Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Almas gémeas anti-Marcelo

por Pedro Correia, em 26.01.18

 

«O Presidente interfere de mais em áreas de governação que a meu ver não lhe pertencem, e isso pode provocar alguma perturbação, e actua muito frequentemente, mais do que talvez devesse, como comentador político.»

Fernando Rosas, ontem à noite, na Prova dos 9 da TVI 24

 

«A continuidade da acção do Presidente é a continuidade do Presidente como comentador. Ele fala sobre tudo e pronuncia-se sobre coisas que não se devia pronunciar.»

José Pacheco Pereira, quase à mesma hora, na Quadratura do Circulo da SIC Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)


50 comentários

Sem imagem de perfil

De JgMenos a 26.01.2018 às 11:07

Queixam-se do facto de a geringonça caminhar amparada pela mão do presidente!
Ao concentrar a confiança do povo evita que se este questione quanto 'aonde nos conduzirão semelhantes esquerdalhos'?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 15:03

Que horror! Conduziram-nos ao menor défice de sempre em democracia. E o Presidente "amparou" isto. Como foi possível?
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 19:07

Pedro, isso é um elogio à Geringonça? Seja mais discreto. Não tarda confundem-no com o Duarte Pacheco Pereira
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 19:18

Um elogio ao presidente do Eurogrupo, esse famigerado coito de neoliberais, segundo alegavam o PCP e o BE até 26 de Novembro de 2015.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 19:46

Diria antes que o Eurogrupo se rendeu ao modelo socialista sulista. De aluno passámos a mestre-escola.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.01.2018 às 11:39

Rendeu-se ao modelo sucialista solista.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 20:15

http://www.sapo.pt/noticias/economia/da-google-a-amazon-tecnologicas-estao-a-rumar_5a6b36b4a69c492f5a97cc0d

http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/acordo-entre-bei-e-ifd-pode-chegar-aos-500-milhoes-para-pme-e-midcaps-261835

http://www.sapo.pt/noticias/economia/economia-portuguesa-cresceu-2-7-em-2017-diz-o_5a6b7164ed03511c5ab49c6b


https://youtu.be/BIN2cZ5P-MU
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 26.01.2018 às 11:10

"4.Uma das competências mais importantes do Presidente da República no dia-a-dia da vida do País é o da fiscalização política da atividade legislativa dos outros órgãos de soberania."

(in:http://www.presidencia.pt/?idc=1)

Para cortar fitas, tivemos o Américo Thomaz
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 15:04

Alguns preferiam um presidente silencioso, Dulce. Um presidente como Cavaco Silva, que andou quase todo o tempo com Sócrates ao colo. Mudo e quedo.
Sem imagem de perfil

De Beatriz Santos a 26.01.2018 às 20:02

Com Sócrates ao colo?! Não foi bem assim.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 11:22

Tanto Fernando, como Pacheco pertencem aquele ramo positivista-marxista que vê nos afectos, fragilidade. Que vê nos emoções, obstáculo ao Puro Pensamento Científico.

Rosas continua igual a si mesmo. Pacheco parece que anda, ultimamente atestado de fel. Sempre a implicar com o Carlos Andrade. Talvez Pacheco padeça com a falta de afecto.

Contudo concordo que Marcelo "Gabriel"por vezes fala de mais....no outro dia falava sobre as finanças nacionais . A Marcelo o que é de Marcelo. A Centeno o que é de Centeno.



Sem imagem de perfil

De André M. a 26.01.2018 às 15:33

"Talvez Pacheco padeça com a falta de afecto. " Fácil: o Marcelo que lhe dê uns beijos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 19:26

Andrade padece de falta de cronómetro. No início anuncia sempre temas que nunca chegam a ser debatidos. Por falta de tempo e também por falta de vontade dos membros do painel.
Ontem anunciou que seria aflorada a situação no Brasil, com o assédio da justiça a Lula. Quando pretendeu introduzir o tema, chegado o momento, quase lhe iam batendo. Cheguei a recear pela integridade física do cordato moderador do programa.
Como sucede em regra, passou adiante. Continuaram a debater o tema anterior até ao fim. E nem uma palavrinha sobre Lula ou o polvo do PT.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 19:50

Que o painel saiba que Andrade, em tempos idos, foi judoca. Tem com Pacheco Pereira uma paciência asiática
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.01.2018 às 11:45

Aturá-lo há tantos anos exige muito mais que paciência: exige estoicismo.
Imagem de perfil

De Psicogata a 26.01.2018 às 11:24

Somos tão portugueses, ora se peca por defeito, ora por excesso!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 14:04

Cada terra tem seu uso, cada roca tem seu fuso. Já os alemães têm tendência para o pecado por excesso como, por exemplo, na fraude da Volkswagen ou no nazismo. Os povos, como as pessoas, não são todos iguais.
Imagem de perfil

De Psicogata a 26.01.2018 às 14:36

Penso que não entendeu o que quis dizer, para os portugueses somos todos pecadores ora porque que não falamos de nada, ora porque falamos de tudo. Referindo-me a este caso específico da intervenção do atual Presidente da República em comparação com o anterior.
As pessoas podem não ser todas iguais, mas têm um conjunto de caraterísticas que as identifica enquanto povo, país, cultura, e embora nem todos os portugueses sejam assim, por norma somos um povo insatisfeito, está sempre tudo bem quando alguém pergunta, mas logo depois vem o mas, e pode ser apenas o estado do tempo, mas de forma geral temos esta tendência, se é melhor ou pior do que outros países, quem somos nós para o dizer?
Sem imagem de perfil

De Toneca Maroto a 26.01.2018 às 11:48

Parecem-me bastante razoáveis as observações de F. Rosas e P. Pereira. Vamos a ver se no longo prazo, sobretudo se houver segundo mandato, os exageros com ressaibos populistas de Marcelo não acabam por enjoar. Eu começo a achar ridículos aqueles abraços e beijos a velhinhas e às jovens sempre acompanhados por um passar de mão pelo lombo que elas parecem adorar. Não acho mal, acho somente ridículo.
Há dias tive de estar numa sessão de um Tribunal. Tive pena quando vi a Juíza (muito atraente) que ela não adoptasse o estilo de Marcelo e não me ferrasse umas beijocas e uns abraços. Adorava mas ela embora muito cortês manteve-se distante.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 14:56

Deu-lhe absolvição?
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 11:51

Quem assim fala do Presidente tem a visão formalista e burocrática da democracia. Sobrepõe a letra ao espírito das coisas. Abafa, à nascença, qualquer sopro de mudança. Não passa de um funcionário público, de cadeira e secretária, mangas de alpaca e horário das dez às dezassete, com almoço e café pelo meio.
Como é possível?!
João de Brito
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 14:16

". Não passa de um funcionário público, de cadeira e secretária, mangas de alpaca e horário das dez às dezassete, com almoço e café pelo meio." Caramba, os madraços até almoçam! Foi o Passos coelho que lhe ensinou a detestar os funcionários públicos?
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 15:01

O João foi professor, penso que do ensino público. Quanto aos funcionários públicos a maioria deles é especialista em coçá-los...mais em reivindicações abstrusas..... houvesse reforma do Estado para pôr essa malta no olho da rua....isso e uma reforma dos cadernos eleitorais para acabar com a mama dos autarcas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 12:10

Pobre povo que dá credibilidade a uns autoconvencidos.Pacheco e Rosas além de virulentos o que mais nos oferece de valor acrescentado ás vidas?
Sem imagem de perfil

De amendes a 26.01.2018 às 12:47

Esta trampa de país está a precisar d'um Trump!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 14:48

"O Presidente interfere...", "...pronuncia-se sobre coisas...".
Até agora (ainda) sem falta de tempo de antena. Apenas o sinal óbvio de que não desagrada, significativamente, ao poder. A caravana vai passando.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 15:06

Ai, Jesus, credo. O Presidente "interfere", o Presidente "pronuncia-se"...
Sem imagem de perfil

De FatimaMP a 26.01.2018 às 15:12

Não há como agradar a espíritos tão exigentes e insatisfeitos como esse dois. Cavaco era gelado, distante, autista, uma múmia que urdia planos macabros nos recantos mais sombrios do Palácio. Pelo contrário, Marcelo é hiperactivo, opinativo, afectuoso, não usa de cerimónias com o povão, mete o bedelho onde não é chamado, não deixa o bla bla bla de circunstância dos políticos cair em saco roto. Qual a medida certa, a divina proporção que os tornaria felizes? Só eles sabem. Porque não, nas próximas eleições, candidatarem-se eles próprios à Presidência da República? Fica a dica ...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 15:16

Um deles já se candidatou. Outro é "treinador de bancada" profissional: nem para a junta de freguesia avança.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 15:37

"candidatarem-se eles próprios à Presidência da República" Eu cá preferia a FatimaMP (meu voto garantido).
Sem imagem de perfil

De FatimaMP a 26.01.2018 às 18:40

Ah ah ... adoraria, sr. Anónimo, mas não tenho vagar ... Mas acredite, ficaria melhor com qualquer um dos outros dois ...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 18:51

Não tenho a menor dúvida.
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 18:58

Pedro com tanta flor ainda o acusam de assédio. . de vez em quando ofereça um par destas só para disfarçar....não à Fátima claro está
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.01.2018 às 19:19

Disso só ofereço a certos anónimos. Acompanhado disto:
Sem imagem de perfil

De Vlad, o Emborcador a 26.01.2018 às 19:54

A quem goste de ser serrado....enfim...a modernidade
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 26.01.2018 às 19:49

"ficaria melhor com qualquer um dos outros dois ..." Oh, não; Fátima na presidência seria o máximo. A primeira Presidenta e logo Fátima!!

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D