Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O regresso do campeão

por Sérgio de Almeida Correia, em 14.03.18

20180314_163823.jpg

Aproveitando a realização do VII Festival Literário da Rota das Letras, Philippe Graton, filho de Jean Graton, depois de aqui ter realizado uma exposição de fotografia na edição anterior, deslocou-se de novo até Macau para anunciar em primeira mão o regresso de Michel Vaillante, o campeoníssimo da banda desenhada imortalizado pelo traço de seu pai nas pistas e picadas de todo o mundo.

Em Novembro próximo, coincidindo com a 65.ª edição do Grande Prémio de Macau, altura em que se disputarão, entre outras, as corridas da Taça do Mundo de Fórmula 3, da Taça do Mundo FIA de GT e uma corrida do Campeonato do Mundo WTCC, será lançada mais uma aventura do popular herói que assim, mais de três décadas depois, regressa à pista do Circuito da Guia e às ruas da sua sempre movimentada cidade.

O ano passado, como alguns tiveram oportunidade de ver e antecipando o novo livro, já participara na corrida de F3 um carro com as cores da Vaillante Racing, tripulado por Sacha Fenestraz, um rookie que acabou em 7.º lugar. Na altura, Philipe Graton e a sua equipa, que contam com o apoio de Ricardo Pinto, o director da Rota das Letras, bem como do Turismo de Macau e do Grand Lapa Hotel, estiveram a filmar e fotografar de maneira a que no novo livro o realismo seja total e não falhem os pormenores.

Na conferência de imprensa desta tarde ficámos a saber que o objectivo será lançar a obra nos originais em francês e holandês mas já traduzido em simultâneo para português, inglês e chinês (tradicional e simplificado). O português é, aliás, uma língua de referência da série, visto que depois do mercado francófono (França, Bélgica, Suíça e Quebeque), o mercado português é o segundo mais importante, aquele em que Vaillant tem mais seguidores e onde mais livros se vendem do grande campeão.

Para já sabe-se apenas que também está a ser preparado um filme-documentário rodado durante a corrida do ano passado e que teve seguimento em Bruxelas, no estúdio de Graton.

Vai ser uma cidade muito diferente a que Michel Vaillant redescobrirá em 2018. E onde, curiosamente, encontrará Teddy Yip Jr., o filho do fundador da Theodore Racing, com quem Jean Graton esteve quando passou por estas bandas. 

18361992-22556616.jpg

(créditos: 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D