Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A culpa terá sido do eucalipto?

por Pedro Correia, em 25.07.18

grecia-incendio[1].jpg

 

Violentíssimos incêndios na Grécia provocaram já 79 mortos confirmados, além de 180 feridos e um número indeterminado de desaparecidos.

Violentos fogos florestais na Suécia forçam o Governo de Estocolmo a fazer pedidos de socorro aos parceiros europeus, incluindo Portugal.

Quando os fogos fustigaram o nosso país, nas tragédias de Junho e Outubro do ano passado, logo irromperam os tudólogos cá do burgo atribuindo as culpas ao eucalipto. O que me levou a publicar aqui um texto intitulado o eucalipto e a luta de classes.

Os tais tudólogos devem estar a banhos: desta vez ainda não repetiram a ladainha a propósito dos fogos que devastam terras suecas e gregas.

Acontece que em nenhum destes países existe mancha florestal de eucalipto.

As árvores dominantes nas florestas suecas são o abeto (42%), o pinheiro (39%) e a bétula (12%).

As árvores dominantes nas zonas florestais gregas são o carvalho (29,8%), o pinheiro (24,4%), o abeto (13,1%) e a faia (8,7%).

Lá fica a narrativa sem efeito. O problema de muitas teorias é não resistirem ao confronto elementar com os factos.


150 comentários

Sem imagem de perfil

De kika a 25.07.2018 às 11:31

Provavelmente a mão criminosa não é alheia a este inferno.
Tanto cá como lá independentemente do tipo de vegetação.
Dizem alguns que é um negócio bastante lucrativo e até alguns
bombeiros meteram a mãozinha porque ganham pouco e umas horas
extra dão imenso jeito. Uma desgraça completa.
Fica bem na fotografia irem para a Suécia... não tarda somos os melhores
do Mundo no combate aos fogos.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 14:06

É um bocado ofensivo estar a pôr a culpa nos bombeiros, que nestes casos são o mexilhão de serviço. Que tal averiguar as responsabilidades dos Corpos Dirigentes das Autarquias e Protecção Civil?
Sem imagem de perfil

De Joao Lopes a 25.07.2018 às 17:26

" Que tal averiguar as responsabilidades dos Corpos Dirigentes das Autarquias e Protecção Civil?" E das Kikas? Se entramos na suspeita só para suspeitar, todos os desconhecidos e conhecidos são suspeitos.
Sem imagem de perfil

De kika a 25.07.2018 às 17:58

Pode averiguar e ficará a saber que eu não inventei nada. Se não é verdade que alguns bombeiros
meteram a mãozinha reclame dos jornais e jornalistas que o publicaram. Só sou culpada porque li exactamente o que escrevi.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 22:08

http://rr.sapo.pt/noticia/112059/fogo-em-pedrogao-relatorio-da-protecao-civil-diz-que-houve-documentos-apagados

Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.07.2018 às 00:13

Mais que suspeito.
Sem imagem de perfil

De kika a 25.07.2018 às 18:15

Alguns não são todos... aliás existem muitos loucos fascinados
com os fogos que exercem essa profissão à semelhança dos pedófilos que escolhem profissões
em contacto com crianças.
Lamento mas é um facto conhecido. 🤢
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 22:51

É incontestável, Kika. Sempre houve bombeiros pirómanos. A atracção pelo fogo torna-se irresistível para alguns deles - assumindo contornos patológicos.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.07.2018 às 00:20

Não é matéria de opinião. É matéria de facto.
Sem imagem de perfil

De Joao Lopes a 25.07.2018 às 17:30

"Fica bem na fotografia irem para a Suécia" Não deviam ir. Os suecos é que deviam vir cá quando estamos à rasca.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 18:34

Visitantes da Suécia são sempre bem-vindos em Portugal.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 11:33

Desde que arda, a culpa tanto faz ser do eucalipto como dos tudólogos.
Enquanto os fogos forem um óptimo negócio para alguns... vai continuar a arder.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:48

Frase digna de um tudólogo anónimo. Ou de um anónimo tudólogo, tanto faz.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 16:27

Planta os eucaliptos junto á tua casa,qualquer dia comes casca e folhas deles.
Sem imagem de perfil

De Joao Lopes a 25.07.2018 às 17:28

"Planta os eucaliptos junto á tua casa" Eu plantei há uns anos mas ainda não comi cascas nem nada.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 18:35

Há sempre hipótese de plantar um Carvalho. Quando crescer dá um fruto suculento. Chamado Bruno.
Sem imagem de perfil

De V. a 26.07.2018 às 19:17

Há sempre hipótese de plantar um Carvalho. Quando crescer dá um fruto suculento. Chamado Bruno.

Brunos, "maças podres" — temos um lindo pomar
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 21:25

Esse Carvalho foi incinerado a 23 de Junho.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 22:16

Comer brunos verdes dá azia!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 22:52

Conheço um que é tipo melancia. Verde só por fora. Lá por dentro, é encarnado.
Sem imagem de perfil

De V. a 26.07.2018 às 23:15



Deve haver poucos, deve. Mais de metade daqueles candidatos devem ser espiões do benfas.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.07.2018 às 00:15

Acontece muito - e não só no futebol. Serem de uma cor por fora e de outra lá por dentro.
Sem imagem de perfil

De Tiro ao Alvo a 26.07.2018 às 13:18

A mim aconteceu-me diferente: plantaram uma casa à beira dos meus eucaliptos e, agora, exigem-me que abata as árvores e que mantenha o terreno limpo, não sei se 50, se 100 metros à volta da casa, e que suporte inteiramente os correspondentes custos. Isto é pior do que se me tivessem nacionalizado o terreno, de onde não tiro qualquer rendimento há dezenas de anos.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 13:52

E vamos lá a ver se consegue encontrar gente que lhe limpe a mata. Em Castelo Branco a autarquia está sem pessoal e os privados não conseguem dar cobro a tanta requisição. Entretanto a multa há -de chegar
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 21:26

A tal "reforma" do ministro Capoulas, que sonha ser o novo D. Dinis. Só se for a escrever "cantigas de amigo" ao chefe Costa.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 22:07

Capoulas espadeirará?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 22:56

Julgo que não. Ele é pacifista, mais do género de trazer rosas no regaço.
Perfil Facebook

De Rão Arques a 25.07.2018 às 11:45

Muito bem lembrado. Nem os astrolábios que cita cantam a tal ladainha, e também ainda não apareceu um teatrólogo de cá ou de lá a proclamar que tudo foi bem feito. Na nossa tragédia do ano passado até houve um descarado protetor a dizer que ao circularem precipitadamente naquela estrada nem sabiam a armadilha em que se metiam.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:50

Sim, a culpa foi da estrada. A culpa foi do 'downburst'. A culpa foi do raio. Que os parta.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 22:11

Rão, pirómano?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 22:58

Cheira-me a esturro.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 12:18

Curiosas foram as explicações das autoridades gregas quanto às causas dos fogos. Mão criminosa, contrastando, com as queixas da população , que apontaram a falta de meios evidentes. De um lado a culpa atribuída a uma entidade abstracta - mão criminosa - ilibando o Estado. Do outro, um apontar de dedo à incapacidade desse mesmo Estado. Muito semelhante ao modelo justificativo em Portugal aquando dos fogos do ano passado. Um modelo Sul europeu?
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:51

É todo um padrão. Nada de novo debaixo das chamas.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 12:36

Penso que na Suécia em virtude das alterações climáticas a estrutura de combate aos fogos poderá ter estar desadequada ao histórico das temperaturas que se têm por lá verificado este ano. O mesmo não serve de justificação para o Estado português. Lembremo-nos de 2003 e dos avisos /promessas de reforma florestal /Protecção Civil
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:52

Admito que sim. Em qualquer caso, nada a ver com eucaliptos.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 25.07.2018 às 12:53

"Para o procurador no supremo tribunal de justiça grego Xeni Dimitriou, como revela o jornal helénico Ekathimerini, o culpado pode ser o Estado. Depois de indícios de que as autoridades gregas foram lentas a responder ao apelo dos cidadãos afetados e da falta de planos de emergência para este cenário, o procurador grego começou uma investigação para apurar as causas deste incêndio que já fez pelo menos 80 mortos, dezenas de feridos e muitos ainda desaparecidos."

Ora bem... pelo menos aqui há alguém que não arranja downbursts e eucaliptos para explicar o inexplicável.
A perda de vídas por incúria dos regimes vigentes é sempre calamitosa, mas não aprender com as tragédias e deixar a inércia prevalecer, é crime.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:53

Por cá, foi ao contrário. Apareceu logo, no próprio dia, o director-geral da PJ a dizer que a culpa tinha sido de um raio. Com amplificação total nos chamados meios de comunicação, que neste caso só serviram de câmara de eco.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 16:02

As autoridades foram lentas a responder? Então as autoridades não são o governo que em tudo manda? O governo grego foi, então, lento? O grunho do tripas foi lento a dar ordens para salvar aquela gente? Acho que não. Tenho-o visto na televisão a justificar uma série de merdas. Já o nosso querido monhé, como sabemos, mandou-nos f#der e foi de férias.
Sem imagem de perfil

De Joao Lopes a 25.07.2018 às 21:55

"O grunho do tripas foi lento a dar ordens"
"a justificar uma série de merdas."
"Já o nosso querido monhé,"
" mandou-nos f#der e foi de férias."
Este é o tipo de argumentos que eu adoro. Pela profundidade do argumento e pela beleza do vocabulário. Todos os que escrevem em blogues deviam ter em conta estes exemplos e segui-los.
Imagem de perfil

De Rui Nobre Artista a 25.07.2018 às 16:05

E você com essa inteligência quer dizer que foi o Governo de Tsipras...quando em 2007 a Grécia passou por uma calamidade igual mas mais dispersa, não tão concentrada. Se é para debitar disparates é melhor estar com os dedos quietos. As bisbilhotices, são como penas largadas ao vento...nunca se sabe onde vão parar.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 25.07.2018 às 21:56

Não se ganha fama numa cama de penas
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 23:11

Diz o povo e tem razão.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 12:37

Para a fama é necessária dor de costas.
Sem imagem de perfil

De Maria Dulce Fernandes a 26.07.2018 às 17:43

Credo, Radiante, cuide-se!
Sem imagem de perfil

De Costa a 25.07.2018 às 13:13

Ainda assim a verdade oficial não cede. Ontem, num "directo" na RTP3 (creio), alguém no local, dotado da autoridade conferida pelo microfone empunhado, afirmava ser a zona onde estava abundante em eucaliptos. Notava mesmo sentir-se (sobrepondo-se, imagino, ao puro e simples cheiro a queimado que de outra forma deveria imperar) o cheiro próprio do eucalipto. E, grave e doutamente, lançava a quem o via e escutava a certeza de (cito de memória) ser essa árvore muito perigosa em caso de incêndio. Remetendo aliás, ao fazê-lo, para a nossa ainda recente experiência.

Isto feito, suponho que lhe terá restado tomar o primeiro voo para Lisboa: a excelência do seu trabalho (desde logo do seu trabalho de comissariado político) pode a todo o momento fazer muita falta por cá.

O povo não faz ideia da vegetação dominante nesses países, nem cuidará especialmente de se informar sobre o assunto, creio poder afirmá-lo sem lhe passar (ao povo) inaceitável atestado de menoridade. E vê muita televisão, o povo; já passar por aqui ou locais análogos...

De modo que, na fórmula consagrada, está tudo bem assim, e não podia ser de outra forma.

Costa
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:54

Eu calipto, tu caliptas, ele calipta.
Muitos jornalistas não conhecem o nome de mais nenhuma árvore.
Sem imagem de perfil

De Justiniano a 25.07.2018 às 16:40

Não vi, mas acredito, porque é por demais habitual e plausível!!
A qualidade do jornalismo da me(r)dia de referencia não falha!!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 18:36

Em matéria de árvores, muitos só conhecem eucaliptos e pinheiros. E mesmo assim opinam sobre o tema.
Sem imagem de perfil

De Tiro ao Alvo a 25.07.2018 às 13:42

No caso da Grécia, a maioria das árvores que arderam, eram pinheiros-mansos, plantados como árvores ornamentais, junto das moradias, muitas deles de veraneio, árvores que, no meu entender, ardem muito mais facilmente do que o eucalipto.
Ao que dizem os entendidos, o principal problema dos gregos foi a falta de planeamento - muitas das casas que arderam eram clandestinas - tendo as autoridades permitido construções em locais inadequados, com ruas muito estreitas, sendo que nunca foram elaborados planos de evacuação e, muito menos, simulacros, uma desgraça parecida com a nossa.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 14:09

Pois. Como cá e provavelmente na Itália
Sem imagem de perfil

De Justiniano a 26.07.2018 às 08:14

Não sei!! Acho que os pinheiros mansos já lá estavam, antes das casas!
E teimam em brotar, por ali e acolá! O Tsipras como é um homem de vanguarda, mais à frente que o Costa e sus muchachos, ainda há-de determinar que se cubra tudo a ladrilho!!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 10:57

Já dizia o camarada Estaline: «O homem é o problema. Acaba-se o homem, acabam os problemas.»
Basta aplicar o preceito às árvores. Sem elas, não há incêndios florestais.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 26.07.2018 às 12:38

Se fossem Bravos era um Aqui d^el Rei!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 18:49

Nem imagino o pesadelo que seria para os cães caso acabassem as árvores.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 14:22

Estranho seria se o Pedro Correia não estivesse do lado do lobby dos eucaliptos, que sempre foi apoiado por dirigentes da sua cor política como Assunção Cristas.
https://observador.pt/factchecks/assuncao-cristas-foi-responsavel-pela-liberalizacao-total-da-expansao-do-eucalipto/
Ninguém sugeriu que deixaria de haver incêndios sem eucaliptos. Mas que o eucalipto é uma árvore bastante incendiária qualquer pessoa sabe. Pior, é um imigrante ilegal australiano mas por algum motivo a direita radical não se importa com esse tipo de imigrantes...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:57

Faltava o anónimo representante do lóbi da bolota.
Felizmente você chegou.
Sem imagem de perfil

De Justiniano a 25.07.2018 às 16:44

Pode tardar, mas não falha!!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 17:34

E faltava o anónimo Justiniano.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 18:37

Lá vem o anónimo anónimo. Ouve falar em árvores, alça logo a pata.
Sem imagem de perfil

De V. a 26.07.2018 às 23:18

Se é um cachorro, chamem o Vlad
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 27.07.2018 às 00:16

Alguns cachorros estão muito bem instruídos. Só alçam a pata em eucaliptos.
Sem imagem de perfil

De Jo a 25.07.2018 às 14:34

Enganou-se
De acordo com os nossos tudolugos a culpa é da ex-ministra da Administração interna. Já sei para onde ela foi trabalhar: para a Grécia e para a Suécia ao mesmo tempo.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 15:56

Coitada da Excelentíssima Senhora, que nem conseguiu tirar férias no ano passado. E viu-se mesmo forçada a interromper um fim de semana de festarola no Algarve.
Não se faz isso a uma servidora da nação.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 15:57

Jo, na altura as críticas à ministra foram sobretudo sobre a sua postura institucional, assim como no tom das suas variadas comunicação. Aliás críticas semelhantes apontadas ao PM
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.07.2018 às 16:34

dddd
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 23:10

Esse seu teclado está transformado em geringonça.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 16:42

Jo, na altura afirmou -se que as Autoridades tinham feito o melhor possível face à situação, antes mesmo da elaboração de um relatório. E depois este apareceu, contrariando o Secretário de Estado e a Ministra
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 25.07.2018 às 23:08

Já faltava o lambe-botas de turno. A defender o indefensável: a ministra que, com dezenas de cadáveres por sepultar, se queixou ao País por não ter ido de férias.
Sem imagem de perfil

De Gay Radiante a 25.07.2018 às 23:18

Pedro, não entendeu. Criticava a Ministra
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 26.07.2018 às 00:24

Não falo de si, claro. É do outro, ali mais acima.

Comentar post


Pág. 1/3



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D