Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O corpo de bailarinos de Madonna (II)

por Diogo Noivo, em 01.08.18

madonnaok-k6kE-U40769406739HN-624x385@El Norte.jpg

 

Parte da intelectualidade nacional defende que uma publicação de Madonna no Instagram faz mais por Lisboa do que mil estrangeiros anónimos que venham para cá viver. Tanto assim é que a mais recente entrevista à cantora, publicada na Vogue italiana, valerá bem os lugares de estacionamento que lhe foram atribuídos pelo município da capital. Pois bem, nessa entrevista Madonna diz que Lisboa se assemelha a Cuba e que Portugal “é governado por três 'Fs': Fado, Futebol e Fátima”. De facto, publicidade desta não tem preço. E a culpa não é de Madonna.


23 comentários

Sem imagem de perfil

De Mário a 01.08.2018 às 17:52

1º é bem feito, quem rasteja sempre alcança.
2º é merecido, somos isso mais o p de pedrógão
3º vá lá, ó fadista de terceira, Cuba sempre é um bocado mais suja, pobre e feia.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:27

O caso numa frase: "quem rasteja sempre alcança". Muito bem.
Sem imagem de perfil

De kika a 01.08.2018 às 17:53

Obrigada Sra. Madonna por dar a conhecer ao Mundo
o Fado , Fátima e o futebol português.
Antes da sua chegada vivíamos nas trevas e isolados do resto
do Planeta. O estacionamento de 15 viaturas graciosamente disponibilizado
a preço de saldo é o mínimo que a câmara de Lisboa lhe pode oferecer
perante tamanha generosidade.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:26

Há um português - conhecido por ser provinciano, ter voz de velha, e lidar mal com o pluralismo democrático - que deve estar a rebolar no caixão de tanto rir.
Sem imagem de perfil

De kika a 02.08.2018 às 12:46

Estou ainda fora do caixão e não tenho voz de velha ,
tenho dias que me farto de rir e outros em que gente como
esta Madonna me irritam ao mais alto ponto.
O que esta criatura anda a fazer é para aparecer a todo o custo nos
jornais para que obviamente falem dela , e aproveitar o máximo dos
parolos que lhe dão crédito. Como sempre foi vulgar e escandalosa
em breve veremos como irão lidar os parolos com os escândalos que
sempre acompanharam as promoções dos seus novos discos.
Os escândalos e a vulgaridade são uma segunda pele desta " has - been ".
( o que mais aprecio no pluralismo democrático é a liberdade de expressão) .
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 01.08.2018 às 18:07

Oxalá Portugal venha a ter um tipo de Turismo idêntico ao de Cuba. Até teríamos um superávit.

Depois vejamos: Os canais de notícias. inundados de bola. Fátima é atrás de Lourdes e Roma o mais importante local de culto cristão. E o Fado, a nossa maior exportação musical - ex: Mariza, Ana Moura, Carminho, Amália

E o heavy metal também, com os Moonspell.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:24

Isto é, oxalá nos possamos comparar a Cuba. Ficou claro.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 02.08.2018 às 15:45

Não foi isso que disse
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 01.08.2018 às 18:17

... and god bless america!
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:27

E a Cuba da Europa, já agora.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.08.2018 às 20:38

O que é a Cuba da Europa? Portugal mais parece o Haiti da Europa.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.08.2018 às 19:46

Eternos Dâmasos Salcedes...
Perfil Facebook

De Sérgio De Almeida Correia a 02.08.2018 às 06:07

Também me parece. Há coisas de que nunca nos libertaremos.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:19

Isso mesmo. O problema não está na artista, mas sim nos artistas deslumbrados.
Sem imagem de perfil

De V. a 01.08.2018 às 20:11

Como era de prever repete apenas o sound-byte que ouviu num taxi qualquer, onde um idiota ao volante balbuciou as banalidades do costume sobre Portugal (admito que as televisões, o Benfica e aquela carripana reles com Fado aos berros na Rua do Carmo não ajuda a dar outra ideia da coisa). Estamos cheios de péssimos embaixadores. Isso é que é atávico e a culpa é nossa.
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:21

Não são os embaixadores que temos, mas aqueles que escolhemos.
Sem imagem de perfil

De kika a 02.08.2018 às 12:57

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.08.2018 às 00:46

E o que ela diz, se for isso que ela diz, são inverdades? Ou custa ouvir, porque presumimos de modernos?
Imagem de perfil

De Diogo Noivo a 02.08.2018 às 10:21

Não sei. Pergunte a quem vê em Madonna (e na sua vinda para Portugal) um sinal inequívoco da modernidade cosmopolita da pátria.
Sem imagem de perfil

De V. a 02.08.2018 às 11:12

Uma criatura ignorante que diz que Portugal inventou a escravatura não merece grande crédito — e muito menos adulação imbecil à maneira das redes sociais. Faz lembrar o estúpido do Caetano Veloso que disse que preferia que o Brasil tivesse sido colonizado por holandeses e por cá correm todos a ver os concertos de merda daquela besta arrogante. Toda a gente sabe porque razão o Brasil é como é, não é preciso inventar desculpas idiotas.
Sem imagem de perfil

De André Miguel a 02.08.2018 às 16:57

Esse disse pior ainda, recordo, se a memória não me falha: "o pior que aconteceu ao Brasil foi Portugal".
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 02.08.2018 às 23:27

E não foi?
Ponha-se no lugar deles e responda:
Foi bom para eles o que nós fizemos?
Sem imagem de perfil

De André Miguel a 03.08.2018 às 15:53

E o que é que nós fizemos? Levar até lá a civilização? Investir em infraestruturas, criar instituições, levantar cidades? Fizemos tudo bem? Óbvio que não. Se fossem outros tem a certeza que seria diferente?

Devolvo a pergunta e ponha-se no seu lugar: acredita que o pior que aconteceu a Portugal foram os os celtas, os visigodos, os fenícios, os romanos, os árabes ou os espanhóis?

Tire a pala dos olhos do politicamente correcto e ponha o cérebro a trabalhar. Verá que não custa nada.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D