Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Foi chato

por Pedro Correia, em 11.08.18

img_920x518$2018_08_06_08_20_04_1432485.jpg

 

A Serra de Monchique - o maior pulmão do Algarve - ardeu em larga medida. Cerca de 27 mil hectares - o equivalente a 27 mil campos de futebol, quase três vezes a área da cidade de Lisboa. 

Foi o sexto maior incêndio desde sempre registado em Portugal. E o maior incêndio ocorrido este ano em todo o continente europeu.

No preciso local onde o chefe do Governo se deslocou com vasta comitiva, para efeitos de propaganda política, assegurando aos portugueses em geral e aos algarvios em particular que estavam reunidas todas as condições, em meios humanos e técnicos, para um combate eficaz aos incêndios. 

Não estavam, como todos sabemos hoje. No lugar onde António Costa falou, a 1 de Junho, restam cinzas.

 

Ainda em Junho, novo exercício de propaganda: o Executivo convocou a Comunicação Social para revelar que faríamos deslocar para a Suécia e a Grécia meios aéreos de combate aos fogos.

Como se pudéssemos dar-nos a tal luxo após os flagelos de 2017 que enlutaram o País e comoveram o mundo.

 

Passado o pavoroso incêndio de Monchique, novamente o Governo, pelas vozes simultâneas do primeiro-ministro e do titular da pasta da Administração Interna, não perdeu tempo a lançar o slogan "não morreu ninguém" - igualmente para efeitos de propaganda.

Frase que esconde, no seu cinismo político, a perda de um número incontável de espécies animais e vegetais, o fim dos meios de sustento de centenas de residentes no concelho de Monchique, o fim de explorações agrícolas, turísticas, de apicultura e silvicultura.

Esconde as centenas de deslocados, esconde os 41 feridos e os 49 desalojados. Esconde os prejuízos globais de dez milhões de euros, avaliados pela Câmara local.

Procura afinal ocultar  - como bem escreveu o Manuel Carvalho no Público - que "ao primeiro teste difícil o aparato de combate aos fogos falhou".

 

É, no fundo, o equivalente moral ao "foi chato" proferido por Bruno de Carvalho na sequência do inqualificável assalto promovido a 15 de Maio por membros de uma claque leonina à Academia de Alcochete.

Autoria e outros dados (tags, etc)


40 comentários

Perfil Facebook

De Rão Arques a 11.08.2018 às 11:50

Hipócrita manhoso que num estalar de dedos passa do sucesso babado para o reordenamento reparador.
Típico aldrabão que cria uma praga devastadora e vai de feira em feira impingir o remédio para salvar a agricultura.
Cabrita a investigar as próprias vitórias só pode dar para arreganharem a taxa.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 11.08.2018 às 13:59

e há oferta diferente?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 11.08.2018 às 15:18

No Sporting já apareceu.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 11.08.2018 às 15:53

não sigo a novela. só sei que andou por lá um tipo desequilibrado que continua a espernear.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 11.08.2018 às 15:56

não estou a ver.
Perfil Facebook

De Rão Arques a 11.08.2018 às 16:33

Páginas amarelas, vá pelos seus dedos.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 12.08.2018 às 02:22

esclarecedor.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 13.08.2018 às 09:16

Claro que é esclarecedor. Provavelmente estaríamos menos mal se quem compõe o Governo fosse sorteado entre a população de 4 em 4 anos.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 13.08.2018 às 14:05

você é o rão?
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 13.08.2018 às 17:44

Não. mas deve ter que ver com este dito:

I'd rather entrust the government of the United States to the first 400 people listed in the Boston telephone directory than to the faculty of Harvard University.

William F. Buckley, Jr.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 13.08.2018 às 21:43

´tá bem, abelha.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 13.08.2018 às 12:44

Boa pergunta, Cristina.
Sem imagem de perfil

De Cristina M. a 13.08.2018 às 14:06

a resposta é que já é pior.
Sem imagem de perfil

De António a 11.08.2018 às 13:13

Será que já pediu outra sondagem de popularidade?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 11.08.2018 às 15:23

Há sempre quem faça isso por ele. Todos os dias.
Sem imagem de perfil

De Bea a 11.08.2018 às 14:25

Concordo com o que escreveu mas fugiu-me o ânimo para acrescentar o meu grão de areia.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 11.08.2018 às 15:22

Bem percebo, Bea. Se há tema sobre o qual detesto escrever, é mesmo este.
Sem imagem de perfil

De Francisco a 11.08.2018 às 18:18

Depois da concordância com o texto, apenas uma correcção:
Um campo de futebol só nas suas dimensões máximas (120 x 90 mts) terá um pouco mais de dez mil metros quadrados (em Portugal não há nenhum); a maioria terá, creio, as dimensões mínimas, que equivalem a cerca de metade daquela área. O nosso Alvalade, que é um dos maiores do País, tem 105 x 68 mts (portanto, 0.7 hectare). Ou seja, a área ardida em Monchique equivale a cerca de 38500 relvados do estádio José Alvalade (ou da Luz, ou do Dragão, ou de Braga...)
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 11.08.2018 às 18:40

Também é do Sporting? Saudações Leoninas!
Sem imagem de perfil

De Francisco a 11.08.2018 às 20:54

Claro que sim! E 'cliente' do "És a nossa fé"...
Saudações leoninas
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 13.08.2018 às 13:48

Muito bem, gostei de saber.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 11.08.2018 às 22:24

Roma arde e Nero canta!
Perfil Facebook

De Rão Arques a 11.08.2018 às 23:28

Curta, direta e certeira.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.08.2018 às 00:45

Eu sou do tempo em que se combatiam incêndios para proteger a floresta, depois passou-se para a fase em que se combatiam incêndios para proteger habitações e desde o ano passado passou-se a combater incêndios para salvar pessoas...
Obviamente este regime está caduco, desde o topo da pirâmide do poder ninguém parece saber o que anda a fazer (ou não). Os constantes ataques há Nação pela quinta coluna que nos governa e se governa levarão a ainda mais sofrimento para todos nós portugueses mas o maior problema é que ninguém se insurge e andam todos no deixa a andar e o sofrimento e tribulações aqui tão perto.

WW
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 12.08.2018 às 00:55

Entretanto, Rui Rio desapareceu. Nem um reparo, nem um remoque, nem um franzir de sobrolho. Tudo, para ele, parece correr no melhor dos mundos.
Nem ao menos uma visita às populações dilaceradas por mais esta tragédia.
Que estranha forma de "liderar" a oposição.
Sem imagem de perfil

De Nuno a 12.08.2018 às 01:10

Diz que não faz demagogia. Como se criticar o abjecto do Costa fosse demagógico.
Imagem de perfil

De jpt a 12.08.2018 às 21:33

quem?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 12.08.2018 às 23:44

Dou-lhe razão Pedro Correia.

WW
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 12.08.2018 às 23:55

Não consigo compreender. Falta-lhe faro político? Mas como, se anda há quase 40 anos na política?
Estará a ser mal aconselhado? Rodeia-se de gente incompetente?
Mistério...
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 13.08.2018 às 12:43

Mas que quereria o Pedro Correia que Rui Rio fizesse? Que se mostrasse, está muito bem, mas mostrar-se para quê? Para que a sua imagem fosse gozada, como aqui foi gozada a imagem de António Costa?

Que propostas concretas teria Rui Rio - ou qualquer outra personalidade do PSD - a fazer? Como poderia ele "prometer" ir acabar com a tragédia dos incêndios? Pois se já houve N governos do PSD e nenhum fez qualquer mossa nessa tragédia...

Se Rui Rio aparecesse a visitar Monchique mas sem quaisquer propostas concretas para fazer, a sua aparição mereceria tanto ser gozada como as fotografias de António Costa em contacto permanente com os bombeiros...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 13.08.2018 às 13:54

De Rio espero tudo menos propostas concretas.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 13.08.2018 às 14:25

Do PSD não espero quaisquer propostas concretas relativamente aos incêndios.
Nem do PSD de Rio nem de nenhum outro.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 13.08.2018 às 17:47

Isso é partir do princípio que Rui Rio representa os votantes do PSD.
Não é verdade, Rui Rio representa o regime.
Sem imagem de perfil

De JMS a 12.08.2018 às 10:41

Tantos raivosos...
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 13.08.2018 às 09:26

Ah, agora já não se escreve "indignação" agora escreve-se "raiva"...

Indignação - caracterização dos protestos e criticas quando o Governo não é apoiado pelo jornalismo Marxista
Raiva - caracterização dos protestos e criticas quando o Governo é apoiado pelo jornalismo Marxista

Activistas - chama-se a alguém de esquerda faz violência ou não faz violência.
Extremistas - chama-se a alguém de direita faz ou não faz violência.

Exilados - refugiados de ditadores que o Jornalismo Marxistas não defende.
Dissidentes - refugiados de ditadores que o Jornalismo Marxistas defende.

Líderes - Ditadores que o Jornalismo Marxista defende
o líder Cubano, o líder Sírio, o líder Líbio, o líder Iraquiano...
Ditadores - Ditadores que o Jornalismo Marxista não defende.
o ditador Chileno, o ditador Português, o Ditador Espanhol..

Populista - chama-se a coisas ou pessoas que o povo gosta e o Jornalismo não gosta que o povo goste.
Democrático - chama-se a coisas e pessoas que o povo gosta e o Jornalismo gosta que o povo goste.

Protestos - Ataques que o jornalismo apoia
Ataques - Ataques que o jornalismo não apoia

Morreram- pessoas mortas em ataques mas que não interessa aos jornalismo Marxista designar quem atacou " Israelitas morrem em explosão"
Foram Mortos - pessoas mortas em ataques mas que interessa ao jornalismo Marxista designar quem matou. "Ataque Israelita mata Palestinanos "

Coerente- uma pessoa de esquerda é coerente
Inflexível - uma pessoa de direita é inflexível

Gastos - se o jornalista não gosta
Investimento - se o jornalista gosta
quando jornalismo gosta de gastos, perdão investimento em armamento.

Apaixonada - uma pessoa de esquerda é apaixonada
Controversa/polémica - uma pessoa de direita é controversa e polémica

Denuncia - se a esquerda critica algo
Aproveitamento e Incitamento, oportunismo - se a direita critica algo.

Oposição Firme- A esquerda faz oposição firme
Obstrução- A direita faz obstrução

Convicções e Princípios- A Esquerda tem convicções e princípios.
Ideologia -já a Direita é ideológica.

Sem imagem de perfil

De singularis alentejanus a 12.08.2018 às 22:58

Triste. muito triste, começando no desporto e acabando na política, estamos a ser governados por uma cambada de imbecis, com excepção ao morador no palácio de Belém.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 13.08.2018 às 10:42

Como se pudéssemos dar-nos a tal luxo após os flagelos de 2017

Tanto podíamos dar-nos a esse luxo que nos demos mesmo, e daí não veio grande mal ao mundo. Os meios deslocados para a Suécia não fizeram falta em Portugal.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 13.08.2018 às 12:49

No ano passado o Pedro Correia repisou a ideia de que os fogos desse ano eram singularmente inaceitáveis pelo facto de neles terem morrido uma centena de pessoas.
Este ano, perante o facto de que não morreu ninguém, o Pedro Correia queixa-se da perda "dos meios de sustento de centenas de residentes".
Enfim, o Pedro Correia tem sempre que se queixar de alguma coisa, para efeitos da sua campanha política. Se há mortos queixa-se deles, se não os há diz que isso não basta.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 13.08.2018 às 13:56

Ao menos você não se queixa de nada: vive no melhor dos mundos. Tanto lhe faz que morram 116 pessoas em incêndios florestais no Portugal do século XXI ou que seja destruído o pulmão do Algarve.
Parece o Rui Rio, outro para quem está sempre tudo bem.

Comentar post



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D