Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O recuo de Macron.

por Luís Menezes Leitão, em 04.12.18

napoleon-macron-1024x496.png

O que este recuo de Macron na questão do aumento dos combustíveis demonstra é que ele pretendia comparar-se a Napoleão, mas não chega sequer aos calcanhares de De Gaulle. Aliás, os que se julgam Napoleão costumam ser postos noutro lugar que não no Eliseu.

Autoria e outros dados (tags, etc)


11 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.12.2018 às 12:44

(Failed?) Rothchild`s brainchild...


JSP
Sem imagem de perfil

De Anti-fascistas a 04.12.2018 às 19:13

Quando escreve coisas como "Rothchild" dá para ver que este anónimo é escumalha anti-semita. Não merece ser apelidado de humano.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.12.2018 às 14:53

É impressionaste aquilo que alguns consideram serem os assuntos importantes para nós! Por cá também há alguns que se julgam Napoleão, e que tal falar nesses!

Por exemplo o jornal i tem como principal notícia e de capa:
Presidente Chinês paga 2 milhões para ter o Ritz por sua conta.

Vejam o que eles consideram ser a principal notícia!
Não há aqui nada com interesse público, é apenas uma curiosidade. Não há aqui nada de errado e quem paga não é ele, é o Estado Chinês!

O que temos nós a ver com isso?
Imagem de perfil

De João Pedro Pimenta a 04.12.2018 às 22:13

Aparentemente para si ninguém tem nada a ver com nada e a França é uma coisa longínqua, estanque.
Afinal quais são esses assuntos de interesse que acha que mereciam ser aqui falados?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 05.12.2018 às 00:30

Eu não disse que ninguém tem a ver com nada, mas há alguns que têm a ver com tudo menos com o mais importante.

Eu dei-lhe um exemplo do que é importante e está a ser mal feito.

Como é evidente, se o Presidente Chinês e a sua comitiva se instaram no hotel Ritz e pagaram bem, isso é um assunto deles. E acho estranho que se saiba quanto pagaram.

Em relação ao que se passa em França compreendo que deva aparecer nas notícias, agora comentar um recuo de Macron é um assunto para internamente os franceses comentarem.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 04.12.2018 às 15:47

É só um aparente recuo.
A natureza do Socialismo é a de atacar a Civilização que o fez nascer.
Imagem de perfil

De Pedro Vorph a 04.12.2018 às 16:04

De Gaulle era aquele general que se punha em bicos dos pés perante os americanos?
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 04.12.2018 às 19:44

E no entanto os porta aviões franceses tinham caças americanos...a Dassault não chegava a todas com a tecnologia da altura.
Perfil Facebook

De Francisco Laranjeira a 04.12.2018 às 23:01

Ó Alzirinho: Gostei de ler este post sobre: "O recuo de Macron", fiquei mais esclarecido. É por isso que eu gosto de visitar blogs com qualidade, como este, onde se aprende e não perdemos tempo com "conversas da treta", ora não Zirinho ? - A quem o dizes Francisco. Bora lá p'ra Tasquinha do Zé Povinho beber um jarrinho de verde branco. - É por isso que eu gosto de ti Zirinho. Bora lá. hmmm !?
Francisco Laranjeira
https://www.facebook.com/francisco.laranjeira.796
https://franciscolaranjeira.blogs.sapo.pt/?utm_source=posts&utm_content=1543775192192
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 04.12.2018 às 23:35

Homem, não vale a pena exaltar-se pela greve do "s"...
Bastaria a "Economist" para os ter nas boas graças...se bem que haja quem os prefira no "champagne"...


JSP
Perfil Facebook

De Manuel Sousa a 05.12.2018 às 10:43

Tá lixado. Vai ser uma voragem...

Comentar post



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D