Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Delito à mesa

por Pedro Correia, em 17.02.19

Só para avisar que vou recuperar, a partir de hoje, a série que leva este nome, lançada há quase sete anos no DELITO DE OPINIÃO pela Ana Vidal e prosseguida por alguns de nós, incluindo por mim, com um texto que só agora tem sequência porque entretanto a vida dá muitas voltas e outras prioridades foram acontecendo.

Fica aqui o aviso - em jeito de teaser, como agora se diz em "português técnico" - e a lembrança dos restaurantes anteriormente mencionados. Sendo esta uma secção de autoria colectiva, permanece aberta a qualquer colega de blogue que nela queira participar. Até porque, felizmente, bons restaurantes de todos os géneros não faltam em qualquer recanto deste nosso doce país e deste vasto espaço comunitário onde hoje nos integramos.

Mariana (Afife, Viana do Castelo)

Tapadão (Monforte)

Golfinho Azul  (Ericeira, Mafra)

Chiringuito (Lisboa)

Eira do Mel (Vila do Bispo)

Zé Manel dos Ossos (Coimbra)

 


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando Antolin a 18.02.2019 às 10:09

Olá, Pedro

Escreva, que a casa merece. Conheci primeiro o "velho" Quinzena, situado na mesma rua, a uns 100 metros de quem partia do largo dos Correios, o Chico Quinzena ; levado pelo meu Pai, que aí tinha uma tertúlia de petisqueiros, onde me fui iniciando.

Depois, o progresso trouxe a demolição da fileira de casas onde ficava a velha casa, para dar lugar a prédios e lojas ; vai daí, a tertúlia - e restantes clientes - muda-se para o actual, o Fernando Quinzena, que também já existia, era sobrinho do Chico, mas de dimensões mais modestas.

E a história (re)fez-se, horas de são convívio, de bons comeres e beberes, com o Fernando a comandar ao balcão e a D.Eugénia na cozinha; o tempo passou, o Fernando infelizmente já nos deixou, a D.Eugénia(sua mulher) reformou-se merecidamente, o filho, o Fernandinho, galhardamente tomou conta do barco e eu, desaparecida toda a tertúlia petisqueira, gosto de por lá passar - e passo menos do que queria - para me sentar na sala da frente, a dar para a avenida, onde está uma foto da tal rapaziada, brindo-lhes em silêncio, e ao meu Pai, que lá está sorrindo.

E acabo com um brinde ao Pedro e um abraço

(thanks for the memories)

do

Fernando Antolin

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D