Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Bettel e Boris

por jpt, em 18.09.19

safe_image (1).jpg

Luxemburgo tem a fama (e terá o proveito) de ser um paraíso fiscal. Ontem o seu primeiro-ministro teve uma atitude inadmissível para o PM britânico, Boris Johnson. Estúpida, pois só reforça as posições brexitianas na GB, contrariamente ao pretendido por Bettel (é o nome do menino). Anti-democrática, apesar da retórica, pois totalmente avessa àquilo do voto, o britânico. Com um enorme desplante organizou uma conferência de imprensa a 10 metros de manifestantes anti-Boris/Brexit. E como aquele recusou participar na conferência de imprensa naquelas condições, falou sozinho e gozou com o PM britânico. De modo estúpido e arrogante. Imbecil.

Acredito que muita gente concordará com ele. Principalmente à esquerda, subitamente toda europeísta. Portanto organizem-se lá: quando o morcão cá vier vão lá a S. Bento, ou ao CCB. E peçam ao Costa para abancarem a 10 metros dele. E gritem-lhe os impropérios devidos a um tipo que governa um recanto corrupto de evasão fiscal. Ou é a este tipo de escroques que apreciam? Ainda para mais porque mui romântico, com o seu primeiro-damo, meneio que o imunizará às críticas mais que merecidas?


15 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2019 às 00:54

Coloca-se a questão: Escolher um líder como o é o personagen Bettel é sinal de que o eleitorado naquele País, Luxemburgo, viu qualquer coisa que nós por cá não descortinamos?.
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 02:18

Não faço a mínima ideia, mal conheço o país, pouco mais sei que há lá muitos portugueses, que o país vive muito de lavar o dinheiro alheio, e que há algumas pessoas no estrangeiro que gostam muito deste primeiro-ministro porque casou com um homem e o leva para este passear com as mulheres dos outros primeiros-ministros. E agora esta coisa ...
Sem imagem de perfil

De Luis Lavoura a 18.09.2019 às 07:57

Anti-democrática, apesar da retórica, pois totalmente avessa àquilo do voto, o britânico.

Nao acho que seja anti-democratica, pois o voto do Brexit foi ha tres anos, e foi dele feita (pelo governo May) uma interpretacao que e apenas uma de entre muitas possiveis.

Anti-democratica e, sim, a posicao dos atuais politicos britanicos que recusam fazer um segundo referendo para decidir se sempre querem o Brexit, e que forma dele (com acordo ou sem ele).
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 16:02

continue o seu perorar Lavoura, há dias em que até o aturo. Hoje não.
Sem imagem de perfil

De Luis Lavoura a 18.09.2019 às 09:45

Acredito que muita gente concordará com ele. Principalmente à esquerda

Parece-me que o jpt esta a fazer como o D. Quixote: a atacar moinhos de vento. Imagina uma "esquerda" que concorda com Bettel e arremete contra ela. So que, essa esquerda, ou nao existe, ou e muito pequena, ou na verdade ate e direita.
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 16:01

Estou absolutamente farto daqueles que usam a imagem dos moínhos de vento do Quixote. Sabe V. porquê? Porque está um capítulo muito inicial. E quem agita o episódio só mostra que não leu o livro, ainda que tenha a lombada na estante.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2019 às 14:03

Já tinha pensado levar os meus alunos a São Bento. Com essa missão então, cai que nem luva. Só da minha parte são 27. Já dá um bom estrilho, não?
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 15:59

Já fazem barulho. Mas se levar mais alguns será mais divertido.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2019 às 15:24

"...Anti-democrática, apesar da retórica, pois totalmente avessa àquilo do voto, o britânico....".
Referendar, referendar, continuamente, até obter o resultado pretendido, como já aconteceu nesta pseudo-democrática União Europeia?. Ridículo.

Novo referendo, no Reino Unido, sobre o regressar à dita União Europeia?. Sim.

Mas, se não se importam, comecem por respeitar o resultado de este.
Depois, de aqui a 18 anos -uma nova geração de adultos, eleitores responsáveis- realizem, e cumpram, respeitem, o novo resultado do novo referendo.

Isto se na altura ainda houver esta União Europeia.
E se alguém no RU ainda estiver interessado em entrar nessa coisa, outra vez, ... e como contribuinte líquido!.
Referendos vinculativos não são tristes anedotas políticas.
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 23:01

pela citação do trecho do postal e pelo que lhe junta dá-me a sensação que entendeu o inverso do que eu quis colocar. Minha máxima culpa
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 19.09.2019 às 01:09

JPT. Estava apenas a tentar lembrar ao Sr. Lavoura -menciona a frase- que existe a outra face na moeda.
Creio que sobre este tema "Bettel e Boris" temos pontos de vista semelhantes. Cordialmente JP.
Sem imagem de perfil

De jo a 18.09.2019 às 17:28

Já percebi porque é que Boris Johnson suspendeu o parlamento. Não suporta estar perto de quem discorda dele.

Os Tories zangados porque protestavam contra Boris Johnson é uma imagem nova. Ou estão zangados com eles próprios ou não são MP.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2019 às 21:16

"The Portuguese Elisa Ferreira was vice-governor of the Bank of Portugal when a state bank financed the project of a company whose vice-president was her husband. She is appointed to the regional funds which her husband is responsible for these funds for Portugal. Keep cool....."

Os socialistas são como as sanguessugas.........

A.Vieira
Imagem de perfil

De jpt a 18.09.2019 às 23:00

A. Vieira 1) o comentário não tem muito a ver com o postal, pois não? 2) as citações só são legítimas quando se diz a fonte.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 18.09.2019 às 23:25

Tem razão.

As minhas desculpas.

A.Vieira

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D