Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Afinal o melhor ataque é a defesa

por José António Abreu, em 01.12.11

José Alberto Carvalho, há minutos, no Jornal da TVI: «Nas últimas horas, os mercados voltaram a atacar. Os juros da dívida pública portuguesa bateram novos máximos e Espanha e França também foram atingidas. Espanha foi ao mercado financiar-se e pagou os juros mais altos desde a entrada do país na moeda única.»

Portanto: os países «vão aos mercados» mas estes é que «atacam»? Devo estar a ver mal a mecânica da coisa porque, assim de repente, parece-me que «os mercados» se defendem. Ou, no limite, que contra-atacam.


17 comentários

Imagem de perfil

De João Carvalho a 01.12.2011 às 21:40

Aquilo nem são mercados — são passerelles. Os países pavoneiam-se (que é uma forma popular de "andar ao ataque") e é ver quem dá mais.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 02.12.2011 às 00:45

Trottoirs, portanto...
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 08:16

Nem sei que responda a comentários tão mordazes e impiedosos, meninos. Talvez isto: comentários assim não combinam com almas simpáticas e caridosas como as vossas; combinam mais com a minha.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 02.12.2011 às 11:54

Ah, não te iludas: por baixo das nossas peles de cordeiros, fofas como nuvens, vivem lobos de dentes afiados e garras prontas a atacar. Como os mercados, mais ou menos. ;-)
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 12:14

OK, lembra-me de não te cutucar (i.e., não te pedir dinheiro).

(Por causa de uma conversa com o Rui, mais abaixo nestes comentários, estou numa de terminologia brasileira.)
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 02.12.2011 às 12:50

Cê fala como cê tem vontade, viu? Tudo jóia.
Sem imagem de perfil

De Torcato Guimaraes a 01.12.2011 às 21:49

Muito bem. De facto, há uma linguagem tendenciosa porque pressupõe uma "animalidade".

Não entendo no entanto porque razão 6 dos países da UE têm triplo A dos 13 ...Afinal ...deviam agradecer às agências...

Em suma, não querem verem o real porque colocam o desejo à frente ...
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 08:27

Torcato: e, ainda que assumíssemos a animalidade, não seria como um cão raivoso à solta mas como um que nós vamos provocar ao seu quintal. Se o deixarmos em paz, provavelmente ele até acabará por vir pedir festinhas, cauda abanando de um lado para o outro...

E eu também não percebo. Mas a questão dos ratings segue uma lógica parecida com aquela que nos leva a criticar quem não compra dívida pública e depois a acusar os bancos de terem comprado demasiada, colocando-se em risco. Isto é: mantenham os ratings elevados ou acusamos-vos de mil e uma motivações obscuras mas, depois do inevitável estoiro, a culpa foi vossa por terem mantido os ratings elevados (ver subprime).
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 01.12.2011 às 22:12

A táctica da informação sobre mercados é 2 à linha e 3 à pesca.
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 08:31

Eh, tenho a certeza de que tens razão mas espera aí um bocadinho enquanto eu vou pesquisar o significado da expressão.
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 08:40

Não consigo. Nem o Google nem o Bing a apresentam nas primeiras páginas de resultados. Mas já valeu a pena o trabalho só por este glossário (aviso: há referências a robalos e estão logo no título):

http://www.robaloflecha.com/site/16/pg3.asp

Fiquei a saber que nem "calça branca" sou.
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 02.12.2011 às 09:33

É sempre um momento feliz aquele em que contribuímos para a descoberta interior de alguém. Melhor ainda quando constatamos, do fundo da nossa humildade socrática, que estamos mais ou menos no mesmo ponto.
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 12:09

Podemos ir à pesca um dia destes, Rui. Apesar de provavelmente acabarmos a "bater fofo".
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 02.12.2011 às 12:51

Perdão?? Meninos, contenham-se... lol
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 02.12.2011 às 13:02

Eu, pela minha parte, estava mesmo de saída. Afinal de contas, ainda tenho para acabar um texto para chatear o Luís. M. Jorge.
Sem imagem de perfil

De sampy a 01.12.2011 às 22:49

O pior ainda é que a notícia não está correcta. Os juros da dívida portuguesa bateram novos máximos, sim, tal como os da grega. Mas os de Espanha e França terminaram a sessão a descer pelo segundo dia consecutivo. Tal como os de Itália, Bélgica e Alemanha.
Espanha foi ao mercado financiar-se e, sim, pagou os juros mais altos desde a entrada do país na moeda única. No entanto, conseguiram-se juros mais baixos do que aquilo que era aguardado; os mais baixos das últimas três semanas.
Imagem de perfil

De José António Abreu a 02.12.2011 às 08:35

Ou seja: a notícia conta a parte mais sensacionalista da história e omite os pormenores chatos, ainda que relevantes. Parece-me normal para uma notícia televisiva, sampy...

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D