Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A fé

por jpt, em 13.04.19

merlin_153382137_99e6cb7d-03fa-48b5-bcdf-2277e9ad9

Eis o homem, ocorre-me dizer, no meu ateísmo, e nisso vou indiferente a que possa parecer uma (quase)blasfémia aos crentes - será apenas problema deles. Encontro isto no FB enquanto leio alhures (via Corta-fitas) dois profundos textos do Papa Bento XVI sobre abusos sexuais internos à sua igreja. Nesta conjugação mostra-se um momento difícil mas grande para os vizinhos católicos (e, espero, para uma democracia-cristã europeia, que vai indo invisível e talvez moribunda).

Isto resolve, no imediato? Pouco valerá. Os "senhores da guerra" adiarão por umas semanas as suas induções de execuções. E os prelados malévolos masturbar-se-ão um pouco mais nos próximos meses, dando alguma folga às suas vítimas. Depois tudo continuará.

E entre a gente comum continuará o fel, o seu império. Encontro esta foto num mural-FB: sobre o acto de Francisco o primeiro comentário é de um moçambicano, vituperando o acto, "ele que vá fazer isso ao Trump e outros ..." (outros brancos, claro), e segue num discurso completamente racista. E sobre um dos textos de Bento XVI (esse que todos os cultores do transgenderismo e outras transumâncias identitárias que surjam algo exóticas chamam Ratzinger, neste caso recusando a mudança identitária, e assim negando tudo quanto peroram, e até profissionalmente, tão ufanos seguem na sua mediocridade) logo leio textos de blogs comunistas deturpando-lhe, por reducionismo aleivoso, o conteúdo para o poderem aviltar.

Ou seja, vale a pena beijar os pés a esta escumalha, o intelectual burguesote português tão cioso de si, o racista moçambicano, os títeres sudaneses, diferentes no local mas iguais na miséria que são? Não. Nada os vai mudar.

Mas é isso a fé. Crer no inexistente. De vez em quando fica bonito. Este é um caso desses.

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Bea a 14.04.2019 às 09:35

Acreditar é crer no invisível e não no que não existe. E a humildade do papa ao beijar o chão simboliza exactamente isso, o reconhecimento de si como homem, a compreensão da sua pequenez face ao infinito.
Julgo que nenhum chão é beijado em reconhecimento do poder ou do louvor de outros homens e nem por amor a eles. Além do mais, a aspiração do bem é força que não desanima em face dos erros humanos e antes se fortalece e faz necessária.
Sem imagem de perfil

De kika a 14.04.2019 às 12:48

Peço desculpa, o Papa não está a beijar o chão...
Está a beijar os sapatos da outra criatura.
Em breve andamos todos de rabo no ar .
Eu nunca o farei um circunstância nenhuma.
Uma imagem bem triste. Voltamos à idade das trevas.
A meu entender tudo isto é de uma palhaçada e hipocrisia
sem nome. Será que não podem dialogar?
Parece Fátima... tudo a rastejar .
Sem imagem de perfil

De Bea a 14.04.2019 às 21:33

Não me parece Fátima. É compreensível que o não faça, mas também nunca chegará a ser papa.
E o papa Francisco não é hipócrita e nem rasteja. Os rastejantes são os bajuladores, os que praticam crimes de colarinho branco e seguem de nariz empinado e sem remorso, os abusadores de crianças, os que praticam violência sobre quem é menos e não pode ou não sabe defender-se. Esses, para mim, são os vermes, aqueles que eu não quereria ser nunca.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 15.04.2019 às 15:25

Estarei incluída nessa categoria?
Mesmo que para si seja um verme, ainda consigo interpretar uma imagem que me é dada . O Papa que faça o que lhe der na real gana . ( desculpe a vulgaridade) , o problema é ser o chefe das ovelhas , vive bastante
exposto ao olhar do Mundo .
Até fui simpática e não abordei outros aspectos bem mais incómodos .
Adeus porque tenho pressa de entrar no meu buraco.
Os que tentam andar de cabeça erguida são atacados e discriminados . Acredite que me é completamente indiferente o que os outros possam pensar .
Isto de não entrar no pensamento único tem os seus inconvenientes.
Se em Fátima já ninguém rasteja , é uma excelente notícia.
Passar bem e nada de se sentir ofendida , que direi eu que a seu ver não passo de um verme ! 👀

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D