Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Avanços e avanços

por João Carvalho, em 17.05.10

Acabo de ouvir o ex-porta-voz do PS Vitalino Canas dizer repetidamente, com o ar mais feliz do mundo, que a promulgação do diploma sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo é um «imenso avanço civilizacional». Não estou certo, mas isso não vem ao caso — o PS achou que era uma medida fundamental nos tempos que correm, dividiu opiniões e sensibilidades e ganhou a sua.

Do que estou certo é que, entre os imensos avanços civilizacionais, o bem-estar dos cidadãos, com tudo o que isso implica (educação, progresso, segurança, justiça, trabalho, saúde, etc.), é claramente prioritário. Prioritário ao ponto de facilitar o casamento e os nascimentos entre os heterossexuais através da esperança de uma vida decente sem sair do país.

Vitalino Canas, no seu esgar de alegria, não foi capaz de captar o essencial e o PS continua sistematicamente a esquecer-se do que são os imensos avanços civilizacionais aos quais lhe competia abrir caminho. Foi mais uma imagem tristíssima, aquela a que acabei de assistir.

Autoria e outros dados (tags, etc)


14 comentários

Sem imagem de perfil

De Chloé a 17.05.2010 às 21:14

Clap, clap, clap! Ferino.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 17.05.2010 às 21:47

Infelizmente, Chloé.
Sem imagem de perfil

De Luís Reis Figueira a 17.05.2010 às 21:39

Eu não ouvi o Vitalino Canas, mas ouvi o Jorge Lacão a deitar alguns foguetes, logo após a comunicação de Cavaco Silva. O que se passa João, é que esta foi uma das poucas (se não mesmo a única) das promessas eleitorais que o PS conseguiu cumprir até ao momento, e isto por uma razão simples: não custa dinheiro. Tudo o mais ficou na gaveta e outras até, que Sócrates jurara a pés juntos há apenas uma semana, que não levaria a cabo, foram 'desengavetadas'. Chamar ao casamento homossexual um avanço civilizacional, parece-me, no mínimo, pífio, e então compará-lo com a abolição da pena de morte, como tem sido feito amiúde, parece-me completamente ridículo.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 17.05.2010 às 21:49

Pífio e ridículo, como dizes. Apetecia-me dizer muito mais. Olha, tens o Lacão mais acima.
Sem imagem de perfil

De Chloé a 17.05.2010 às 22:32

Sobre os avanços civilizacionais outorgados pelo PS, as comparações ridículas e outras (menos recentes) contradições gritantes da era socialista no que toca às "vitórias" dos direitos do indivíduo... é melhor nem falarmos.
Fica subentendido. Para quem perceba.
São umas luminárias.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 17.05.2010 às 22:47

Estou inteiramente de acordo.
Imagem de perfil

De Ana Vidal a 18.05.2010 às 00:16

Tens razão: um "imenso avanço civilizacional" que deixa tudo pendente como estava,não me parece assim tão imenso...
Imagem de perfil

De João Carvalho a 18.05.2010 às 00:31

É à Vitalino Canas.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 18.05.2010 às 00:23

O PS está feliz. Cumpriu uma - finalmente uma! - promessa eleitoral. Falta tudo o resto. Apenas.
Sem imagem de perfil

De lili a 18.05.2010 às 02:28

Somente uma promessa eleitoral foi cumprida, socialmente é uma medida justíssima e de grande peso, gabo-lhes a coragem, independetemente de tudo o resto, i.e, Fernandas Câncios e quejandos e os objectivos partidários, até pode ser, quem sabe? um prego de dois bicos.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 18.05.2010 às 02:33

Às vezes, estas coisas indiciam falta de prego...
Sem imagem de perfil

De Luís Lavoura a 18.05.2010 às 10:17

"dividiu opiniões e sensibilidades"

Não as dividiu, porque elas já estavam divididas.

É um erro pensar que não tratar de um certo assunto polémico faz com que esse assunto deixe de ser polémico, que não abordar uma questão fraturante faz com que ela deixe de fraturar.

É típico da hipocrisia católica pensar isso.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 18.05.2010 às 11:08

Perdi a pachorra. Pelo menos, por algum tempo. Desculpe lá, mas não vou à luta.

Comentar post



O nosso livro






Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D