Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Delito de Opinião

A golpada

Pedro Correia, 21.04.18

«As luvas alegadamente pagas a José Sócrates, Bava, Granadeiro, Bataglia e mesmo Ricardo Salgado foram financiadas por veículos financeiros que usaram dinheiro dos clientes que compraram papel comercial do BES ou do Banque Privée em esquemas semelhantes aos que destruíram as poupanças de tantos.»

 

Da série de grandes reportagens da SIC que nos tem conduzido aos meandros do maior escândalo político e financeiro da democracia portuguesa.

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Sarin 22.04.2018

    Mas acredita mesmo que a massa de que é feito Passos é pura e impoluta?

    Um governante nascido e criado no universo das Jotas que entre ser deputado e deputado foi consultor de empresas financiadas para fazerem nada e sobre cuja profissão apenas descobriu as obrigações fiscais quando surgiram nos jornais?
    "Não foi o único", poderá dizer, "nem foi tão grave".

    Não, aparentemente não foi tão grave, e não, nitidamente não foi o único.
    Mas esperava que todas estas notícias, entre suspeitas e certezas, todas estas consequências que ainda mal sofremos, que todas estas ignobilidades levassem os meus concidadãos a exigirem muito mais daqueles que nos representam.
    Afinal, servem apenas para enaltecer os prevaricadores de terceira linha.

    Um drama, nada aprendermos.
  • Sem imagem de perfil

    rão arques 22.04.2018

    Não, não acredito que é puro e impoluto.
    Não confundir quem se distrai com uns trocos tipo gorjeta, com quem se vende para atafulhar a própria gaveta.
  • Imagem de perfil

    Sarin 22.04.2018

    Ainda bem que não considera.

    Não foram apenas trocos, tal como não foi apenas a Segurança Social - mas nem é esse o meu foco.
    Acima de tudo, foram os princípios inerentes à coisa.

    No pelotão dos abusadores, a terceira linha é muito menos agressiva. Mas o pelotão continua a ser o dos abusadores.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.