Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O fim da telenovela.

por Luís Menezes Leitão, em 24.06.18

img_770x433$2018_06_23_17_31_40_1413716.jpg

Durante meses o país seguiu com interesse a telenovela do Clube de Alvalade. Foi uma intriga bem enredada, onde houve de tudo: moções de confiança, acusações de crimes de terrorismo, demissões colectivas, destituições recíprocas de órgãos do clube, criação de órgãos transitórios, providências cautelares, processos disciplinares com suspensões preventivas, etc., etc.. Mas a telenovela acabou abruptamente ontem, com o presidente a ser destituído pelos sócios por 71% dos votos, precisamente os mesmos sócios que há quatro meses lhe manifestaram total confiança por 90% dos votos, mesmo depois de ele fazer uma cena semelhante às que tem feito nos últimos dias. Para o fim ser em beleza, o presidente que há dias declarava ser o maior adepto do clube, já comunicou que vai afinal abandonar o clube. Não se sabe se isto significa que vai para um mosteiro ou se pretende candidatar-se a presidente de outro clube. Livra!

 

No mesmo período em que decorria esta telenovela, a América declarou uma guerra comercial à Europa, com a Europa a ripostar. Ao mesmo tempo a crise dos refugiados provocou uma divergência profunda entre os vários países europeus, com a Itália e Malta a recusar receber barcos humanitários, enviados para Espanha e a Hungria a aprovar uma lei que criminaliza o apoio humanitário aos refugiados. A própria chanceler Angela Merkel pode cair por causa da sua política relativa aos refugiados. Quanto a América, a presidência mostrou a sua brutalidade nestas questões, com o próprio Trump a ser forçado a recuar na sua política de separação de famílias.

 

Em Portugal a geringonça já viu melhores dias, a execução orçamental está com problemas, e as greves multiplicam-se, sem que o governo consiga dar solução aos protestos. Quanto à oposição, parece que é neste momento o PSD que adopta uma atitude bipolar, não sabendo se quer ser muleta do governo ou manter-se na oposição.

 

Mas ninguém no país reparou em nada disto, preferindo seguir a telenovela Bruno de Carvalho. Está assim claramente demonstrado o poder que o futebol tem de manipulação das massas, coisa que Salazar já tinha percebido com a sua teoria dos três Fs. A esse apelo do futebol não escapa nenhum português, nem sequer eu próprio. Por isso vou terminar esta análise para ir assistir aos jogos do Mundial.

Autoria e outros dados (tags, etc)


19 comentários

Imagem de perfil

De Sarin a 24.06.2018 às 12:00

Até podemos estar atentos, mas o que dizemos nada interfere com os acontecimentos...
... pelo menos com o futebol, só há duas equipas e os gritos são comuns. Sim, duas equipas porque os árbitros são, de parte a parte, equipa para canhão.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 24.06.2018 às 12:39

O Trump do futebol já foi embora (e que não volte!). Agora falta correr com o Trump da política.
Sem imagem de perfil

De O Gajo a 24.06.2018 às 13:32

Para escapismos prefiro o medronho ao futebol. Mas tem razão. A nossa comunicação social televisiva é uma miséria. Quanto ao PSD quero crer que são os governos que perdem as eleições e não a oposição que as ganha. Conserve-se o PSD ao Centro e elas estarão no papo.

Quanto aos refugiados :

https://www.google.pt/amp/s/www.tsf.pt/sociedade/interior/amp/bloco-denuncia-refugiados-em-portugal-condenados-a-viver-a-margem-da-sociedade-9205689.html

http://sicnoticias.sapo.pt/pais/2018-01-09-Cerca-de-metade-dos-refugiados-que-chegaram-a-Portugal-abandoram-o-pais
Sem imagem de perfil

De Vento a 24.06.2018 às 15:32

Ainda não assisti nem irei assistir a um único jogo do mundial, nem o da selecção. E não me quero contar entre aqueles e aquelas que fazem de assalariados deuses e heróis.
Vem esta introdução a propósito para dizer que Bruno de Carvalho teve a coragem e a hombridade para fazer cair este mito. O Sporting, nos seus órgãos associativos, ao contrário do Benfica e do Porto e até mesmo de outros clubes, jamais terá autoridade moral e efectiva para representar os seus simpatizantes caso venha a readmitir os jogadores que pretenderam desvincular-se dos mesmos. O assunto deve ser dos tribunais a partir de agora no que respeita a esta matéria.
Volto a afirmar que as vedetas do futebol são os adeptos e os sócios, são estes que pagam para sofrer. Os jogadores são assalariados que devem responder e corresponder às verbas que usufruem para fazer seu trabalho.
Os sócios do Sporting pronunciaram-se, mas a maioria nunca demonstrou estar no caminho correcto.

Esta mesma maioria que o LML critica, e eu também, no que diz respeito à geringonça. Geringonça esta que só se manterá pela inépcia de seus opositores. Por isto mesmo volto a afirmar que seria bom Seguro apresentar-se, ou alguém em seu nome.

A resposta da Europa a atitude de Trump só fará com que este obrigue a indústria automóvel europeia a deslocar-se para os USA, pois se taxar as importações automóveis a 20% quero ver o que fará a Europa e em particular a indústria alemã.

Os refugiados na Europa continuarão a ser repudiados. Só os geringonceiros não compreendem a realidade por detrás desta calamidade. Era no seu início que deviam ter sido tomadas as atitudes correctas (campos de refugiados ao redor dos países, com apoio da comunidade internacional, com condições de saneamento básico e sanitário e também ao nível escolar). O facto de a administração Trump recuar e ajudar à reunificação das famílias não retira a irresponsabilidade dos pais em submeterem as crianças a estas aventuras. Mas também não retira a responsabilidade das autoridades dos países de onde surge essa vaga em direcção aos USA. O sentimento trombeteiro nunca deu de comer a ninguém. A pseudo-indignação é o cantar de quem quer mostrar dar esmola com mãos vazias. Portanto, é só para mostrar esmola que não se dá.

O Sporting não foi, não é e não será o meu ego, o meu culto e a projecção de minha personalidade; é o meu passatempo, que sempre pretendi fosse de qualidade. Como não reconheço em todo este processo claras indicações para manter um passatempo de qualidade, também eu suspendo minha adesão ao Sporting.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 24.06.2018 às 16:57

Irresponsável foi a sua mãe quando não o ensinou a ter compaixão pelos outros!
Trump é um criminoso e devia estar no Tribunal de Haia!
Sabe quais são os países do mundo com mais refugiados sírios? A Turquia, o Líbano e a Jordânia. Três países pobres mas que no entanto acolhem refugiados. Qual é a desculpa dos imperialistas? Já para não falar em todos os golpes de estado que os EUA financiam e financiaram na América Latina que fazem a interferência russa nas eleições americanas parecer uma brincadeira de crianças.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Policarpo a 24.06.2018 às 19:45

Gosto da referência aos "imperialistas", é tão anos 70 do século passado.E está enganado, o país que tem mais refugiados sírios é a Síria, as pessoas vivem como refugiadas na sua própria terra, aquilo está tudo feito em cacos. Menos os palácios dos Assad e alguns bairros controlados pelo Hezbollah.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.06.2018 às 17:25

"Gosto da referência aos "imperialistas", é tão anos 70 do século passado."
Já não há imperialismo, quer ver?
Vá se informar sobre o que foi a guerra do Iraque. Ou a da Líbia. Se já estiver informado sobre o imperialismo americano (o que duvido), pode ainda informar-se sobre a anexação da Crimeia.
Há com cada um...
Sem imagem de perfil

De Alexandre Policarpo a 25.06.2018 às 20:54

Anónimo, porque é que não vai dar banho ao cão?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.07.2018 às 02:39

Parece que o Policarpo não sabe argumentar...
Sem imagem de perfil

De Vento a 24.06.2018 às 20:03

O anónimo já por várias vezes deixou por aqui em caixas de comentários, de vários comentadores, a alusão às mães.
Não volte a repetir a façanha.
Sem imagem de perfil

De Alexandre Policarpo a 24.06.2018 às 18:04

Guterres teve o Vale e Azevedo, Costa tem o Bruno da Carvalho. Sabemos como é que acabou com Guterres, não sabemos como vai acabar com Costa. Mas podemos fazer uma ideia...
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 24.06.2018 às 20:56

Até onde já chegou a manipulação da linguagem. Agora já são todos refugiados.

Já não há imigrantes.


Os "humanitários" terão um triste fim a continuarem assim. Mas como só se precupam com a imagem...






Sem imagem de perfil

De O Gajo a 24.06.2018 às 21:50

Existem uns que nestes tempos de nudismo maligno ainda conservam o pudor. E outros que fazem do despudor um autêntico manifesto político. Quanto aos migrantes sigo como máxima aquela que diz serem refugiados todos aqueles que saem de países em cacos.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 24.06.2018 às 22:38

....se passasses uma temporada digamos 5 anos fora do mundo quando voltasses as tuas ideias teriam-se tornado "Fascistas"?

https://www.mediaite.com/tv/obama-dhs-sec-jeh-johnson-freely-admits-they-detained-children-families-we-believed-it-was-necessary/
Sem imagem de perfil

De O Gajo a 25.06.2018 às 09:04

Faço questão de escolher como minhas as ideias que não podem ser de outros.

https://youtu.be/qKyWRJZnu2o
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 25.06.2018 às 17:18

Assim não podes ser socialista....
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.06.2018 às 17:28

Lucklucky, já experimentou tentar procurar por notícias em sites credíveis? Ou será que para si só os sites criados por escumalha de extrema-direita como você é que são credíveis?
Perfil Facebook

De Rão Arques a 24.06.2018 às 23:32

Façam um favor, em primeiro lugar ao Sprting e depois a Bruno de Carvalho.
Principalmente os sportinguistas desliguem da novela e deixem o homem mesmo dando o dito por não dito, sendo que nomeadamente sobre a anunciada impugnação da assembleia é elementar que se aguarde pelos termos da respetiva fundamentação.
Que vá somando derrotas e se for caso disso que volte a perder de novo.
O que não se lhe pode negar é que possa exercer os seus inalienáveis direitos.
Ás vezes até parece que se de um lado chove do outro faz vento, com situações de novas e instantâneas captações de cargos de duvidosa legitimidade.
Parece evidente que Bruno de Carvalho sendo um homem perturbado, tem atrás de si tantos que lhe tem batido a não o querer deixa-lo sózinho nas acrobacias em larga rede de duvidosos exercicios, com saidas de embaraçosos saltos mortais para o tapete.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 25.06.2018 às 10:27

Fim da telenovela, de forma nenhuma. Ainda falta saber como se resolverão os casos os jogadores que se despediram (e que foram ativos muito valiosos que o Sporting perdeu de um dia para o outro). Falta saber com que dinheiro o Sporting pagará as obrigações que terminam em novembro (e cujo fim já foi adiado desde maio). E falta saber com que dinheiro e com que equipa o Sprting entrará na próxima época.

Em minha opinião, o Sporting está à beira do fim.

Comentar post



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D