Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Europa rendida ao medo (6)

por Pedro Correia, em 31.01.15

Alegoria ao Charlie Hebdo, com uma caneta no cano de uma arma, proibida no Carnaval em Colónia, contrariando planos iniciais. "Não queremos um carro alegórico que atrapalhe a atmosfera livre e descontraída do Carnaval", diz a comissão de festas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


24 comentários

Sem imagem de perfil

De Vento a 31.01.2015 às 13:05

Eu também gostaria de ver a comunidade internacional reagir a isto:
http://rr.sapo.pt/opiniao_detalhe.aspx?fid=34&did=176767
Sem imagem de perfil

De Vento a 31.01.2015 às 13:41

Compreendo, é uma guerra em que os bárbaros não se importam com a barbárie.
Sem imagem de perfil

De rmg a 31.01.2015 às 21:50


Peço desculpa ao Pedro Correia por vir aqui com um assunto fora do tema.

Apenas queria dizer ao Vento que lhe respondi em devido tempo ao último comentário que me endereçou lá para trás, deve-se ter perdido.

Nada de especial, na linha do seu, acabava com um abraço.
Sem imagem de perfil

De Vento a 01.02.2015 às 00:49

Grato pela mensagem, rmg.

Mesmo com o comentário perdido o que importa é, na mesma linha, seguirmos a vida, por aqui e pelo mundo.
Temos uma montanha comum com encostas diferentes para subir e alcançar o cume. É a vocação de cada um. Nada nos separa, as diferenças complementam-nos. E isto aplica-se a todos.
Não agimos por maldade, mas por paixão.
Sem imagem de perfil

De rmg a 01.02.2015 às 02:29


Meu caro

Acho que sintetizou bem a situação.
Claro que nos esforçamos por vezes de tentar que o outro suba a montanha ao nosso lado.
Mas isso é difícil, quem não anda cá por ver andar os outros raramente o consegue.
E isso nem é mau, pelas razões que aponta.

Abraço
Sem imagem de perfil

De Vento a 01.02.2015 às 14:38

Só para acrescentar que já respondi e clarifiquei.
Sem imagem de perfil

De Luís Lamoura a 31.01.2015 às 13:09

Na verdade, todas as festas licenciosas são blasfemas e é natural que haja quem muito justamente se sinta provocado e ofendido. Lá por Colónia deviam mas era comemorar a Festa do Sacrifício.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:22

Com tiros de kalache.
Sem imagem de perfil

De Fogachos a 31.01.2015 às 13:16

Quer-me parecer que a moda Charlie rapidamente passou à história. Que veio nos media sobre a edição da 2ª semana após o atentado terrorista? Capa?Tiragens? Filas para a comprar e ene pontos de venda onde estava esgotada? Reportagens em Lisboa sobre reservas e pedidos adicionais de exemplares da revista? Zero.
Sem imagem de perfil

De rmg a 31.01.2015 às 17:19


http://www.msn.com/pt-pt/noticias/other/charlie-hebdo-vai-descansar-por-tempo-indeterminado/ar-AA8OnWp?ocid=mailsignoutmd
Sem imagem de perfil

De JSP a 31.01.2015 às 13:19

Valha-nos a Santa Rússia...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:26

A Rússia vai financiando a extrema-esquerda e a extrema-direita. Para fazer implodir a União Europeia. Hoje na Grécia, amanhã em Espanha, depois em França, a seguir talvez Itália...
Imagem de perfil

De cristof a 31.01.2015 às 15:48

Parece um pesadelo o que esta forma de fazer politica nos tem levado: a deixar de acarinhar a liberdade como prioridade nº 1.
Ainda vamos esperar muito para que na UE seja proibido iniciar as crianças nos credos antes duma certa idade?(14 ?).
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:26

E no entanto há 20 dias apenas meia Europa andava na rua a gritar "Je suis Charlie". Parece ter sido há 20 meses.
Sem imagem de perfil

De graça a 31.01.2015 às 21:20

abri o Delito para lhe enviar esta de que tive conhecimento por uma amiga alemã. encontrei-me em minoria na discussão que se seguiu e - ó paciência!, onde estás? - chamaram-me fundamentalista.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.02.2015 às 00:28

Se calhar quem lhe chamou fundamentalista há 20 dias batia no peito a dizer que era Charlie. Esqueceu-se depressa.
Fundamentalistas são os que silenciam os outros. À bala, se for preciso.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.02.2015 às 12:19

" para lhe enviar esta". Qual esta? Pode-se saber?
Sem imagem de perfil

De graça a 02.02.2015 às 11:05

realmente a frase tem falta de clareza. "esta" é a notícia do post do Pedro Correia.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 01.02.2015 às 20:15

Não admira a maior parte das pessoas julga que ter princípios é ser fundamentalista.
Sem imagem de perfil

De graça a 02.02.2015 às 11:09

e também há pessoas com princípios que são fundamentalistas. só que os princípios dessas pessoas não são os meus.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 02.02.2015 às 16:42

Muito bem, Graça. Subscrevo e aplaudo.
Sem imagem de perfil

De graça a 02.02.2015 às 17:07

Obrigada, Pedro. Às vezes é preciso pôr os pontos nos ii.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D