Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Cerca de 9 anos e 2753 post´s

por Helena Sacadura Cabral, em 09.07.17
Hoje deu-me para ver "às quantas" ando. Ou melhor, "às quantas andei" neste último quarto de século. Não foi pouco o trabalho desenvolvido, sobretudo quando se olha para grande parte das mulheres da minha geração...

De facto, no Fio de Prumo, em oito anos e meio - 3102 dias -, publiquei 2753 post´s, o significa quer terei escrito quase todos os dias. No último quarto de século, os livros publicados foram 27. Radio e televisão já nem consigo contar, porque foram vários anos. No ensino universitário terão sido perto de uns milhares de aulas a tentar partilhar o que sabia.

E, se a isto juntar mais os 25 anos anteriores, em que apenas fui economista, confesso, creio ter dado à sociedade uma boa parte daquilo que dela recebi.

Além disso fui, cumulativamente, mulher e mãe, ao longo dos últimos sessenta anos. Como fui filha e sou avó, tentando dar o melhor de mim.

Se pensar nas oito décadas que levo de vida, talvez seja chegada a altura de começar a arrumar os equipamentos tecnológicos e passar a uma nova etapa, em que possa aproveitar melhor as companhias que me foram proporcionadas. Começou, acredito, o tempo de "savoir se retirer", como diria Aznavour. Ou seja, é chegada a hora de pensar em sair! Sem tristeza e com a plena sensação de um certo dever cumprido.


12 comentários

Sem imagem de perfil

De rão arques a 09.07.2017 às 11:56

Parabéns!
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 09.07.2017 às 12:21

Não pare! Todos teremos tempo de sobra para isso. Apenas abra a janela e abrande. Ou então siga pelo caminho ao lado. Ande diferente, descalce-se mesmo sem vontade. Faça -o diversamente. Suba pelas escadas, não pelo elevador. Faça, como fez, da luta, um hábito. Do esforço, uma vontade. Do sofrimento, orgulho.
Pense, foi pelo movimento perpétuo que chegou onde está. Beba!
Sem imagem de perfil

De kika a 09.07.2017 às 13:50

Ontem num jantar em casa dos meus melhores amigos
a esposa confessou que gostava da Dalida o que gerou
um monte de comentários divertidos. Acabámos todos a cantar.
Eu escolhi Mourrir sur scène.
Por favor não leve a mal. Desejo continuar a ler os seus posts por muito tempo.

Sem imagem de perfil

De Valdevino a 09.07.2017 às 15:49

E coma. Sensatamente. Tal como espero continuar a ler os seus postais sensatos.
Sem imagem de perfil

De V. a 09.07.2017 às 16:08

Levanto a minha chávena de café à sua saúde. Cumpts.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 09.07.2017 às 16:42

Creio que tem razão no que concerne a poder apreciar companhias, amizades ,locais, degustações... Faria o mesmo se pudesse.
Mas espero eu e seguramente muita gente, poder continuar a apreciar a sua sagacidade e o seu riso, mesmo que pontualmente.
Beijinho D. Helena
Sem imagem de perfil

De CA a 09.07.2017 às 22:16

Egoisticamente... Não nos deixe por completo... pelo menos, uma cartita de vez em quando. :)

Um beijinho e muito grata por tudo o que tem partilhado!
C.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 09.07.2017 às 22:23

Minha cara Helena: qualquer retirada tua será sempre prematura. Porque poucas pessoas são como tu, uma verdadeira força da natureza - exemplar desde logo também por isso.
E já que invocas o Aznavour, lembro-te que ele se mantém em actividade, tanto na gravação de discos como enquanto protagonista de concertos. Com a bonita idade de 93 anos.
Sem imagem de perfil

De Vento a 10.07.2017 às 10:06

Pirilampo Pirilampo Pirilampo, deixa a escuridão da noite e vem brilhar dentro de mim:
https://www.youtube.com/watch?v=Ypb7fHKWJyk

O tempo não espera ninguém; vamo nessa, minina:

https://www.youtube.com/watch?v=fylbGZ5SiME

Sem imagem de perfil

De Jorg a 10.07.2017 às 14:08

Gostei sempre muito de ler o que escreveu, opinião e testemunho.
Gostaria de continuar poder continuar a ler o que gostasse de partilhar em foruns como este.
Fica algo que se diz numa parte de Portugal de onde vem muitos dos meus afectos - um sincero bem haja!

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D