Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delito de Opinião

Gostam de teorias da conspiração?

Rui Rocha, 22.11.14

Então, dou-vos mais uma. Nos últimos dias, a investigação sobre José Sócrates acelera. Perante os factos recolhidos, a decisão torna-se evidente. Deve ser detido logo que regressar a Lisboa para que não possa prejudicar a investigação ocultando ou eliminando provas, tal como está previsto no Código de Processo Penal. A equipa de investigação procura manter o máximo sigilo. Todavia, elementos ligados a Sócrates dentro da PGR acabam por aceder à informação e transmitem-na imediatamente para Paris. Sócrates hesita e adia a viagem para Lisboa para ganhar tempo. Chega à conclusão de que não regressar implica assumir que cometeu os actos que lhe são imputados. Todavia, sabe que é fundamental desacreditar a investigação. Decide voar para Lisboa. Antes de embarcar, faz chegar a um órgão de comunicação social a informação de que será detido quando chegar à Portela. A detenção é filmada e transmitida. No dia seguinte, círculos próximos de Sócrates atacam a isenção de uma investigação que foi incapaz de respeitar o segredo de justiça e que provocou um circo mediático. João Soares, como lhe é habitual, não sabendo de nada, ajuda à festa assumindo o papel de idiota útil.

Rebuscado? Claro que sim. Tanto como afirmar que a investigação tem como objectivo fragilizar o PS quando ainda falta mais de um ano para eleições. Inverosímil? Provavelmente. Tanto como afirmar que a detenção de Sócrates tem como objectivo abafar os efeitos da investigação sobre os Vistos Gold.