in-run-up-to-2008-financial-crisis

The credit rating agency Moody’s has agreed to pay nearly $864m to settle with US federal and state authorities over its ratings of risky mortgage securities in the run-up to the 2008 financial crisis, the department of justice said on Friday.

“Moody’s failed to adhere to its own credit-rating standards and fell short on its pledge of transparency in the run-up to the ‘great recession’,” principal deputy associate attorney general Bill Baer said in the statement.

Emborque de uma vez, mas só se conseguir
Sem imagem de perfil

De jo a 18.09.2017 às 12:42

É natural, diz-se mal quando nos são desfavoráveis e bem quando nos são favoráveis.

Gostava de ver a explicação dos economistas da nossa praça ao facto de os ratings mudarem depois de andarem a profetizar o contrário. É só ver as declarações dos nossos "sábios" em 2016 e a situação agora. Já em 2011 tinham prometido o leite e o mel, que azedaram.
O mais cómico é que continuam a considerar-se detentores da verdade.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 18.09.2017 às 12:48

O XXI Governo Constitucional de Portugal (26 de novembro de 2015 - presente)

Portugal aviso de incumprimento
https://www.youtube.com/watch?v=hvlxbZR7Xqw
Publicado a 28/11/2014

Portugal é a prova de que ajuda financeira funciona bem, diz ministro alemão
https://www.youtube.com/watch?v=MUqA9Bg5Nr4
Publicado a 19/02/2015

Eurogroup: Wolfgang Schauble reassures Vítor Gaspar on the adjustment of Portugal
https://www.youtube.com/watch?v=R9gKfOJpk6I
Tratamento especial para a direita de Portugal ...e a esquerda da Grécia....a isto se chama democracia!

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2017 às 13:09

As agências são o que são e a gente sabe.
Mas as suas deliberações, quer queiramos quer não, têm consequências.
É natural que, quando as consequências são más, a gente se queixe e, quando são boas, a gente rejubile.
Sem que nisso e por causa disso, haja qualquer contradição de princípio.
Não sejamos como todos os Costas da política:
- Não atiremos com areia para os olhos dos outros.
João de Brito
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 18.09.2017 às 15:53

Exatamente.

As agências são o que são e a gente sabe.

Fizeram muita merda antes da crise de 2007, classificando com AAA produtos financeiros que não sabiam o que continham.

São pagas pelos próprios produtores dos produtos financeiros e têm portanto um incentivo a classificarem bem esses produtos.

Mas as suas deliberações têm consequências.

Pois têm. Por determinações legais, as companhias de seguro só podem comprar produtos classificados como sendo de grau investimento (investment grade). Logo, sair do "grau lixo" para o "grau investimento" significa que, automaticamente, um produto financeiro pode passar a ter muito maior procura. Quer gostemos do produto quer não, e quer o gestor financeiro da companhia e seguros goste dele ou não. São regras prudenciais legais.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 18.09.2017 às 13:14

Cataventos normalmente têm figuras de galos no poleiro.
Sem imagem de perfil

De João Marques a 19.09.2017 às 10:48

ahahahahah

Hoje sinto-me um homem novo, após ouvir o sr presidente afirmar que estamos todos de parabéns. Fico a aguardar a merecida comenda.
Imagem de perfil

De José da Xã a 19.09.2017 às 15:49

Xiiii e agora ó Costa?
Que grande bosta...

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D