Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ainda as promoções

por Ana Margarida Craveiro, em 02.05.12

 

Insensibilidade, oportunismo, ganância, etc., etc. Tudo coisas que li a respeito das promoções de ontem. Curiosamente, nunca li nada igual sobre as Black Friday, e os frenéticos "refresh" de página para comprar iPods e quejandos. Ou sobre saldos em qualquer outra loja. Como dizia o Caco Antibes, "eu tenho horror a pobre!". E é esta a insensibilidade, só, de quem compra iPads, livros e roupas com desconto, mas olha de lado para quem agradece um desconto na carne, peixe e fraldas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


10 comentários

Sem imagem de perfil

De Sara a 02.05.2012 às 10:26

ou você não entende nada ou está a brincar.

se hoje o Pingo Doce fizesse a promoção ninguém se sentiria ofendido (os que ainda se ofendem com a falta de carácter .

arranje 'explicador' antes de escrever o que que não entende.
Sem imagem de perfil

De lucklucky a 02.05.2012 às 11:20

"arranje 'explicador' antes de escrever o que que não entende."

Percebo muito bem. Você não quer limites ao seu poder.
O dia não pertence a ninguém.
A Aristocracia Social não tem direito ao 1 de Maio.

Sem imagem de perfil

De lucklucky a 02.05.2012 às 11:32

Para quando a promoção de 50% no IRS, quanto mais ganhar mais desconto!
Para quando a promoção de 50% na Escola Publica.
Quanto mais crianças mais desconto!
Para quando a promoção de 50% no IMI - compre uma segunda casa tem desconto de 50%!
Embora SNS já não fique tão bem a promoção...

No Estado é ao contrário produz mais é mais penalizado.
Não admira que com esta inversão de valores o país esteja a definhar.
Sem imagem de perfil

De Sara a 02.05.2012 às 12:19

De um lado bens essenciais como comida e fraldas, do outro ipads e roupa. São comparáveis em contexto de crise? Não, mas tudo bem. O problema aqui é a canalhice de se colocar todo um supermercado a metade do preço no Dia do Trabalhador. É por isso que nunca leu nada igual sobre as campanhas que escolheu para comparar. E é aí que reside a insensibilidade.
Sem imagem de perfil

De Susana a 02.05.2012 às 12:45

Chama-se a isto um tiro completamente ao lado. A questão está no dia, 1 de Maio, ever heard?
Sem imagem de perfil

De Pedro a 02.05.2012 às 13:23

O problema não está nem no desconto nem nas pessoas que o aproveitaram. Descontos podem ser feitos quando a empresa entender, e numa situação económica como a que vivemos qualquer um de nós aproveitaria a folga orçamental.

O problema está no dia. Num dia que é o dia do trabalhador, num dia onde existiram notícias sobre pressões feitas sobre os trabalhadores para trabalharem no feriado.

Pode ter sido de propósito, pode ter sido só falta de bom senso. A muitas pessoas isto pode não dizer nada, mas a mim indica uma falta de ética, um abuso claro e, acima de tudo, um desprezo pelos trabalhadores.

Felizmente vivemos numa economia de mercado e eu, como consumidor, vou poder exercer a minha vontade de nunca mais fazer compras nesta cadeia.
Sem imagem de perfil

De cenas underground a 02.05.2012 às 13:41

A contestação toda não é pelas promoções. Se fosse no próximo Sábado, ou Domingo, ninguém diria nada. Se fosse no dia 25 de Abril, no dia 10 de Junho, ou em qualquer outro feriado, ninguém diria nada.

A questão está em fazer no Dia do Trabalhador. Seria o equivalente, sei lá, a uma mega promoção, a nível nacional, de pílulas do dia seguinte no dia 25 de Dezembro.

A escolha da data não foi inocente e qualquer análise, mesmo que discordante, que ignore esse "pormenor" é desonesta.
Imagem de perfil

De José Gomes André a 02.05.2012 às 16:50

Na mouche.
Sem imagem de perfil

De rosa a 02.05.2012 às 22:46

Fez-me lembrar o Diácono Remédios:-não havia necessidade ! :)
Sem imagem de perfil

De lol a 03.05.2012 às 17:37

na mouche? god.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D