Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O PS e a pescada fresca

por João Carvalho, em 21.04.10

É muito interessante verificar, no final de cada audiência da comissão parlamentar de inquérito sobre o caso PT/TVI, o modo como o porta-voz ad-hoc de cada partido dá conta aos repórteres do respectivo resultado. Fazem-me lembrar um taxista que costumava dizer-me que só há duas marcas de carros: os Mercedes e os outros.

A verdade é que o PS sai invariavelmente esclarecido e fresco de cada audiência, sem indiciar a necessidade de ir além por um qualquer caminho. Já os restantes partidos, esclarecidos ou não, dão conta das dúvidas suscitadas e manifestam sempre que os dados obtidos apontam para que se prossiga no apuramento dos factos por esta ou por aquela via.

Como um Parlamento, uma comissão parlamentar de inquérito e os parlamentares só podem ser sérios, é evidente que jamais passaria pela cabeça dos deputados socialistas dificultar um inquérito parlamentar desconfortável para o primeiro-ministro. O que acontece é que o próprio primeiro-ministro, diga-se dele o que se disser, é um político cheio de sorte, por ser também secretário-geral do partido mais esclarecido de todos — tão esclarecido que nem precisa de esclarecimentos. O PS é como a pescada, que "antes de o ser já o era".

A não ser que o PS seja como aquele soldado que marchava numa parada e que era o único que ia com o passo certo, quando todos os outros marchavam com o passo trocado. Nesse caso, nós é que ficamos esclarecidos. Que é como quem diz: já pescámos a coisa. E o peixe é do graúdo.


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Fernando Frazão a 21.04.2010 às 17:00

Pelas declarações prestadas não é só PS que é pescada.
O deputado Semedo também já tirou conclusões antes das averiguações.
Este post revela mais uma desonestidade intelectual.
Se quer comentar o filme, comente o filme todo.
Imagem de perfil

De João Carvalho a 22.04.2010 às 00:34

Comento o filme que ando a ver, Frazão, e rejeito a "desonestidade" porque não sofro de partidarites nem tenho dívidas intelectuais. Nem V. me conhece para se dar ares a fazer juízos destes.

Ouvi Semedo dizer mais ou menos o mesmo que os restantes: esclarecido o bastante para estabelecer o confronto com outras declarações antes feitas e para saber por onde lhe interessa continuar. Por isso, escrevi o que escrevi. Mas não me detive nem vou agora deter-me com Semedo, que não é objecto nem inspiração deste 'post'.

Espero que o PS se lembre sempre de si, meu caro. Por mim, continuarei a dizer o que penso, bem e mal, deste e daquele.
Imagem de perfil

De Pedro Correia a 22.04.2010 às 01:12

João Semedo é um dos mais prestigiados deputados portugueses. Tomara a Assembleia da República ter muitos como ele.
Sem imagem de perfil

De Rogerio Pereira a 21.04.2010 às 17:18

Isso. Comente o filme todo, que é como quem diz, toda a peixeirada . Porquê só a pescada, que até mal entra na caldeirada?
Imagem de perfil

De João Carvalho a 22.04.2010 às 00:36

Se mal entra na caldeirada ainda é o que estamos para ver. Acredite no que lhe digo agora: não aceito encomendas, nem vindas de si, porque escrevo sempre o que em apetece. Não sou devedor nem credor.
Sem imagem de perfil

De F. Crispim a 21.04.2010 às 17:36

Está a ser noticiado que Paulo Penedos foi lá dizer que não lhe passa pela cabeça que o primeiro-ministro falte à verdade.
Justíssimo. Só que a notícia omite dois pormenores: a coisa ocorreu numa gravação dos Gato Fedorento e Penedos também garantiu ser o Pai Natal.
Ai, este rigor informativo...

Comentar post



O nosso livro



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.




Links

Blogue da Semana

  •  
  • Afinidades

  •  
  • Lá fora cá dentro

  •  
  • Mais ligações

  •  
  • Informações úteis


    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D