Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As canções do século (1857)

por Pedro Correia, em 31.01.15


14 comentários

Sem imagem de perfil

De 1857 a 31.01.2015 às 11:12

http://www.youtube.com/watch?v=4-Hpc4ZMwH4
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 31.01.2015 às 11:35

'Swing' no seu melhor, em estreia absoluta no DELITO (quando é que arranja um 'nickname', 1857? Não dá muito jeito comunicar com um número...)
Sem imagem de perfil

De rmg a 31.01.2015 às 15:08


Versão de um mambo mexicano.

Descendente de italianos o nosso amigo Dean Martin não falava italiano mas cantava em italiano porque empinava aquilo tudo (e algum sotaque teria de ouvir os familiares falarem).

Era um tipo divertidíssimo, com os copos ou sem eles.
Prefiro-o no Rat Pack com Frank Sinatra e Sammy Davies Jr. do que a solo, gostos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:32

Também gosto de vários filmes em que entrou. Por exemplo, 'Rio Bravo', do Howard Hawks (com o John Wayne), e 'Deus Sabe Quanto Amei', do Vicente Minnelli (com o Sinatra).
Sem imagem de perfil

De rmg a 01.02.2015 às 01:46


Com uma das canções que mais me marcou, até hoje:

https://www.youtube.com/watch?v=1uuAjwvtxEM

São paixões sem explicação clara, como todas as paixões.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 02.02.2015 às 17:33

Ora muito bem. Já anotada, para a futura série que substituirá as Canções do Século.
Sem imagem de perfil

De rmg a 02.02.2015 às 23:43


Por razões que decerto compreenderá pois nessa matéria conhece-me muito bem, não tenho contribuído para as listagens de músicas futuras a incluír nas suas séries.

Acho que há aqui muita gente com belíssimas sugestões, muito fora das linhas de raciocínio "clássicas" onde eu decerto acabaria por caír.

Portanto se não contribuo não é por desinteresse em participar mas, muito pelo contrário, por um enorme interesse em ler o que outros comentadores têm para dizer e aprender com eles.
Sem imagem de perfil

De rmg a 03.02.2015 às 00:47


Desculpe o meu amigo vir aqui com um tema fora da teses.

Não sei se segue as crónicas semanais de Artur Pérez-Reverte na imprensa espanhola, reproduzidas na página oficial dele:

http://www.perezreverte.com/prensa/patentes-corso/

Não só sou fiel seguidor como ainda tenho todos os livros de colectâneas destas crónicas já publicados em castelhano entre 1998 a 2009 (quatro).

Só para abrir o apetite, no caso de não as ter visto, aconselho as de 12 e de 26 de Janeiro p.p., dão uma boa ideia do que se tem sempre ali.


Sem imagem de perfil

De Ah, pois é a 31.01.2015 às 17:09

Martin was born Dino Paul Crocetti in Steubenville, Ohio, to Angela (Barra) and Gaetano Alfonso Crocetti, a barber. His father was an Italian immigrant, and his mother was of Italian descent. He spoke only Italian until age five.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:35

O Sinatra, sei que não falava italiano. Apesar de ser filho de imigrantes italianos. Talvez porque os pais não falassem italiano mas apenas o dialecto siciliano. E também seguramente porque muitos imigrantes dessa época em Nova Iorque preferiam que os filhos falassem tão cedo quanto possível a língua do país de acolhimento.
Sem imagem de perfil

De rmg a 01.02.2015 às 02:40


Aqui há uns anos comprei por 1€ naquele alfarrabista que o meu amigo sabe um Livre de Poche com as memórias do Sr.Issur Danielovitch.

Nasceu em 1916 em NY, filho de emigrantes da região de Mogilev, no Império Russo.

Dizía ele a certa altura que ter tido pais que tinham compreendido logo que ele devia frequentar uma escola normalíssima americana em vez de o terem metido numa das inúmeras escolas russas que por lá proliferavam tinha sido o facto mais decisivo para a vida dele.

Lembro-me desta história muitas vezes quando assisto a tentativas por esse mundo fora de manter as crianças em escolas onde só convivem com outras crianças com quem já convíviriam de qualquer maneira, fechando-lhes assim muitos horizontes.

Só falta dizer que o Sr. Issur Danielovitch acabou por adoptar o nome artístico por que todos o conhecemos: Kirk Douglas.

Uma boa noite para si
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 02.02.2015 às 17:31

Ora aí está um bom exemplo daquilo que eu havia referido antes, a propósito da família Sinatra.
E por falar em Kirk Douglas: ele ainda se encontra entre nós, com 98 anos. É o último grande actor sobrevivente da época dourada de Hollywood. A última grande actriz dessa época viva (e com saúde) é Olivia de Havilland: tem a mesma bonita idade.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 01.02.2015 às 20:33

https://www.youtube.com/watch?v=mv9PSkNkUfs
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 02.02.2015 às 17:28

Muito bem. Não o sabia melómano, Lucklucky.

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D