Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delito de Opinião

Famílias

Helena Sacadura Cabral, 02.03.14

Decidi este fim de semana, ou melhor hoje, ir ver “Um quente Agosto”. Apanhei um fortíssimo murro no estômago, tal a violência psicológica ali narrada.

Não há famílias felizes e muito menos perfeitas. Mas aquela que é retratada ultrapassa tudo quanto se possa imaginar.

Realizada por John Wells - um escritor e produtor de filmes e de séries de televisão de sucesso, várias vezes premiado, - a película é baseada na peça homónima de Tracy Letts, August: Osage County, vencedora de um Prémio Pulitzer e conta-nos a história das mulheres da família Weston, cujas vidas se afastaram até que uma crise familiar as re-aproxima e traz de volta à casa onde cresceram e à mãe que as criou.

Meryl Streep encarna de tal forma essa mulher a que hoje chamaríamos de disfuncional, que o soco que apanhei na alma e no corpo, mais não foi do que a consequência dessa fabulosa interpretação.

Dois actores secundários - Julia Roberts e Sam Shepard, de quem sou fã - completam o painel desta narrativa que, até aos últimos minutos, não pára de nos surpreender. 

É um bom filme, mas vá preparado porque até à derradeira cena, não há um minuto de acalmia. E, se é emocionalmente frágil, pense duas vezes...mas não deixe de ver a interpretação destes monstros sagrados! 

1 comentário

Comentar post