Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Europa rendida ao medo (4)

por Pedro Correia, em 29.01.15

A BBC recusa utilizar a palavra "terrorista" em relação aos assassínios do Charlie Hebdo e outros actos criminosos por ser um termo "valorativo" que suscitaria dúvidas sobre a "imparcialidade" da estação entre autores e vítimas dos atentados.


38 comentários

Sem imagem de perfil

De Quem avisa a 29.01.2015 às 15:50

Recomenda-se vivamente ao sr. dr. Luis Lavoura que se abstenha de frequentar o supermercado do El Corte Inglés, por exemplo. Há lá uma secção kosher e quem por ali cirandar arrisca-se a levar uma rajada no meio dos olhos (ia a dizer dos chifres, mas emendei a tempo).
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 29.01.2015 às 16:37

O atentado ao supermercado kosher em Paris foi, em meu entender, um ato terrorista. Mas o ataque ao Charlie Hebdo não o foi, em meu entender.
Sem imagem de perfil

De Abençoada clarividência!!! a 29.01.2015 às 17:44

Só uma abençoada clarividência permite distinguir o bom do mau terrorismo.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 29.01.2015 às 18:54

É a clarividência Lavourista que nos diz se a Mafia atacar um juiz ou um cidadão que se recusa a pagar a protecção não está a aterrorizar.

Mas se atacar alguém à sorte já está.

O politicamente correcto é o neo-marxismo do séc.XXI, escape da razão necessário para os volúveis, onde tudo pode ser e o seu contrário.
Sem imagem de perfil

De rmg a 29.01.2015 às 19:23


É fácil.
Se fôr passível de acontecer em sítios onde eu possa estar é mau.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 29.01.2015 às 19:55

A acção americana no Iraque é bom ou mau terrorismo? E da Nato na Líbia? E do Boko Harem? A classificação é de facto difícil.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 30.01.2015 às 00:09

Para a BBC, o míssil das milícias pró-russas na Ucrânia que derrubou o avião civil da Malásia em Julho de 2014, matando os 283 passageiros e os 15 tripulantes, não foi um acto terrorista: tratou-se de um incidente. Ou de um acidente, equivalente ao que teria acontecido se o aparelho se tivesse despenhado no solo devido a uma falha mecânica.
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 30.01.2015 às 09:48

o míssil das milícias pró-russas na Ucrânia que derrubou o avião civil da Malásia em Julho de 2014

Não se sabe se esse avião foi abatido por um míssil, menos ainda de onde esse míssil proveio.

Há acusações, mas nada está provado. O caso, tal como o Pedro Correia bem sabe, está em investigação na Holanda.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 30.01.2015 às 10:48

Então matar combatentes inimigos é terrorismo anónimo das 19:55 ?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 30.01.2015 às 11:29

Há quem espere por "averiguações" para saber se o cobarde homicídio de mais de 300 pessoas que seguiam num voo civil, vitimadas por um míssil disparado do solo, à distância de dez mil metros, foi ou não um acto de terrorismo.
A isto chegámos. Daí esta série, que vai continuar.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D