Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Já li o livro e vi o filme (242)

por Pedro Correia, em 19.09.18

250x.jpg

Red badge of courage 1951.jpg

 

 

     A INSÍGNIA VERMELHA DA CORAGEM (1895)

Autor: Stephen Crane

Realizador: John Huston (1951)

Huston mostra-nos a guerra (neste caso, a Guerra da Secessão norte-americana) como se fosse um filme negro. Com rostos dos combatentes em grande plano - rostos onde vemos cansaço, angústia, medo. Notável adaptação cinematográfica, hoje raras vezes vista, da excelente novela homónima de Crane.

Já li o livro e vi o filme (241)

por Pedro Correia, em 05.09.18

500x[1].jpg

imagesGJDJFYU7.jpg

carrie[1].jpg

  

     CARRIE (1974)

Autor: Stephen King

Realizador: Brian de Palma (1976)

Realizadora: Kimberly Pierce (2013)

King alargou as fronteiras da chamada literatura de terror, inserindo-a num cenário quotidiano e burguês. De Palma captou bem estes traços na inesquecível adaptação filmada, com Sissy Spacek perfeita como protagonista. A versão mais recente - num género a que os americanos chamam trash horror - é totalmente dispensável.

Já li o livro e vi o filme (240)

por Pedro Correia, em 08.08.18

250x[1].jpg

z-costa_gavras-1969-03[1].jpg

 

     Z (1967)

Autores: Vassilis Vassilikos

Realizador: Costa-Gavras (1969)

Uma das mais trepidantes películas políticas de todos os tempos, justamente galardoada com o Óscar para melhor filme estrangeiro. O livro envelheceu menos bem: falta-lhe o equivalente à intensidade dramática das imagens em movimento.

Já li o livro e vi o filme (239)

por Pedro Correia, em 18.07.18

9727082203[1].jpg

1379529260_137952_1379529260_noticia_normal[1].jpg

 

  ÁFRICA MINHA (1937)

Autora: Karen Blixen

Realizador: Sydney Pollack (1985)

Belíssima narrativa autobiográfica de uma dinamarquesa que teve uma quinta no Quénia colonial entre 1914 e 1931. O livro tornou-se um clássico, valeu à autora duas candidaturas ao Nobel e foi adaptado ao cinema numa película que lhe presta inteira justiça, galardoada com o Óscar para melhor filme e melhor realização.

Já li o livro e vi o filme (238)

por Pedro Correia, em 04.07.18

250x[1].jpg

junglebook2-901x636[1].jpg

 

  O LIVRO DA SELVA (1894)

Autor: Rudyard Kipling

Realizador: Wolfgang Reitherman (1967)

A deliciosa adaptação para cinema de animação da clássica novela do primeiro autor britânico galardoado com o Nobel da Literatura foi também a última produzida por Walt Disney. Que assim terminou em beleza a sua longa carreira cinematográfica: o filme é inesquecível.

Já li o livro e vi o filme (237)

por Pedro Correia, em 21.06.18

51wi9CKnEcL.jpg

thw-2011-01-05-12h58m46s227[1].png

 

  HAMLET (1603)

Autor: William Shakespeare

Realizador: Laurence Olivier (1948)

Um dos textos mais sublimes de toda a história da literatura universal, transposto com mestria para o ecrã num filme dirigido e protagonizado por Olivier. Galardoado em 1949 com Óscares para melhor longa-metragem e melhor actor.

Já li o livro e vi o filme (236)

por Pedro Correia, em 01.06.18

1001141[1].jpg

alice-new-redhair-1200[1].jpg

  

  ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS (1865)

Autor: Lewis Carroll

Realizador: Tim Burton (2010)

Com um lugar à parte na literatura infantil, esta novela sempre fascinou cineastas, atraídos pelo seu potencial fílmico. O mais recente foi Tim Burton, numa longa-metragem que encheu bilheteiras mas suscita interrogações no plano artístico com tanta overdose de efeitos computorizados.

Já li o livro e vi o filme (235)

por Pedro Correia, em 23.05.18

foto_3646AD47-EDE8-40A7-AF1CAD709894552D06[1].jpg

othello[1].jpg

  

  OTHELLO (1622)

Autor: William Shakespeare

Realizador: Orson Welles (1951)

A "tragédia da insensatez, do ciúme e da perfídia" protagonizada pelo Mouro de Veneza e a pela malograda Desdémona tem sido glosada vezes sem fim na literatura, no cinema e na televisão. Mas nada substitui a riqueza do texto original, que o Rei D. Luís traduziu para português. Mesmo amputado da mais longa versão inicial, o filme que Welles interpretou e realizou é um dos melhores sucedâneos.

Já li o livro e vi o filme (234)

por Pedro Correia, em 17.05.18

922552183_1_261x203_a-pousada-da-sexta-felicidade-

bergman-inn-of-the-sixth-happiness[1].jpg

  

  A POUSADA DA SEXTA FELICIDADE (1957)

Autor: Alan Burgess

Realizador: Mark Robson (1958)

A história real de Gladys Aylward, missionária inglesa na China devastada por duas guerras, inspirou um bom livro muito fiel à sua biografia e um filme hoje interessante apenas pela presença da incomparável Ingrid Bergman.

Já li o livro e vi o filme (233)

por Pedro Correia, em 09.05.18

1027725[1].jpg

c2ce2aa2-c1ce-473a-9542-626bc137229a[1].jpg

 

  ZORBA, O GREGO (1946)

Autor: Nikos Kazantzaki

Realizador: Michael Cacoyannis (1964)

A obra-prima do escritor grego cedo fascinou um vasto grupo de leitores, que se foi alargando ao ser adaptada ao cinema, naquele que foi o maior papel da carreira de Anthony Quinn. Fascinante, a cena da dança com Alan Bates numa praia de Creta ao som da partitura de Mikis Theodorakis. Cinco estrelas para livro e filme.

Já li o livro e vi o filme (232)

por Pedro Correia, em 02.05.18

250x[1].jpg

our-souls-at-night[1].jpg

 

 AS NOSSAS ALMAS NA NOITE (2015)

Autor: Kent Haruf

Realizador: Ritesh Batra (2017)

Meio século após Descalços no Parque, Jane Fonda e Robert Redford voltavam a protagonizar um filme - desta vez não uma comédia mas um melodrama, fiel ao belo romance crepuscular de Haruf, que aqui se despedia da literatura e da vida.

Já li o livro e vi o filme (231)

por Pedro Correia, em 26.04.18

250x[1].jpg

the-jackal-1997-1439834823[1].jpg

 

      CHACAL (1971)

Autor: Frederick Forsyth

Realizador: Michael Caton-Jones (1997)

Um dos melhores thrillers políticos das últimas décadas, centrado num atentado real ao Presidente francês Charles de Gaulle em Agosto de 1963, serviu de base ao fraco "filme de acção" protagonizado por Bruce Willis e Richard Gere. Com a França transposta para os EUA. O livro é incomparavelmente superior.

Já li o livro e vi o filme (230)

por Pedro Correia, em 18.04.18

1282214553-f[1].jpg

C70LTDJW.jpg

 

APARIÇÃO (1959)

Autor: Vergílio Ferreira

Realizador: Fernando Vendrell (2018)

Um dos melhores romances portugueses do século XX, e o melhor alguma vez escrito sobre Évora, permaneceu todo este tempo incompreensivelmente à margem do cinema. Vendrell colmatou a falha, mas o livro suplanta o filme por larga margem.

Já li o livro e vi o filme (229)

por Pedro Correia, em 11.04.18

livro_648993630_1_433[1].jpg

017-the-french-lieutenant-s-woman-theredlist[1].jp

  

A AMANTE DO TENENTE FRANCÊS (1969)

Autor: John Fowles

Realizador: Karel Reisz (1981)

Este romance magistral - que a Time incluiu nos cem melhores de língua inglesa entre 1923 e 2005 - deu origem a um filme, tão denso e mais labiríntico, com argumento de Harold Pinter, futuro Nobel. Entre as duas versões, escolho o livro.

Já li o livro e vi o filme (228)

por Pedro Correia, em 05.04.18

IMG_0605[1].JPG

imagesER1AM37A.jpg

 

SUBLIME OBSESSÃO (1929)

Autor: Lloyd C. Douglas

Realizador: Douglas Sirk (1954)

Alemão imigrado em Hollywood, Sirk foi mestre do melodrama, recriando aqui um popular romance dos anos 20. O filme, com o seu expressionismo cromático, envelheceu muito menos do que o livro. Com Jane Wyman e Rock Hudson no elenco.

Já li o livro e vi o filme (227)

por Pedro Correia, em 28.03.18

Screen-Shot-2017-11-06-at-3.38.21-PM[1].png

Passage to India Aziz Godbole Quested[1].jpg

 

      PASSAGEM PARA A ÍNDIA (1924)

Autor: E. M. Forster

Realizador: David Lean (1984)

Raras vezes livro e película se entrelaçam tão bem: o admirável romance de E. M. Forster - que o Guardian inclui entre as cem melhor obras de ficção em língua inglesa - foi transposto de forma exemplar para a tela por David Lean, um dos grandes mestres do cinema, neste seu filme-testamento.

Já li o livro e vi o filme (226)

por Pedro Correia, em 21.03.18

ber-brooklyn[1].jpg

1_k3sTeT4nopY9tJ_D4yrTTQ[1].jpg

 

        BROOKLYN (2009)

Autor: Colm Tóibín

Realizador: John Crowley (2015)

O filme protagonizado por Saoirse Ronan - justamente nomeada para o Óscar de melhor actriz - está em perfeita sintonia com o belo romance, centrado numa jovem imigrante irlandesa em Nova Iorque no início da década de 50.

Já li o livro e vi o filme (225)

por Pedro Correia, em 15.03.18

1017719[1].jpg

image[1].jpg

 

       O DOENTE INGLÊS (1992)

Autor: Michael Ondaatje

Realizador: Anthony Minghella (1996)

Por vezes é muito difícil escolher. É o caso. Belíssima longa-metragem (que vi primeiro), galardoada com o Óscar de melhor filme e melhor realização, exibida em Portugal sob o título - mais literal mas mais ambíguo - O Paciente Inglês. Belíssímo romance intemporal sobre o rasto de um amor devastado pela guerra.

Ja li o livro e vi o filme (224)

por Pedro Correia, em 07.03.18

Misery[1].jpg

misery1990imagegallery5[1].jpg

 

     MISERY (1987)

Autor: Stephen King

Realizador: Rob Reiner (1990)

Eis um caso em que livro e filme quase se equivalem. Com ligeira vantagem para o romance, que por ter 470 páginas nos prolonga o prazer do convívio com o acidentado escritor Paul Sheldon e a sua fã número um, por acaso também sua carcereira. O filme valeu um merecidíssimo Óscar à actriz Kathy Bates.

Já li o livro e vi o filme (223)

por Pedro Correia, em 28.02.18

250x[1].jpg

175323-004-4C5C0806[1].jpg

 

      BAMBI - UMA VIDA NOS BOSQUES (1923)

Autor: Felix Salten

Realizador: David Hand (1942)

O filme produzido por Walt Disney - que tem sensibilizado gerações de crianças para a necessidade de protegermos a vida animal - tornou-se muito mais conhecido do que o livro. Mas obra literária não lhe é inferior. Um clássico para todas as idades.


O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D