Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A testosterona comunista

por Pedro Correia, em 12.03.19

jeronimo-sousa-890x564[1].jpg

 

Jerónimo de Sousa acordou subitamente "feminista". De tal maneira que se lembrou de criticar o fim do "almoço do Dia da Mulher" promovido pela Câmara de Almada, que foi liderada pelos comunistas durante 40 anos e é desde Outubro de 2017 gerida por Inês Medeiros, do PS. Aproveitando também para «criticar a direita, por alimentar discriminação das mulheres».

Julgo que a preocupação de Jerónimo devia orientar-se noutro sentido. Virando-se para o próprio PCP. Em 98 anos de história, nunca o partido da foice e do martelo teve uma mulher a liderá-lo. Nem sequer nas quatro décadas e meia que já levamos de regime democrático. Ao contrário do que sucedeu no PSD, com Manuela Ferreira Leite, ou no CDS, com Assunção Cristas.

Mais: no PCP nunca houve sequer uma mulher na liderança da bancada parlamentar. Pior ainda: agora que já se perspectiva a saída do secretário-geral, há dezena e meia de anos em funções, quem se aponta como possíveis sucessores, segundo o bem informado Expresso? Isso mesmo: quatro homens, nem rasto de mulher.

É com isto que Jerónimo, agora aparentemente convertido ao feminismo, devia andar preocupado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestão: um livro por dia

por Pedro Correia, em 12.03.19

00152713430156____1__640x640.jpg

 

Sanches Osório - Memórias de uma Revolução, de Maria João da Câmara

Biografia 

(edição Oficina do Livro, 2019)

"Este livro segue a grafia anterior ao Novo Acordo Ortográfico de 1990"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

As duas Espanhas vão a eleições [Pub]

por Diogo Noivo, em 12.03.19

400px-Duelo_a_garrotazos,_por_Goya.jpg

"A crise catalã não pode ser interpretada nos termos da dicotomia esquerda-direita, nem tão pouco resumida a um antagonismo entre os catalães e o resto de Espanha. A linha de fractura está na forma como cidadãos e partidos se posicionam em relação ao movimento independentista catalão, o que faz dele um tema central no espaço público. O resultado é a polarização geral da vida política. Por outras palavras, e paradoxalmente, para travar os ímpetos rupturistas Espanha colocou-os no centro da vida política e abraçou a cultura de sectarismo que emergiu nas fileiras do separatismo catalão. O país vizinho parece ter regressado à lógica frentista, de dois blocos opostos, com as vozes mais responsáveis a alertarem para o despertar das duas Espanhas imortalizadas no célebre poema de António Machado: “Españolito que vienes / al mundo te guarde Dios. / Una de las dos Españas / ha de helarte el corazón”."

Hoje, no Observador.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Canções do século XXI (708)

por Pedro Correia, em 12.03.19

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estátuas dos nossos reis (197)

por Pedro Correia, em 11.03.19

praça_dom_pedro_i_itu SP.jpg

praca-dom-pedro-i[1].jpg

 

D. Pedro IV (1826)

 

Autor: ainda por identificar

Ano da inauguração: ainda por apurar

Localização: Itu (Estado de São Paulo, Brasil), na Praça D. Pedro I

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lavourada da semana

por Pedro Correia, em 11.03.19

21367995_14Wuf.jpeg

 

«No outro dia ouvi ao almoço duas mulheres a debater. Uma delas queixava-se de a filha ter não-sei-que problemas de saúde, e debatiam sobre qual a forma de eliminar esses problemas. A mãe da menina disse que tinha eliminado o gluten da alimentação da criança, o que causava imensos problemas, tanto à criança como à mãe. Eu ousei meter-me na conversa, dizendo, sabe, há pessoas que têm alergia ao gluten, mas para as pessoas que não têm tal alergia, o gluten não faz mal nenhum, e eliminá-lo é desaconselhável. A mulher não gostou da minha intervenção e retorquiu "temos que começar por algum lado!".»

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestão: um livro por dia

por Pedro Correia, em 11.03.19

250x.jpg

 

O Homem Mais Rico do Mundo, de Jonathan Conlin

Tradução de Manuel Santos Marques

Biografia de Calouste Gulbenkian

(edição Objectiva, 4.ª ed, 2019)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Canções do século XXI (707)

por Pedro Correia, em 11.03.19

Autoria e outros dados (tags, etc)

Blogue da semana

por Alexandre Guerra, em 10.03.19

Quando se fala de política na América do Norte, normalmente todas as atenções viram-se para os EUA, mas, nesta altura, também o vizinho Canadá nos está a oferecer acontecimentos muito relevantes e que podem complicar a reeleição daquela que era até há umas semanas a maior estrela progressista entre os líderes mundiais. Para se acompanhar diariamente o que está a acontecer a Justine Trudeau, aqui fica o iPolitics, um blogue independente, já num estádio mais evoluído, que tem como inspiração o célebre Politico.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Contra todas as cegueiras

por Pedro Correia, em 10.03.19

20190303_113706-1.jpg

 

É curioso analisarmos, por vezes, como resulta a transposição de grandes romances em língua portuguesa para outros idiomas. Aconteceu-me faz hoje oito dias, em Londres. Com o Ensaio Sobre a Cegueira, porventura o melhor livro de José Saramago - que originou um filme premiado. Intitula-se Blindness, em inglês.

Espreito o parágrafo de abertura:

«The amber light came on. Two of the cars ahead accelerated before the red light appeared. At the pedestrian crossing the sign of a green man lit up. The people who were waiting began to cross the road, stepping on the white stripes painted on the black surface of the asphalt, there is nothing less like a zebra, however, that is what it is called. The motorists kept an impatient foot on the clutch, leaving their cars at the ready, advancing, retreating like nervous horses that can sense the whiplash about to be inflicted.»

Eis a força da boa literatura: capaz de suplantar barreiras linguísticas, geográficas, afectivas, culturais. Capaz de emocionar, inspirar, comover e fazer sonhar gente de todos os idiomas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estátuas dos nossos reis (196)

por Pedro Correia, em 10.03.19

images.jpg

20190227_001219-1-1.jpg

 

D. Pedro IV (1826)

 

Autor: Manuel da Fonseca Pinto

Ano da inauguração: 1984

Localização: Vila Nova de Gaia, no solar dos Condes de Resende

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestão: um livro por dia

por Pedro Correia, em 10.03.19

1485724391_gl1oq5fWuPoI1lexPeK[1].jpg

 

Ficção curta completa, vol. 1, de H. G. Wells

Tradução de Sofia Castro Rodrigues

Contos e novelas

(edição E-primatur, 2017)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Pensamento da semana

por Teresa Ribeiro, em 10.03.19

Na sociedade atomizada do instagram e do facebook, podemos dispensar a presença física do outro, mas nunca a sua opinião sobre nós. Para viver em palco, precisamos de público.

 

Este pensamento acompanhou o DELITO durante toda a semana

Autoria e outros dados (tags, etc)

Canções do século XXI (706)

por Pedro Correia, em 10.03.19

Autoria e outros dados (tags, etc)

O comentário da semana

por Pedro Correia, em 09.03.19

 

«Quanto aos cães... a História da Humanidade é a História do Cão. É tudo o que tenho a dizer sobre o assunto.»

 

Do nosso leitor V. A propósito deste meu texto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estátuas dos nossos reis (195)

por Pedro Correia, em 09.03.19

supremo- tribunal-federal.jpg

IMG_5592[1].JPG

 

D. Pedro IV (1826)

 

Autor: ainda por apurar

Ano da inauguração: 1980

Localização: Brasília, no átrio do edifício do Supremo Tribunal Federal, Praça dos Três Poderes

Autoria e outros dados (tags, etc)

Delito à mesa (11)

por Pedro Correia, em 09.03.19

20181013_192233-1.jpg

 

Em equipa que ganha não se mexe. A Adega do Chico, em Caminha, entrou na sétima década de vida mantendo o bacalhau da casa como prato emblemático.

 

Há coisas que não mudam. Ir a Caminha, no extremo norte do País, e apreciar o bacalhau à Chico é um prazer antigo sempre renovado. A Adega do Chico chama-se assim por ter sido fundada em 1957 por uma figura bem conhecida na vila, que respondia pela alcunha de Francisco dos Jornais. Era um tasco de características muito populares, que granjeava clientela graças à qualidade da cozinha. Com destaque para o famoso bacalhau, muito bem demolhado e frito em abundante cama de azeite e cebolada, servido com batatas fritas às rodelas. Uma dose do apreciado bicho, pescado em águas islandesas, chega à vontade para duas pessoas.

 

             20181013_194720.jpg thumbnail_20181013_203624[2].jpg

                   Bacalhau à Chico, confeccionado com a cozinha à vista dos clientes

 

Há 36 anos na mesma família, que adquiriu o estabelecimento ao senhor Francisco, esta acolhedora Adega situada junto ao pano da muralha medieval da vila soube cultivar as características originais, conservando o caldo verde e o bacalhau como cartões de visita. As alternativas são escassas, mas suculentas: arroz do mar à chefe, robalo à marinheira, polvo cozido, cabrito à Serra de Arga. Tudo confeccionado pela cozinheira Elsa, sempre de acordo com a matriz original. Para acompanhar, e visto estarmos em zona de vinho verde, nada melhor do que um branco de Ponte de Lima.

 

thumbnail_20181013_194935[2].jpg                                          Robalo à marinheira

 

Também no exterior, a paisagem do passado ecoa no presente: a matriz, as tílias na praça central, a torre do relógio, o Coura desaguando no Minho, a silhueta tutelar da Serra d' Arga e a massa imponente do Monte de Santa Tecla, já na Galiza. Apetece sempre regressar, a caminho de Caminha. 

 

Adega do Chico

Rua Visconde Sousa Rego, n.º 30, Caminha.

Telefone 258 921 781.

Horário: 12.00-15.00, 19.00-22.00. Encerra às quintas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestão: um livro por dia

por Pedro Correia, em 09.03.19

350x.jpg

 

Ouro, Prata e Silva, de Miguel Szymanski

Romance

(edição Suma de Letras, 2019)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Canções do século XXI (705)

por Pedro Correia, em 09.03.19

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estátuas dos nossos reis (194)

por Pedro Correia, em 08.03.19

1937.jpg

DSC06528[1].JPG

 

D. Pedro IV (1826)

 

Autor: Marc Ferrez

Ano da inauguração: 1937

Localização: Museu Nacional de Belas Artes, na Avenida Rio Branco (Rio de Janeiro)

Autoria e outros dados (tags, etc)


O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D