Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Stora

por Cristina Ferreira de Almeida, em 20.05.09

A professora de Espinho merece um castigo severo. A descrição que faz de um bacanal romano é inaceitável; do que li, não é verdade que só comessem e vomitassem: iria jurar que também havia sexo envolvido. Nos meus tempos do Liceu Pedro Nunes, os professores com esta falta de rigor levavam logo com bolinhas de papel na cabeça quando se viravam para o quadro.

Autoria e outros dados (tags, etc)


14 comentários

Imagem de perfil

De João Carvalho a 20.05.2009 às 20:58

A s'tora de Espinho merecia o mesmo. Com um engenho mal construído: a bolinha caía aos pés do lançador e o canudo era cuspido direito à nuca dela.
Sem imagem de perfil

De Anonimo a 20.05.2009 às 20:58


Hum.. Pedro Nunes ?

Qualquer dia ainda a apanhamos a escrever para aquela associação de antigos alunos, vulgo 31 da Armada...
Imagem de perfil

De Cristina Ferreira de Almeida a 20.05.2009 às 21:16

He he, não sabia. Devo ser mais nova...
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 20.05.2009 às 21:05

Stora?

Senhora Doutora, se faz favor.
Sem imagem de perfil

De JuliaML a 20.05.2009 às 21:42

Mestre, segundo li :-))

Sem imagem de perfil

De Ana Cristina Leonardo a 21.05.2009 às 10:41

agora em vez de papelinhos, os pais mandam os filhos levar gravadores para a aula... talvez esteja tudo ligado, quem sabe? quero dizer: as orgias e a bufaria
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 21.05.2009 às 11:15

A atitude de alguns pais, que iniciam os filhinhos na prática da bufaria, também é uma orgia. Ou estarei enganado?
Imagem de perfil

De Cristina Ferreira de Almeida a 21.05.2009 às 12:04

Nem mais. Acho mais saudável fazer a vida negra à stora - e nós sabemos como os adolescentes conseguem fazer a vida negra a alguém - do que meter gravadores na mochila. Além de que, se alguém gravar o meu dia e enviar para a Sic, eu receio que também venha a ter problemas. Digo tanto disparate, sei lá...
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 21.05.2009 às 13:01

No meu tempo os pais estavam sempre do lado dos professores, quando nos queixávamos de alguma coisa (e sabe Deus como às vezes tínhamos razão). Agora fazem uma frente cerrada com os filhos contra os professores, sejam quais forem as circunstâncias. E os filhos sabem bem aproveitar-se disso, como todos sabemos.

Não defendo esta professora, que me parece estar claramente perturbada e devia ser retirada do contacto com os alunos. Mas o princípio está errado e é perigoso: estas "costas quentes" dos alunos, quase sempre suportadas por pais demissionários à procura de alívio de consciência, tem dado resultados dramáticos nas escolas e desautorizado completamente os professores. Os resultados estão à vista de todos.
Sem imagem de perfil

De Once a 21.05.2009 às 15:09

"Vão dizer-me que a gravação da professora de Espinho vai permitir que ela deixe de dar aulas e que isso é bom. Tudo bem. Mas eu digo-vos que é melhor ainda que, aos 12 anos, eu não tenha tido quem me fizesse espião a soldo."

Ferreira Fernandes, DN, 20.05.09

e eu assino por baixo. E acho que o mal maior que está por detrás de tudo isto não é a suspensão da professora ou o tema abordado. Nada disso.

Imagem de perfil

De Cristina Ferreira de Almeida a 21.05.2009 às 17:58

O Ferreira Fernandes tem uma capacidade invulgar de acertar no alvo com um só tiro. clap clap clap
Sem imagem de perfil

De Passarinho a 21.05.2009 às 21:21

Sobre este assunto há um post genial em http :/ literaturas.blogs.sapo.pt /
Imagem de perfil

De João Carvalho a 21.05.2009 às 22:13

Concordo e até escrevi a propósito este texto não menos genial

http://www.xo-passarada.com
Sem imagem de perfil

De Livia Borges a 23.05.2009 às 12:12

Sim, também achei preocupante a descrição de uma "doutora" em História, eminente professora cheia de estudos e mais alguns, descrever dessa forma hollywoodesca e preconceituosa um banquete romano. A mulher é estúpida e bacoca. A prova de que nem sempre quem estuda, sabe mais.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D