Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Delito de Opinião

DELITO há dez anos

Pedro Correia, 03.05.21

21523202_SMAuI.jpeg

 

João Paulo Craveiro: «Os antigos mitos gregos exerceram grande influência da nossa cultura ocidental. Os trabalhos de Hércules mostram como, ao longo da vida, se torna necessário ultrapassar dificuldades diversas. Se umas são mais fáceis e se resolvem com relativa facilidade outras há que, pela sua complexidade exigem destreza, compreensão das circunstâncias e mesmo capacidade de ultrapassar obstáculos que, à partida, pareciam intransponíveis. Momentos há em que a força moral e mesmo a física parecem chegar ao seu limite e descobrimos tantas vezes que ainda temos mais para dar.»

 

Teresa Ribeiro: «O respeitinho é muito bonito. Uns almoços, uns jantares, umas piadas e quem sabe umas caixinhas de charutos fazem o resto. Tem sido esta a natureza das nossas relações de poder. Afinal temos Sol e um clima ameno, para quê stressar se o tempo voa e as eleições são de quatro em quatro anos? A beleza da democracia vista de cima deve estar também nesta paisagem. Cada eleição é a promessa de um recomeço, seja lá o que isso for.  A possibilidade sempre renovada de começar do zero alivia a pressão. O exercício da política, desde que despretensioso, pode ser muito agradável. Não fossem as pressões das instâncias internacionais, que nos têm obrigado a fazer algumas reformas importantes, cada legislatura poderia até ser um autêntico passeio pela brisa da tarde.»

 

Eu: «Qualquer canalha, por mais abjecto que seja, encontra sempre umas carpideiras dispostas a envergar luto. Aqui proclama-se bem alto o nojo pela vitória da "barbárie", entre lamentos pela "morte de um homem". Aqui berra-se contra a "hipócrita supremacia moral do Ocidente". Aqui chora-se pela aplicação da "pena de morte" justificada aqui para outros, só três posts mais abaixo. Aqui conclui-se sem dúvidas de espécie alguma: tratou-se do "embuste da década". No sítio do costume. Este local inimitável.»