Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Manso é a tua tia, pá

por Pedro Correia, em 05.05.11

Na hora de anunciar as alegadas "boas notícias" (uma das quais, sobre a Caixa Geral de Depósitos, logo desmentida pelos factos), ele apareceu a "falar ao País" em directo, no intervalo de um jogo de futebol. Na hora de confirmar as más notícias, mandou outro falar por ele. Uma atitude que o define. Ainda melhor do que já sabíamos.


6 comentários

Sem imagem de perfil

De a.marques a 05.05.2011 às 11:36

Se com tal avalanche de manobras circenses ele consegue convencer o País, então estaremos bem assim.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 05.05.2011 às 17:41

Não sei se convence o País. Até agora só conseguiu convencer a Marktest.
Sem imagem de perfil

De Carlos Dias Ferreira a 05.05.2011 às 11:58

Pedro:

Este trapaceiro que infelizmente ainda é presidente do conselho de ministros, se tivesse um pingo de vergonha na cara já tinha pedido desculpa a todos nós pelos 6 anos de "fartar vilanagem" desde que ele e a sua seita tomaram de assalto o país.
Responsabilizar criminalmente esta gentinha é pouco para o buracão financeiro que fizeram a Portugal e muito sinceramente gostaria de saber para onde foi o dinheiro que mensalmente pago de impostos.
No dia 5 de Junho temos de saber efectuar a mudança acompanhada da " barrela de dessocratização" do país mas esta gente não pode ficar impune mais uma vez.
Sem imagem de perfil

De amendes a 05.05.2011 às 16:21

...(...) " Encarrega-me o Exmº. Senhor Procurador Geral da República ( até hoje portuguesa) comunicar a Excia que lhe foi instarado processo criminal, por ofensa à honra de Sua Excelência o Promeiro Ministro...
( procº. 10.000.000 B)..."
A
Procuradora Adjunta
Maria do Diabo Que Me Carregue
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 05.05.2011 às 18:43

Foi cómico vê-los assim, lado a lado. Não fora a cara de fúria contida da "esposa" Teixeira dos Santos, e até me teria enternecido este regresso ao lar doce lar, depois de tanto tempo em parte incerta. Mas não me convenceram... ali há claramente violência doméstica. Os adultérios não se perdoam.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 05.05.2011 às 21:19

Fez-me lembrar o velhinho 'Museu do Cinema', Ana. Com o Sócrates no lugar do António Lopes Ribeiro e o ministro da Penúria no lugar do maestro António Melo. Com a diferença de que o silencioso maestro ainda dizia 'boa noite'. Este entrou mudo e saiu calado. E com uma carranca de meter medo ao susto.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D