Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Saltos altos, baixas letras

por Ana Vidal, em 03.06.10

"Já se podem alugar malas de luxo em Portugal."

Este é o título de um post de "A Vida de Saltos Altos, o blogue mais cor-de-rosa do Expresso", recentemente relançado e com uma equipa feminina de luxo. Assim é definido pelo próprio jornal, que anuncia "textos diários que prometem humor e sensibilidade". Só não prometem bom português,  o que é uma pena. Mas suponho que não se pode ter tudo.


6 comentários

Imagem de perfil

De ariel a 03.06.2010 às 11:18

"Sonha com uma mala de luxo da Louis Vuitton, Burberry ou Prada (entre outras), e não tem budget para a comprar?" Não, eu cá sonho é com o budget.
:))
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 03.06.2010 às 13:03

Ah, também eu, Ariel! E é tudo uma questão de perspectiva... mesmo para quem for essencial a carteirinha de marca bem visível, aconselho uma outra solução: que agarre no dinheiro que lhe custa o aluguer da dita por 3 ou 4 dias e vá a Istambul pelo mesmo número de dias (o dinheiro chega para isso e ainda tem uma cidade inesquecível como brinde), vá ao fabuloso Grande Bazar e compre uma igualzinha, com número de série e tudo (nem os especialistas as distinguem...). E ainda fica com ela, para alugar a outras incautas que não conheçam o truque...
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 03.06.2010 às 14:48

Ai Ana, o Grande Bazar, valham-me so deuses! O que eu gostava de lá voltar! Adorei, amei, completamente, mas eu sou o tipo de mulher que prefere algo indígena do que uma falsificação duma marca qualquer, até porque quem me conhece sabe que não tenho guito para comprar um objecto desses.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 03.06.2010 às 23:30

Uma perdição, Leonor... e ainda por cima é uma beleza por dentro. Mas eu sou como tu, o que me tenta são os produtos locais. Perdi-me com casacos de seda bordados à mão (por meia dúzia de euros), balandraus, pasheminas, pratas, etc. E os tapetes, que são o meu pecado mortal...
Imagem de perfil

De Leonor Barros a 04.06.2010 às 00:20

As pratas é que matam e as pasheminas ajudam. Quanto aos tapetes só demasiado preguiçosa :)
Sim, o edifício é muito bonito e atmosfera muito engraçada. Mais curioso ainda é ir a pé do Grande Bazar à Mesquita Nova, perto do Bazar das Especiarias. É um misto de Feira da Malveira com a Rua dos Fanqueiros. Vi coisas que já não via há anos.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 04.06.2010 às 00:28

Já me esquecia do Bazar das Especiarias (ou Bazar Egípcio), que me encheu as medidas! Ariel, não perca essa delícia, por favor. É uma experiência sensorial única, e todos os sentidos ali são usados ao limite. Uma maravilha estética, ainda por cima.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D