Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Temos os melhores professores

por João Carvalho, em 30.01.11

Acabámos de ouvir Marcelo Rebelo de Sousa prestar uma homenagem aos professores que o primeiro-ministro e a ministra da Educação não tiveram o cuidado — e até a lisura — de fazer em devido tempo. Embandeiraram em arco sobre a qualidade do ensino e a melhoria de qualidade dos alunos portugueses na avaliação apresentada pelo badalado Relatório PISA (Programme for International Student Assessment), mas esqueceram-se (?) de dar conta de outro dado focado no documento: os professores portugueses são os docentes mais cotados pelos alunos nos vários parâmetros considerados, entre os 33 países avaliados para aquele relatório.

É com gosto que aqui contribuímos para este este gesto de justiça a que assistimos agora. O primeiro-ministro e a ministra da tutela podem limpar as mãos à parede com o mau papel que quiseram assumir, mas é possível que, mesmo tarde, o DELITO ajude a ampliar aquilo que é devido.


18 comentários

Imagem de perfil

De Ana Vidal a 30.01.2011 às 22:24

Não haveria melhoria no ensino sem bons professores, e os professores portugueses bem merecem reconhecimento público. Nas condições em que trabalham, são uns heróis.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 30.01.2011 às 23:11

E, pelos vistos, reconhecidos. Tenho a certeza de que é isso.
Sem imagem de perfil

De Gonçalo Correia a 30.01.2011 às 23:22

Concordo com Ana Vidal, acrescentando: os professores/formadores (desculpem-me, mas “puxo um pouco à brasa à minha sardinha”) merecem outro reconhecimento público pelo trabalho que desenvolvem. Nem mais! Sei, por experiência própria, as (péssimas) condições em que, muitas vezes, tenho de desenvolver o meu trabalho, da melhor maneira possível.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 00:40

Por falar na sua sardinha: por acaso não era V. o pescador do ponto 2.b) deste 'post' (http://delitodeopiniao.blogs.sapo.pt/2645992.html)?
Sem imagem de perfil

De Gonçalo Correia a 31.01.2011 às 11:41

Não, caro João, não era eu... Sou mais "pescador" no prato.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 16:22

Então somos dois.
Sem imagem de perfil

De Irene Pereira a 31.01.2011 às 09:47

Sou professora há 22 anos. Na semana passada, durante uma visita de estudo, um dos meus alunos perguntou-me: Gosta de ser professora? Respondi-lhe: Adoro.
Adoro mesmo. Gosto de os ensinar, de os formar, de lhes abrir os horizontes.
Há muita gente que se esquece que aos professores é confiada uma missão que vai muito para além de ensinar.
Especialmente nos dias de hoje, em que no meio de tanta tecnologia e modernidade, falta o essencial: o afecto, a atenção, os valores, as regras.
Dou aulas numa escola do interior, de grande pobreza sócio-cultural.
É na escola que vão ao museu, que vão a Lisboa, que vão ao teatro, que vão a Paris, que os ensinam as maneiras à mesa. Alguns é na escola que tomam banho e é na escola que a sua roupa é lavada.
Por eles esquecemos os ministros, a papelada inútil, a legislação incompreensível.
Já agora aqui fica o link do jornal da minha escola...
http://agrupamentoalcanede.eu/jornal
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 16:12

Os meus parabéns, Irene. Aquilo que descreve nem precisava de ser precedido pela afirmação de que adora o seu ofício nobre.
Sem imagem de perfil

De Nuno Manuel Costa a 31.01.2011 às 12:08

João, criticar por criticar só porque é o governo não é correcto:
http://www.jn.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=1729264
http://m.tsf.pt/m/newsArticle?contentId=1729273&related=no
http://www.publico.pt/Educa%C3%A7%C3%A3o/primeiroministro-atribui-merito-dos-resultados-aos-professores_1469897

Mais exemplos é só googlar!

Abraço.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 16:20

Grato, Nuno. O que possa ter-me escapado (como a tanta gente) só fica de certeza a dever-se ao modo desproporcionado como o Relatório PISA foi oficialmente apresentado. Acho que este 'post' ajuda a dar o seu a seu dono, na tentativa de equilibrar a publicidade governamental, e nesse ponto ainda me parece que é ajustado mantê-lo aqui.

Um abraço para si também.
Sem imagem de perfil

De Nuno Manuel Costa a 31.01.2011 às 16:45

João, discordo em absoluto.
Neste caso o governo não se fez rogado em auto-elogio, mas também sempre disse que os principais responsáveis eram os professores! Se isso foi amplamente noticiado.

Mas a vontade de sempre criticar o governo é maior!

Repare, elogiar MRS por elogiar os professores passado 2 meses do relatório ter sido conhecido e aproveitar isso para criticar o governo não será "delito" a mais? :)

Abraço.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 17:31

Até pode ser, mas elogiar MRS não é o meu forte e criticar este governo nunca me parece excessivo. Que quer? São fraquezas minhas. Por isso é que também gosto de não estar sempre de acordo com outros. E vice-versa. O que não significa falta de consideração — não me entenda mal.

Um abraço.
Sem imagem de perfil

De Nuno Manuel Costa a 31.01.2011 às 18:40

Caro João, compreendo.

Aceito o seu direito ao excesso de critica ao governo de Sócrates! Mas olhe que a opinião não é só critica!

Abraço.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 18:57

Claro que não, meu caro. Mas a minha fraqueza explica-se: por mim, este governo já tinha ido de vela há muito — sem mais e por muito menos.

Abraço, Nuno.
Sem imagem de perfil

De Nuno Manuel Costa a 31.01.2011 às 20:47

Caro João,

Por mim este governo nunca devia ter substituido o anterior! Mas a democracia tem destas coisas ;)

Abraço.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 31.01.2011 às 20:56

É como eu costumo dizer: no essencial, acabamos por estar de acordo.

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D