Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dez razões para não votar Cavaco

por Pedro Correia, em 13.10.10

 

3. O caso Dias Loureiro

 

Em política não basta ser: é também preciso parecer. Quando o escândalo relacionado com o Banco Português de Negócios eclodiu com estrondo na praça pública, e a conduta do seu administrador Manuel Dias Loureiro foi seriamente questionada, Cavaco Silva portou-se como se nada fosse, ignorando as vozes sensatas que lhe chegavam de vários lados em urgente alerta contra a manutenção do ex-ministro da Administração Interna nas altas funções de conselheiro de Estado, que lhe garantiam imunidade num eventual processo-crime. Dias Loureiro prolongou por um prazo indecoroso a sua presença no Conselho de Estado, para onde fora designado por escolha directa do Presidente da República, perante a insólita passividade deste. A propósito ou a despropósito, não faltou quem lembrasse que Dias Loureiro foi secretário-geral do PSD - cabendo-lhe, portanto, movimentar toda a máquina partidária - quando Cavaco desempenhou as funções de presidente do partido. Esta digressão pelo passado teria sido escusada se Cavaco Silva fosse mais criterioso na escolha dos conselheiros de Estado, uma das raras competências próprias que a Constituição da República lhe atribui.

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Ricardo Sardo a 14.10.2010 às 00:16

Boa noite Pedro.
Sobre Cavaco e o BPN recordo-me de que afirmou (vi e ouvi na tv) que nunca tinha dado ordem para vender as acções da SLN e recordo-me de que o Expresso publicou, pouco depois, uma carta assinada por Cavaco em que dá ordens ao gestor para vender as ditas acções. E recordo-me do lucro que teve. A partir desse momento (não tive que esperar pelo vergonhoso episódio do chamado Belémgate) Cavaco deixou de ter a hipótese de contar com o meu voto que, até então, seria provável.
Como a mulher de César, não basta ser sério...
Abraço.
Sem imagem de perfil

De Pedro Ulrich a 14.10.2010 às 10:55

Correndo o risco de me enganar, mas penso qe não, CS afirmou que nunca teve relações comerciais com o BPN, não a SLN... Quando falamos em Verdade/Mentira, estes preciosismos fazem toda a diferença...
Mas que sai mal na fotografia, admito que sai... mas como já disse antes, seria praticamente impossível sair "melhor", mesmo sem ter "culpas no cartório"...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D