Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ministro(s) a mais

por João Carvalho, em 20.04.09

Por falta de vontade, o que é grave, ou por falta de capacidade, o que é mais grave, o governo tem óbvia dificuldade para diminuir as suas despesas. Contudo, para grandes males, grandes remédios: se o governo não consegue de outro modo, mais valia ter cortado um ministério inteiro, que a poupança já seria jeitosa.

Com efeito, tratava-se apenas de decidir entre ter um Ministério do Ambiente e da Cultura ou um Ministério da Cultura e do Ambiente. Um e outro são tão transparentes que ninguém sentiria a falta nem daria pela diferença. Percebe-se, claro, que a decisão seria complicada. Afinal, se cortasse os dois teria poupado muito mais. E também ninguém daria por isso...

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 20.04.2009 às 19:56

Épá, isso de cortar os dois até me deu arrepios...
Sem imagem de perfil

De Essa agora! a 20.04.2009 às 19:59

E depois o que faziam à frota de automóveis, assessores e secretárias?
Sem imagem de perfil

De Luís Reis Figueira a 20.04.2009 às 20:11

Penso que a questão se resolveria, não com cortes, mas talvez apenas com uma reformulação de dois em um. O problema pôr-se-ia na designação do novo ministério: - Ministério do Ambiente Cultural ou Ministério da Cultura Ambiental ?? Um caso para pensar...
Sem imagem de perfil

De Virgínia a 20.04.2009 às 20:34

A melhor maneira de diminuir as despesas é dispensar, em todos os Ministérios, metade dos acessores, e metade dos acessores dos acessores.
Acabar com as mordomias, afinal ganham bem demais bem podem comprar um popó e pagar a respectiva gasolina e manutenção!
Mas NUNCA dispensar a senhora dos cafézinhos!
É quem faz mais falta e de quem é mais notada a sua ausência!
Sem imagem de perfil

De Berbigão a 20.04.2009 às 21:16

Acessores? O que é isso, Virgínia?
Sem imagem de perfil

De Virgínia a 20.04.2009 às 21:32

Ups!
Obrigada Berbigão!
A palavra correcta é assessores.
Desculpem a calinada!!!
Imagem de perfil

De Carlos Barbosa de Oliveira a 20.04.2009 às 21:50

Havendo vontade, até se podia cortar mais um ou dois, mas o problema resolvia-se facilmente, cortando algumas mordomias. Que não são exclsivas dos ministérios, mas se estendem também a Direcçoes Gerais e Comissões imprestáveis, que só iteressam a quem anda por lá a ganhar uns dinheiritos.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 20.04.2009 às 22:02

Cá no meu entender, há mas é ministros a menos. Falta, por exemplo, o Ministro da Qualidade de Vida.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 20.04.2009 às 23:20

Infelizmente, é bem verdade. Nunca houve tanta falta de cultura do Ambiente, nem tão pouco ambiente para a Cultura. Temos um governo que só sabe contar tostões (cêntimos, melhor dito) e só está preocupado com o curto prazo. O dos votos, claro.

Comentar post



O nosso livro





Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2017
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2016
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2015
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2014
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2013
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2012
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2011
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2010
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2009
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D