Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Um verdadeiro nojo

por Pedro Correia, em 19.08.09

No país modernaço dos powerpoints governamentais, das Novas Oportunidades, do 'choque tecnológico', do simplex e do magalhães a pataco, acontecem coisas destas em organismos públicos - no caso, o Hospital de Santa Maria e o Instituto de Medicina Legal. Uma indignidade que devia envergonhar qualquer português: uma adolescente violada viu, à insuportável violência de que foi alvo, somar-se o enxovalho de aguardar horas a fio que os especialistas cumprissem um horário qualquer da função pública, sem poder sequer deslocar-se ao WC.

(I)moral da história: neste país as violações só podem ocorrer das 9 às 17, sob pena de se aguardar uma noite inteira por um perito - e nem pensar que sucedam no mês de Agosto. Um verdadeiro nojo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


12 comentários

Imagem de perfil

De Leonor Barros a 19.08.2009 às 23:07

Um nojo completo. Desde que ouvi a notícia que não consigo pensar noutra coisa. Nem consigo imaginar pelo que a garota passou, depois de ser violada ter de esperar doze horas, porque o IML só funciona em horário de funcionário público. São os cortes na função pública. As pessoas que vão para o diabo.
Imagem de perfil

De José Gomes André a 19.08.2009 às 23:09

Este caso devia gerar uma indignação enorme no país. Infelizmente, não vai passar de uma nota de rodapé.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 19.08.2009 às 23:31

Indignidade, como dizes. Não sei acrescentar mais.
Sem imagem de perfil

De mdsol a 19.08.2009 às 23:34

Sem mais palavras.
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 20.08.2009 às 00:00

Inqualificável!
Imagem de perfil

De ariel a 20.08.2009 às 00:21

Um nojo e está tudo dito. Uma pessoa ouve, estupefacta e não acredita que seja possível .
Sem imagem de perfil

De Sérgio de Almeida Correia a 20.08.2009 às 01:15

É, Pedro, infelizmente é isso mesmo.
Pior ainda vai ser quando chegar o dia do julgamento do suspeito, daqui a 2 ou 3 anos, a ofendida tiver que repetir a história, os pormenores , depois, as testemunhas, a começar pelo pessoal que era suposto ter memória, disserem que já não se lembram, que não estão a ver o caso, que já passaram muitos anos e o juiz, impaciente, perguntar ao advogado se quer mais alguma coisa da testemunha porque ela já disse que não se lembra.
Enquanto não se tratar da limpeza - dos corpos, das mentes e das almas - não vale a pena comprar mobília nova e colocar enfeites.
O problema passa de governo para governo mas a culpa é nossa, de todos nós. Não vale a pena culpar o sistema.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 20.08.2009 às 02:43

Meu Deus, não é possível!
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 20.08.2009 às 09:13

Um País sem dignidade.
Sem imagem de perfil

De Carlos Dias Ferreira a 20.08.2009 às 09:16

Pedro:

Tens toda a razão É UM NOJO.
É revoltante ouvirmos todos os dias, da boca dos propagandistas do regime, que Portugal é um país moderno e virado para o seculo XXI, pois é depois acontecem coisas destas tipicas de país do 3º mundo.
Triste e revoltante mas rápidamente será esquecido vai uma aposta.

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D