Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O meu gato e eu

por Teresa Ribeiro, em 09.03.12

Manipular um cão é abusar da sua pureza, mas com um gato é diferente. Um gato está mesmo a pedi-las.


20 comentários

Sem imagem de perfil

De rui a 09.03.2012 às 16:03

sempre...
Sem imagem de perfil

De pássaro viajeiro a 09.03.2012 às 16:29

Que profunda verdade o seu post encerra!
Está mesmo a pedi-las...sempre!
O problema está em que isso é bichinho que a sabe toda...todinha!
Manipulá-lo? Pois sim! Isso é predicado de sua lavra, que é assim a modos de como quem diz: olha-me para este ingénuo dono.

Eheh...
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 10.03.2012 às 23:01

Pensa ele, na sua arroganciazinha felpuda, mas eu conheço-lhe os pontos fracos ;)
Sem imagem de perfil

De Dressed To Kill a 09.03.2012 às 16:53

Ui, ui...que maquinações não passaram por esta minha cabecinha maldosa e conspurcada:-)
Emtão a menina "manipula", tipo experiência laboratorial?Com o cão e o gato?
É, já agora, os resultados são prazenteiros?Hem!??
Vá, conte lá (aqui) aos seus leitores....:-))
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 10.03.2012 às 23:02

Imaginaçãozinha delirante a sua...
Sem imagem de perfil

De Cristina Torrão a 09.03.2012 às 18:49

Tu lá sabes, confio no teu juízo. Tens experiência e sensibilidade suficientes ;)
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 10.03.2012 às 23:04

Posso lá deixar-me vencer por um peluche! Era o que faltava.
Sem imagem de perfil

De Carlos Cunha a 10.03.2012 às 10:37

afinal, "curiosity killed the cat".

mas é preciso ter muita atenção, porque:

"I had been told that the training procedure with cats was difficult. It's not. Mine had me trained in two days". ~Bill Dana
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 10.03.2012 às 23:09

Eheheheh! Estou a adorar esta sua recolha temática.
Imagem de perfil

De Patrícia Reis a 10.03.2012 às 22:50

As nossas duas gatas - a Maia e a Mia - não nos ligam pevide. Há quatro anos. Não se educa uma gata, ou duas neste caso. Já o cão é outra conversa:)
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 10.03.2012 às 23:21

Quando adoptei o primeiro, o veterinário avisou-me logo: "Ele jamais reconhecerá a sua autoridade. Num gato ninguém manda". Fiquei perplexa a olhar para o bichano, uma bola de pelo com um palmo de comprimento e olhos ainda de cor indefinida.
Imagem de perfil

De Patrícia Reis a 11.03.2012 às 02:03

Pois, estas tinham duas semanas quando vieram cá para casa e devem ter sido rainhas numa outra vida. Eu cá submeto-me às exigências de comida e tal, um canto com sol e almofada e não digo nada, nem mesmo sobre os pêlos que, pacientemente, tiro com rolos de fita adesiva. O cão, enfim, é um cão: atira-se a nós sempre que nos vê e quer é mimo. É um belo cão, parece um tapete. Foi abandonado à nascença por ter uma hérnia. Era uma bola de pêlo. É, afinal, um cão de uma raça muito digna, um lhasa apso, imagine-se. Tibetano, portanto. Ninguém diria. Ele quer mesmo é biscoitos e festas. Um beijo e bom domingo
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 11.03.2012 às 13:24

Resto de bom domingo, Patrícia.
Imagem de perfil

De Patrícia Reis a 11.03.2012 às 14:04

:) bom domingo Teresa
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 11.03.2012 às 11:20

Gosto muito desta tua guerra das rosas com o teu gato, Teresa. Nunca tive um gato, mas acho-os admiráveis por isso mesmo: não se submetem nem cedem a chantagens afectivas, como os cães. E eu gosto muito de cães, note-se.
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 11.03.2012 às 13:23

É uma aprendizagem muito divertida, que estou a viver ainda com o entusiasmo dos iniciados. Sou novata nisto. Tive o meu primeiro bicho há cinco anos. Em criança nunca tive nenhum que fosse meu.
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 11.03.2012 às 12:42

Não te iludas, Teresa :)
Imagem de perfil

De Teresa Ribeiro a 11.03.2012 às 13:19

Ehehe! Fala a muita experiência, não é? Mas eu prefiro assumir as certezas de quem ainda anda nisto há pouco tempo :)
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 11.03.2012 às 16:57

Os gatos são como as pessoas, Teresa, cada um à sua maneira, mas manipulação é unívoca e raramente de nós para eles, portanto...
Olha o que me tem vindo visitar: http://o-meu-pai-e-eu.blogspot.com/2012/03/lotacao-esgotada.html
Para minha grande felicidade descobri que tem dono. Nem sabes o alívio.
Sem imagem de perfil

De Matilde a 11.03.2012 às 15:45

Na minha infância tive um galo.
Um dia mataram-no para churrasco, nunca mais quis animal nenhum

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D