Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Presidenciais (16)

por Pedro Correia, em 07.01.11

 

A RTP tenta redimir-se esta noite de uma falha grave: vai enfim entrevistar o candidato José Manuel Coelho (a TVI 24, sem obrigações de serviço público, já o fez ontem à noite).

Tenta redimir-se, sem o conseguir. Porque Coelho, o comunista do Partido da Nova Democracia que tem irritado mais Alberto João Jardim nesta legislatura regional do que todos os cabeças-de-lista do PS nos últimos 30 anos na Madeira, ficou à margem dos debates realizados entre os restantes candidatos presidenciais nos três canais televisivos com expressão nacional. Isto porque os responsáveis editoriais destas televisões decidiram fechar negociações com os estados-maiores dos candidatos para a realização dos referidos debates sem deixar esgotar o prazo legalmente destinado à formalização das candidaturas. Acontece que o Tribunal Constitucional validou José Manuel Coelho quando já estava definido o painel dos debates, o que o deixou excluído deste importante veículo de comunicação com os portugueses. Sendo uma falha grave para qualquer dos canais envolvidos, é-o muito mais no caso da RTP, que tem deveres especiais de isenção e equidistância decorrentes do seu estatuto de serviço público.

Do mal o menos, dir-se-á quando esta noite José Manuel Coelho se sentar defronte de Judite Sousa. É uma das frases mais gastas neste país onde todos nos habituámos a viver sob o signo do mal menor. O facto é que o princípio republicano da igualdade - no caso, o da igualdade de acesso aos órgãos de comunicação social - foi já seriamente ferido nestas presidenciais. Aconteceu com Coelho, candidato "menor". Que clamor não iria por aí se tivesse sucedido com algum dos candidatos ungidos pelo sistema?


24 comentários

Imagem de perfil

De Eduardo Louro a 07.01.2011 às 17:51

Sorte a dele, Pedro!
Espero é que não seja agora mal tratado. Que seja tratado com os respeito que esse imenso mérito que o Pedro lhe reconhece - chatear mais o Alberto João num ano que o PS em 30!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:20

A ver vamos, Eduardo. Só o facto de estar a ser alvo desta injustiça mediática já me suscita alguma simpatia por ele.
Imagem de perfil

De Rui Rocha a 07.01.2011 às 18:03

E o mesmo teria acontecido a outros candidatos 'marginais' que o Tribunal Constitucional tivesse admitido.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:21

Exactamente, Rui. E é como se nada se passasse. Os órgãos reguladores terão sussurrado algum protesto?
Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 07.01.2011 às 18:11

O Pedro deve ter acompanhado todas as eleições realizadas em Portugal. E, por favor tente encontrar nas suas memórias se alguma vez um candidato "menor" (1% sondagens) teve oportunidade de debater "frente a frente" com 4 candidatos muito maiores e uma entrevista em horário nobre (120 minutos no total) fora do tempo de antena.

Outra curiosidade: José Manuel Coelho era pré/candidato como Defensor Moura e não teve direito ao mesmo.

O que parece ( sem teoria de conspiração) é que havia a certeza que Defensor Moura seria candidato e Coelho não. Por isso a surpresa!

Como é que se sabia que um deputado do PS à revelia do partido conseguiria as 7 500 assinaturas válidas. Claro, alguém as trabalhou.

Fernando Nobre a valer logo na 1ª sondagem 6% teve imenso trabalho para as conseguir, necessitou de milhares de voluntários facebook ).
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:22

Ser membro do partido do poder tem as suas vantagens, meu caro.
Sem imagem de perfil

De Luis Melo a 07.01.2011 às 18:17

Assino por baixo. Por estas e por outras já defendi a privatização da RTP.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:24

Não defendo a privatização da RTP: entendo que Portugal deve manter uma televisão pública. Mas a RTP tem a estrita obrigação de cumprir as obrigações que decorrem do facto de ser um serviço público.
Sem imagem de perfil

De Luís Melo a 07.01.2011 às 19:42

Para ser mais correcto, sugiro leitura do post que escrevi acerca do assunto: http://eramaisumfino.wordpress.com/2010/09/26/o-tabu-da-tv-publica/
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:55

Vou ler, Luís.
Sem imagem de perfil

De Gi a 07.01.2011 às 19:04

E a Comissão de Eleições não diz nada, pois não?
Só não é inacreditável porque já se acredita em (quase) tudo.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:25

Que eu saiba, nada disse.
Imagem de perfil

De João Severino a 07.01.2011 às 19:36

Bem hajas por este post, caro Pedro. Todos os dias temos provas de que há portugueses de primeira e de segunda. Que se retire da Constituição a tal igualdade de cidadania.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 19:56

O pior, João, é que esse fosso tem vindo a aumentar.
Sem imagem de perfil

De Gonçalo Correia a 07.01.2011 às 19:38

Temos um país que vive, sistemática e invariavelmente, de males menores, sem dúvida. Trata-se de uma desculpa fácil e esfarrapada, até à exaustão! Por isso, e por muito mais (é certo), continuamos, e acentuamos, a senda do definhamento geral. Com algumas excepções, por exemplo: nestes dias, os motards portugueses no Dakar têm dado provas de excelência, em vias de extinção por terras lusas (embora sejam esquecidos por muitos).

Temos um sistema político plutocrático. Temos um sistema económico/financeiro plutocrático. Temos uma sociedade plutocrática, em excesso. Para mim, isto tudo é muito mais grave do que o centralismo reinante (atenção, nesse lote “reinante”, não incluo a diversidade de abordagens deste blogue, claro). E mais não escrevo, por agora.

Adenda: Bom fim de semana!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 20:01

Obrigado pelo seu contributo, Gonçalo. Bom fim de semana.
Sem imagem de perfil

De Mónica a 07.01.2011 às 19:42

Também acho incrível a exclusão de José Manuel Coelho dos debates. A minha intenção era votar em branco (pena que o Garcia Pereira não concorra desta vez!) mas, depois de ver a entrevista de JMC ontem à noite na TVI24 - e porque o voto em branco não é considerado voto expresso, infelizmente - ganhei um candidato. Coelho à presidência!
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 07.01.2011 às 20:01

De facto, vale bem mais do que um voto em branco (que não vale nada, pelo menos nesta eleição).
Sem imagem de perfil

De Sara a 07.01.2011 às 21:05

E está a ser um belo espectáculo...
Não vou levar caneta no dia das eleições...
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 08.01.2011 às 01:54

Há lá caneta, Sara.
Sem imagem de perfil

De António Manuel Venda a 07.01.2011 às 23:19

Estive a ver o debate. Achei absolutamente lamentável a forma como Judite de Sousa tratou José Manuel Coelho.
Imagem de perfil

De José Manuel Faria a 07.01.2011 às 23:26

Aconselho esta entrevista, repare na diferença.

http://diario.iol.pt/artmedia.html?id=1223973&pagina_actual=1&tipo=2&mul_id=13370697

Uma vergonha, a Dra. Judite.

Comentar post


Pág. 1/2



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D