Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Num carro sem travões

por Pedro Correia, em 18.05.18

hqdefault[1].jpg

 

Seis membros remunerados do Conselho Directivo do Sporting, contrariando todas as evidências e à revelia do mais elementar bom senso, insistem em agarrar-se com unhas e dentes ao umbral da porta. Quando até os mais exacerbados apoiantes de Bruno de Carvalho - Daniel Sampaio, Eduardo Barroso, José Eduardo, Fernando Mendes, Paulo Futre - apelam à saída do ainda presidente.

É um triste sinal da decadência deste consulado, que terminará os seus dias deixando um Sporting Clube de Portugal dividido como nunca, atingido com dolo na sua honra e no seu orgulho, e alvo de notícias em todo o mundo por motivos que não imaginávamos nos nossos piores pesadelos.

O patético sucessor de Godinho Lopes, rodeado dos últimos fiéis que lhe restam, pensa apenas em si próprio. Se pensasse nos superiores interesses do Sporting, ter-se-ia demitido ao fim da tarde de terça-feira. Assim faz questão de tornar ainda mais penosos estes últimos metros da recta final do seu mandato.

Há minutos, ouvi-o ler um papel onde constavam as expressões "sentido de responsabilidade", "coesão" e "união". Tudo o que este Sporting não tem. Tudo quanto Carvalho é incapaz de oferecer a esta centenária instituição gravemente ferida.

Apareceu sorridente e saiu sorridente, como se não tivesse a mais vaga noção do que sucedeu por estes dias. Veio dizer que continua a ter as mãos no volante, em alucinada fuga para a frente. Faltou-lhe acrescentar que guia um carro sem travões.

Autoria e outros dados (tags, etc)


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Meister Von Kälhau a 18.05.2018 às 08:24

Se os jogadores rescindirem com justa causa será o Fim - Bruno Fernandes já se despediu....voaram 30 milhões

Segundo o Correio da Manhã o Director da Academia de Alcochete foi avisado 12 minutos antes do ataque ocorrer.

Só se percebe a posição de BdC se o seu objectivo for dar cabo do Sporting- um agente duplo ao serviço de alguém
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 18.05.2018 às 23:27

Um aristocrata teutónico lê o 'Correio da Manhã'? Hum. Sinal inequívoco de que a revolução está próxima.
Imagem de perfil

De Sarin a 18.05.2018 às 23:47

Tectónico, Pedro, tectónico. Não vê os terremotos que por vezes lhe resultam de meros encostos a indeterminados temas?


Brincadeirinha à la Empalhador, caro Teocrastus 😂
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 18.05.2018 às 09:25

os superiores interesses do Sporting consistem, de imediato, em arranjar dinheiro para se manter em funcionamento. Isso tem que ser feito a muito breve prazo. E não sei como é que a demora que a eleição de uma nova direção implica se compaginaria com esta premência.
Sem imagem de perfil

De Nuno a 18.05.2018 às 10:17

Há muitas formas de garantir o curto prazo e sem eludir responsabilidades.

Basta anunciar que não se recandidata e que fica apenas até estar garantido o dito empréstimo, pedindo a quem se lhe opõe um consenso em torno dessa necessidade.

O que se passou em Alcochete envergonha o clube. Destruiu valor. O presidente em funções era este, nada fez para o evitar, nada tem a dizer sobre o que vai fazer para que não se repita, e muito contribuiu para o mau ambiente que alimenta criminosos e maulquinhos. É motivo mais que suficiente para não continuar.

Há sempre soluções honrosas para quem com desprendimento percebe que o seu contributo acabou.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 18.05.2018 às 14:36

fica apenas até estar garantido o dito empréstimo

Como é que se garante um empréstimo a uma empresa cuja estratégia está indefinida e cujos dirigentes se desconhece? Quem é o investidor que vai avançar com o cacau nessas condições?

Repare que o Sporting (tal como o Benfica e o FCP) se financia hoje em grande parte através de obrigações vendidas ao público em geral. Quem é esse público, essas pessoas normais, que vai estar disposto a emprestar dinheiro a uma empresa naquela situação?

O presidente em funções nada fez para o evitar, nada tem a dizer sobre o que vai fazer para que não se repita

Como diabo quer que o presidente de uma empresa qualquer possa evitar que meia centena de vândalos entrem de repente nas instalações da empresa e partam tudo à sua volta?

Você queria que a Academia tivesse à porta soldados com metralhadoras? Vinte seguranças com ordem para atirar primeiro e só fazer perguntas depois? Ou quê?

Aquilo que aconteceu em Alcochete é algo que não se pode evitar através de métodos de pura segurança, a não ser que se esteja disposto a varrer tudo à bala...
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.05.2018 às 15:59

Dá para ver a diferença entre o Sporting e o benfica, no Sporting há vergonha por tudo isto que se está a passar ,há demissões e a maior parte quer mudar, no benfica em que os casos de corrupção abundam , há arguidos, um extenso polvo que alastra por toda a sociedade tudo é aceite, tudo é branqueado.
Imagem de perfil

De Sarin a 19.05.2018 às 00:03

Sim, sim, diga que é isso...
Fosse Bruno de Carvalho um presidente contido e que não criasse casos, tivessem ganho um campeonato de futebol ou conseguido o apuramento e não houvesse quaisquer litígios nem ataques, e a reacção massiva seria, como afinal está a ser, "calúnias! Isto é um ataque ao bom nome do Sporting!" ou então, como clamam os mais lúcidos "Aguardemos o resultado das investigações, então a presunção de inocência?!"

Os mais intelectualmente desonestos é que aproveitam a boleia do maremoto começado em Madrid para agora, perante as investigações por corrupção, surfarem as ondas das "superioridades morais a exigirem as cabeças prevaricadoras". Azar contradizerem-se tanto, mais azar "pensarem" em voz alta :)
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 19.05.2018 às 18:39

Excelente comentário.
Agora andam todos a dizer cobras e lagartos do Bruno, mas ainda há uns meses gostavam todos muito dele e perdoavam-lhe as grosserias, como quando mandou à merda todos os adeptos de todos os outros clubes. E mais: votavam nele.
Tudo isto são, ao fim e ao cabo, consequências do ditado: "em casa onde não há pão...". O Sporting não vai à Champions e portanto está financeiramente quilhado. Essa é que é essa.
Imagem de perfil

De Sarin a 19.05.2018 às 00:18

Já agora, os arguidos do Benfica estão com TIR e proibição de falar uns com os outros.
Os arguidos do Sporting estão com TIR, saíram com caução e além de proibidos de falar uns com os outrs estão ainda proibidos de exercer funções - não pela Direcção mas pelo Tribunal.

As demissões nada têm a ver com as investigações por corrupção, e só ocorreram depois das declarações de meio Portugal, incluindo o Presidente da República.
A vergonha que sentem é anterior às notícias sobre o Geraldes, notícias que muitos, ao que leio, têm o bom senso de evitar comentar - mas a falta de vergonha deste Anónimo e de outros como ele é perene.
Continue, AnóniBruno, ainda andam por aí à altura da sua defesa: Rasteirinhos, rasteirinhos.

Comentar post



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D