Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Há alguém muito baralhado no Reino de Lisboa

por Diogo Noivo, em 21.11.16

FMedinaAlSissi.jpg

 

Durante a Web Summit, a Câmara Municipal de Lisboa decidiu criticar Donald Trump. Fê-lo usando fundos e recursos públicos, de forma presunçosa e com erros ortográficos, mas enfim, a crítica é legítima e a Trump não lhe faltam características merecedoras de censura.
O que já é difícil compreender é que se critique Trump e, acto contínuo, se atribuam as chaves da cidade a Abdel Fattah al-Sissi, o presidente do Egipto. Critica-se o presidente eleito de um Estado de Direito Democrático, um Chefe de Estado e de Governo cujo poder está limitado por um sistema de freios e contrapesos. Mas dão-se as chaves da cidade a um ditador que chegou ao poder por via da força, interrompendo um processo de transição democrática que, apesar das vicissitudes normais, avançava.
Temo que no município de Lisboa alguém ande a limpar os pés às cortinas e a tapar as janelas com os tapetes de entrada.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando de Sousa a 21.11.2016 às 21:49

Acho curioso este blogue preocupar-se com os erros em inglês, quando é useiro e vezeiro em dar erros em português.
Quanto ao cartaz da CML, alguém me explica qual a crítica ao presidente eleito dos EUA?
Será que apresenta mal a cidade de Lisboa? Teremos de mudar a nossa posição para satisfazer as ideias daquele senhor?
Sem imagem de perfil

De V. a 21.11.2016 às 22:17

"Lisboa" não é um partido que possa ser usado contra Trump ou a favor de ditadores muçulmanos. Nas mãos do PS que se acham donos de Lisboa, do Porto e do País, a esquerdalhada está sempre a fazer os Portugueses passar por vergonhas. Há 100 anos que passamos por vergonhas por causa dos Maçons. Está na hora de acabar com as vergonhas neste pagode.
Sem imagem de perfil

De Manuel Silva a 22.11.2016 às 11:02

«Há 100 anos que passamos por vergonhas por causa dos Maçons.»
Desta gostei.
Portanto, todos os maçons foram, e são, de Esquerda.
Pim! Pam! Pum!
Sem imagem de perfil

De V. a 22.11.2016 às 12:41

São do que der mais jeito ser — de ética e geometria variáveis. Observe.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D