Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dá-me agora que ninguém vê, ó meu!

por João Carvalho, em 30.04.09

Fica o exemplo. Em tempo de crise. Depois, não se esqueçam de ficar admirados com a abstenção. Tirando esta chamada de atenção, sou incapaz de comentar a aprovação parlamentar de hoje relativa ao financiamento partidário. Porque correria o risco de escrever alguns palavrões.


16 comentários

Imagem de perfil

De Leonor Barros a 30.04.2009 às 21:35

É uma ofensa e um ultraje, João. Como comentávamos antes, perdeu-se a vergonha e o pudor. Não se esqueçam de lhes dar maioria absoluta...
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.04.2009 às 22:32

Isso mesmo, Leonor. Podem limpar as mãos à parede.
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 30.04.2009 às 21:52

Mas esta aprovação merecia alguns bem cabeludos.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.04.2009 às 22:32

Sem dúvida alguma.
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 30.04.2009 às 21:55

ainda há uns dias tive uma "discussão" no twitter com o deputado antónio filipe, porque eu dizia que as propostas avulsas e em catadupla sobre o enriquecimento ilicito na AR era propaganda politica e ele dizia que não porque isto e aquilo, peço desculpa ,mas apetece criar um movimento anti eleitoral,ninguém ir votar, vão gozar com a familia deles.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.04.2009 às 22:38

Concretiza-se o que era suposto ser absurdo: os cidadãos, que deviam estimar a democracia gerida por quem elegem, vão-se divorciando do regime pela simples razão de que os gestores da coisa pública são cada vez mais controladores dos cidadãos e cada vez mais escandalosos nos esquemas que se autoproporcionam para fugir a qualquer controlo!...
Sem imagem de perfil

De Slsalgueiro a 30.04.2009 às 22:40

Nestas matérias é fácil haver consenso.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.04.2009 às 22:42

É. A sem-vergonha tornou-se um elo de ligação.
Sem imagem de perfil

De toulixado a 30.04.2009 às 22:40

Parece que já estou a ver as malas e malas carregadinhas de dinheiro a entrar pela festa do Avante adentro...

Não me lixem.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.04.2009 às 22:43

Não o lixarão mais do que a todos os cidadãos que controlam cada vez mais.
Sem imagem de perfil

De 100anos a 01.05.2009 às 00:44

É com dinheiro vivo que "elas" se fazem.
Cheques, transferências bancárias ou depósitos em conta deixam sempre muito rasto.
Se o dinheiro for de proveniência duvidosa deve ser vivinho da silva.
E eu estou varado com a "lata" dos políticos - é que têm um desplante que deixam um tipo engasgado.
É por estas e por outras que há muito que não voto em eleição nenhuma.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 01.05.2009 às 01:20

Desplante, realmente.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 01.05.2009 às 02:42

O homem da mala voltou. Muitos homens com muitas malas.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 01.05.2009 às 09:43

E já não precisam que as malas sejam pretas para circular pela calada da noite...
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 01.05.2009 às 15:08

É isso mesmo, um convite à abstenção. E cada vez com mais razão, embora esse desinteresse jogue sempre a nosso desfavor. Esta lei é um vergonha.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 01.05.2009 às 20:56

É escandalosa!

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D